Artigo Anais VI CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 258
GÊNEROS DIGITAIS EMERGENTES: UMA PROPOSTA DE ANÁLISE DO GÊNERO VIRAL MEME

Palavra-chaves: DIALOGISMO, GÊNEROS DIGITAIS, , MEMES Comunicação Oral (CO) GT 19 – Tecnologias e Educação Publicado em 24 de outubro de 2019

Resumo

RESUMO O CRESCIMENTO EXACERBADO DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS É UM FATOR PREPONDERANTE NA CONTEMPORANEIDADE. E, ATRELADO A ESSE CRESCIMENTO, SURGEM GÊNEROS TEXTUAIS QUE, VIA DE REGRA, CIRCULAM COM A MÁXIMA RAPIDEZ ENTRE OS USUÁRIOS DAS REDES SOCIAIS E PROMOVEM UMA INTERAÇÃO DEVERAS DEVASTADORA. ESSA DISSEMINAÇÃO VIRAL, JÁ É FATO CORRIQUEIRO NOS DIAS ATUAIS, E, NÃO RARO, NOS PERGUNTAMOS QUAL A DIMENSÃO DO FASCÍNIO QUE TAIS PUBLICAÇÕES EXERCEM SOBRE AS PESSOAS, TENDO EM VISTA ALCANÇAR UM NÚMERO TÃO ALTO DE VISUALIZAÇÕES. POR ESSE MOTIVO ESCOLHEMOS PARA FAZER PARTE DO CORPUS DA NOSSA PESQUISA UM GRANDE REPRESENTANTE DESSA CATEGORIA DE TEXTOS – O MEME. NESTE TRABALHO, NOSSO OBJETIVO É DISCUTIR ACERCA DO GÊNERO DIGITAL MEME E AINDA ANALISAR O FENÔMENO VIRAL NUMA PERSPECTIVA DIALÓGICA E INTERACIONAL. PARA TANTO, ESCOLHEMOS TRÊS MEMES QUE SE REFEREM AO PERÍODO DE CAMPANHA ELEITORAL DE 2018, CUJO PROTAGONISTA É O ENTÃO PRESIDENCIÁVEL JAIR MESSIAS BOLSONARO. NOSSA PROPOSTA CONSISTE EM COMPROVAR QUE OS MEMES SÃO GÊNEROS TEXTUAIS ESSENCIALMENTE DIALÓGICOS, EM CUJOS DISCURSOS ECOAM OUTRAS VOZES AS QUAIS CONTRIBUEM PARA QUE OS EFEITOS DE SENTIDO INTENCIONADOS PELO PRODUTOR SEJAM ALCANÇADOS E POR CONSEGUINTE ACONTEÇA A VIRALIZAÇÃO. NOSSO TRABALHO SERÁ ANCORADO NOS POSTULADOS DE BAKHTIN (2013), BRAIT (2016), MAINGUENEAU (2015), MARCUSCHI (2004/2009) E OUTROS. COM EFEITO, INTENCIONAMOS MOSTRAR QUE O MEME NÃO TEM APENAS O CARÁTER DE PARÓDIA OU HUMOR, MAS QUE PODE SUSCITAR OUTRAS INVESTIGAÇÕES TEÓRICAS.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.