Artigo Anais CONACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-0186

ASSISTÊNCIA PRESTADA PELOS ENFERMEIROS AO PACIENTE INFARTADO NO ESPAÇO HOSPITALAR FRENTE ÀS NOVAS TECNOLOGIAS.

Palavra-chaves: INFARTO DO MIOCÁRDIO, RELAÇÕES ENFERMEIRO-PACIENTE, AVALIAÇÃO DA TECNOLOGIA BIOMÉDICA Pôster (PO) Enfermagem
"2014-04-09 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 5429
    "edicao_id" => 17
    "trabalho_id" => 113
    "inscrito_id" => 210
    "titulo" => "ASSISTÊNCIA PRESTADA PELOS ENFERMEIROS AO PACIENTE INFARTADO NO ESPAÇO HOSPITALAR FRENTE ÀS NOVAS TECNOLOGIAS."
    "resumo" => "INTRODUÇAO: O cuidado é percebido como uma relação existente entre profissional de saúde e usuário, envolvendo conhecimento científico e uso de habilidades técnicas para o alcance de melhorias na saúde. Neste sentido, a enfermagem por toda a sua historicidade, assume condição significativa nesse processo, valorizando o cuidar na perspectiva da autonomia dos sujeitos, prevenção de agravos e promoção da saúde, principalmente no que se refere a doenças coronarianas, tendo em vista sua especificidade. OBJETIVO: Nesse sentido, este artigo tem como objetivo analisar a referencial bibliográfico publicado sobre o cuidado da enfermagem aos pacientes com história de Infarto do Miocárdio dentro do espaço hospitalar através da contribuição de tecnologias leves. METODOLOGIA: Trata-se de uma revisão bibliográfica de caráter qualitativa, sistemática, utilizando-se como fonte de dados, artigos das bases indexadas da Biblioteca Virtual de Saúde – BVS. Não foi realizado nenhum corte epistemológico relacionado aos anos de publicação, sendo utilizado como critérios de inclusão: idioma português relacionado à temática em questão. RESULTADOS/DISCUSSÕES: Assim, as inovações tecnológicas acabam por amparar a assistência de forma a qualificá-la, tal como a inovação do cuidado, tendo em vista o conjunto de saberes e instrumentos que expressa no processo de produção dos serviços, a rede de relações sociais em que seus agentes articulam suas práticas para melhoria na assistência e qualidade da saúde, em que a produção de vínculo, autonomização, acolhimento e gestão, tornam-se imprescindíveis, para o atendimento aos pacientes que sofrem com o uso intenso e único de tecnologias dura. CONCLUSÃO: Sendo assim, as tecnologias leves proporciona a construção de vínculo, em que, sua efetivação em consonância com as condições individuais de cada paciente e aliado a utilização das tecnologias duras e leve-duras, possibilitam resultados satisfatórios para qualidade da assistência."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Enfermagem"
    "palavra_chave" => "INFARTO DO MIOCÁRDIO, RELAÇÕES ENFERMEIRO-PACIENTE, AVALIAÇÃO DA TECNOLOGIA BIOMÉDICA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_4datahora_11_03_2014_20_01_39_idinscrito_210_99dabe7c5359006956758d8d2361149e.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:51"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:08:39"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "MARIA NAILDE DE CARVALHO RUFINO"
    "autor_nome_curto" => "NAILDE CARVALHO"
    "autor_email" => "naildinhacarvalho@hotmail"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE-UERN"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-conacis"
    "edicao_nome" => "Anais CONACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conacis/2014"
    "edicao_logo" => "5e48b0ffd111d_16022020000327.png"
    "edicao_capa" => "5f183ea35f5aa_22072020102659.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-04-09 00:00:00"
    "publicacao_id" => 15
    "publicacao_nome" => "Revista CONACIS"
    "publicacao_codigo" => "2358-0186"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 5429
    "edicao_id" => 17
    "trabalho_id" => 113
    "inscrito_id" => 210
    "titulo" => "ASSISTÊNCIA PRESTADA PELOS ENFERMEIROS AO PACIENTE INFARTADO NO ESPAÇO HOSPITALAR FRENTE ÀS NOVAS TECNOLOGIAS."
    "resumo" => "INTRODUÇAO: O cuidado é percebido como uma relação existente entre profissional de saúde e usuário, envolvendo conhecimento científico e uso de habilidades técnicas para o alcance de melhorias na saúde. Neste sentido, a enfermagem por toda a sua historicidade, assume condição significativa nesse processo, valorizando o cuidar na perspectiva da autonomia dos sujeitos, prevenção de agravos e promoção da saúde, principalmente no que se refere a doenças coronarianas, tendo em vista sua especificidade. OBJETIVO: Nesse sentido, este artigo tem como objetivo analisar a referencial bibliográfico publicado sobre o cuidado da enfermagem aos pacientes com história de Infarto do Miocárdio dentro do espaço hospitalar através da contribuição de tecnologias leves. METODOLOGIA: Trata-se de uma revisão bibliográfica de caráter qualitativa, sistemática, utilizando-se como fonte de dados, artigos das bases indexadas da Biblioteca Virtual de Saúde – BVS. Não foi realizado nenhum corte epistemológico relacionado aos anos de publicação, sendo utilizado como critérios de inclusão: idioma português relacionado à temática em questão. RESULTADOS/DISCUSSÕES: Assim, as inovações tecnológicas acabam por amparar a assistência de forma a qualificá-la, tal como a inovação do cuidado, tendo em vista o conjunto de saberes e instrumentos que expressa no processo de produção dos serviços, a rede de relações sociais em que seus agentes articulam suas práticas para melhoria na assistência e qualidade da saúde, em que a produção de vínculo, autonomização, acolhimento e gestão, tornam-se imprescindíveis, para o atendimento aos pacientes que sofrem com o uso intenso e único de tecnologias dura. CONCLUSÃO: Sendo assim, as tecnologias leves proporciona a construção de vínculo, em que, sua efetivação em consonância com as condições individuais de cada paciente e aliado a utilização das tecnologias duras e leve-duras, possibilitam resultados satisfatórios para qualidade da assistência."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Enfermagem"
    "palavra_chave" => "INFARTO DO MIOCÁRDIO, RELAÇÕES ENFERMEIRO-PACIENTE, AVALIAÇÃO DA TECNOLOGIA BIOMÉDICA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_4datahora_11_03_2014_20_01_39_idinscrito_210_99dabe7c5359006956758d8d2361149e.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:51"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:08:39"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "MARIA NAILDE DE CARVALHO RUFINO"
    "autor_nome_curto" => "NAILDE CARVALHO"
    "autor_email" => "naildinhacarvalho@hotmail"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE-UERN"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-conacis"
    "edicao_nome" => "Anais CONACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conacis/2014"
    "edicao_logo" => "5e48b0ffd111d_16022020000327.png"
    "edicao_capa" => "5f183ea35f5aa_22072020102659.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-04-09 00:00:00"
    "publicacao_id" => 15
    "publicacao_nome" => "Revista CONACIS"
    "publicacao_codigo" => "2358-0186"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 09 de abril de 2014

Resumo

INTRODUÇAO: O cuidado é percebido como uma relação existente entre profissional de saúde e usuário, envolvendo conhecimento científico e uso de habilidades técnicas para o alcance de melhorias na saúde. Neste sentido, a enfermagem por toda a sua historicidade, assume condição significativa nesse processo, valorizando o cuidar na perspectiva da autonomia dos sujeitos, prevenção de agravos e promoção da saúde, principalmente no que se refere a doenças coronarianas, tendo em vista sua especificidade. OBJETIVO: Nesse sentido, este artigo tem como objetivo analisar a referencial bibliográfico publicado sobre o cuidado da enfermagem aos pacientes com história de Infarto do Miocárdio dentro do espaço hospitalar através da contribuição de tecnologias leves. METODOLOGIA: Trata-se de uma revisão bibliográfica de caráter qualitativa, sistemática, utilizando-se como fonte de dados, artigos das bases indexadas da Biblioteca Virtual de Saúde – BVS. Não foi realizado nenhum corte epistemológico relacionado aos anos de publicação, sendo utilizado como critérios de inclusão: idioma português relacionado à temática em questão. RESULTADOS/DISCUSSÕES: Assim, as inovações tecnológicas acabam por amparar a assistência de forma a qualificá-la, tal como a inovação do cuidado, tendo em vista o conjunto de saberes e instrumentos que expressa no processo de produção dos serviços, a rede de relações sociais em que seus agentes articulam suas práticas para melhoria na assistência e qualidade da saúde, em que a produção de vínculo, autonomização, acolhimento e gestão, tornam-se imprescindíveis, para o atendimento aos pacientes que sofrem com o uso intenso e único de tecnologias dura. CONCLUSÃO: Sendo assim, as tecnologias leves proporciona a construção de vínculo, em que, sua efetivação em consonância com as condições individuais de cada paciente e aliado a utilização das tecnologias duras e leve-duras, possibilitam resultados satisfatórios para qualidade da assistência.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.