Artigo Anais VI CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

QUALIDADE DE VIDA DE IDOSOS COM ESTOMIAS INTESTINAIS

Palavra-chaves: IDOSO, ESTOMIA, QUALIDADE DE VIDA Comunicação Oral (CO) AT 03: Práticas Clínicas e Terapêuticas direcionadas à Pessoa Idosa Publicado em 26 de junho de 2019

Resumo

A ESTOMIA CONSISTE EM UM PROCEDIMENTO CIRÚRGICO COM A FINALIDADE DE DESVIAR, TEMPORÁRIA OU PERMANENTEMENTE, O TRÂNSITO NORMAL DA ALIMENTAÇÃO E/OU ELIMINAÇÕES. OS IDOSOS QUE SE SUBMETEM A UMA ESTOMIA APRESENTAM MAIS DIFICULDADES DO QUE PESSOAS MAIS JOVENS, ALÉM DISSO, ADQUIREM UMA SÉRIE DE INCERTEZAS QUANTO A SUA CONDIÇÃO DE SAÚDE, DEVIDO AO PROCESSO DE ENVELHECIMENTO. O PRESENTE TRABALHO OBJETIVA AVALIAR A QUALIDADE DE VIDA DE IDOSOS COM ESTOMIA, UTILIZANDO O CITY OF HOPE QUALITY OF LIFE – OSTOMY QUESTIONNARIE. TRATA-SE DE UM ESTUDO ANALÍTICO, COM DELINEAMENTO TRANSVERSAL DE ABORDAGEM QUATITATIVA, REALIZADO COM 35 IDOSOS QUE APRESENTARAM ESTOMIA, MEDIANTE A UTILIZAÇÃO DO CITY OF HOPE QUALITY OF LIFE – OSTOMY QUESTIONNAIRE. A MÉDIA DE QUALIDADE DE VIDA DOS PESQUISADOS FOI DE PARA QUALIDADE DE VIDA GERAL; 299, PARA O DOMÍNIO BEM-ESTAR FÍSICO 80,1; PARA O DOMÍNIO BEM-ESTAR PSICOLÓGICO 84,3; PARA O DOMÍNIO DO BEM-ESTAR SOCIAL FOI DE 83,3 E O DOMÍNIO BEM-ESTAR ESPIRITUAL 51, 3. OS CUIDADOS PRESTADOS AOS IDOSOS COM ESTOMIA DEVEM ESTAR EMBASADOS NO CONHECIMENTO CIENTÍFICO DO PROCESSO DE ENFERMAGEM, COMO TAMBÉM NA IDENTIFICAÇÃO DAS PRINCIPAIS NECESSIDADES DE CADA PACIENTE, CONFORME SEUS PERFIS SOCIODEMOGRÁFICOS E CLÍNICOS, COM FINALIDADE DE MELHORAR O ENFRENTAMENTO DESSA NOVA REALIDADE, E CONSEQUENTEMENTE A QUALIDADE DE VIDA.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.