Artigo Anais CONACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-0186

SITUAÇÃO DE ENCERRAMENTO DOS CASOS DE TUBERCULOSE DA 9ª GERÊNCIA REGIONAL DE SAÚDE DA PARAÍBA

Palavra-chaves: TUBERCULOSE, SAÚDE PÚBLICA, TRANSMISSÃO DE DOENÇAS Pôster (PO) Medicina
"2014-04-09 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1638
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 5268
    "edicao_id" => 17
    "trabalho_id" => 723
    "inscrito_id" => 1513
    "titulo" => "SITUAÇÃO DE ENCERRAMENTO DOS CASOS DE TUBERCULOSE DA 9ª GERÊNCIA REGIONAL DE SAÚDE DA PARAÍBA"
    "resumo" => "Introdução: A tuberculose (TB) é uma doença caracterizada clinicamente como sendo infectocontagiosa causada pelo Mycobacterium tuberculosis, transmitida de forma direta através de gotículas contendo os bacilos, estes são liberados através da tosse, fala ou espirro. O tratamento básico da TB é realizado por seis meses, por isso, chamada de “curta duração”, gratuito e de competência dos serviços públicos de saúde. O encerramento deste tratamento pode ser classificado em “sucesso”, ou “insucesso”. É considerada uma emergência mundial, devido sua magnitude epidemiológica, cerca de um terço da população esta infectada, o que equivale a 100 milhões de pessoas por ano, dos quais oito milhões estão doentes. No Brasil, a doença atingiu 71.230 pessoas no ano de 2012, o que corresponde a uma incidência de 36,7/100.000 habitantes, mantendo-o na 17ª posição entre os países com alta carga da doença. Neste mesmo ano, o estado do Paraíba obteve 1.433 casos, destes 32, equivalente a uma incidência de 6,5/100.000, foram registrados nos 15 municípios que compõem a 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba situada em Cajazeiras. Objetivo: Investigar a situação de encerramento dos casos de Tuberculose dos municípios pertencente à 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, no ano 2012. Metodologia: Trata-se de um estudo transversal de caráter descritivo. Teve como população 32 casos de tuberculose notificados no SINAN no ano de 2012. Realizado nos municípios que compõem a 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, situada na cidade de Cajazeiras-PB. Teve como variáveis do estudo: cura, abandono, transferência, óbito por tuberculose, óbito por outras causas, transferência, mudança de diagnóstico, tuberculose multirresistente e em branco. Para obtenção dos dados utilizou-se o SINAN-NET. Para análise foi realizada técnica estatística descritiva obtendo-se a frequência absoluta e relativa, utilizando o programa SPSS 18. Resultados: No ano de 2012, 32 casos de Tuberculose foram notificados na 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, abrangendo um total de 15 cidades paraibanas. Em relação a situações de encerramento dos casos de tuberculose em 2012, a porcentagem de cura foi de 65,6%; de abandono 3,2%; transferência 3,2% e em branco 28,1%.   Conclusão: Identificou-se que os municípios que compõem a 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, não alcançaram a meta de cura preconizada pela organização mundial de saúde que é de no mínimo 85%, entretanto, a meta de abandono de no máximo 5% foi alcançada, apesar da subnotificação, visto que os dados em branco foram elevados. Diante disso, recomenda-se que sejam elaboradas medidas para fortalecer o tratamento diretamente observado e melhoria no preenchimento dos dados no sistema de informações dos sistemas em saúde."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Medicina"
    "palavra_chave" => "TUBERCULOSE, SAÚDE PÚBLICA, TRANSMISSÃO DE DOENÇAS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_4datahora_24_03_2014_18_58_51_idinscrito_1513_d37127e94eae37309db096335f76a488.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:51"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:08:38"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ITALO FRANKLIN BARBOSA ALENCAR E SILVA"
    "autor_nome_curto" => "ITALO FRANKLIN"
    "autor_email" => "italofranklin@live.com.pt"
    "autor_ies" => ""
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-conacis"
    "edicao_nome" => "Anais CONACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conacis/2014"
    "edicao_logo" => "5e48b0ffd111d_16022020000327.png"
    "edicao_capa" => "5f183ea35f5aa_22072020102659.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-04-09 00:00:00"
    "publicacao_id" => 15
    "publicacao_nome" => "Revista CONACIS"
    "publicacao_codigo" => "2358-0186"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 5268
    "edicao_id" => 17
    "trabalho_id" => 723
    "inscrito_id" => 1513
    "titulo" => "SITUAÇÃO DE ENCERRAMENTO DOS CASOS DE TUBERCULOSE DA 9ª GERÊNCIA REGIONAL DE SAÚDE DA PARAÍBA"
    "resumo" => "Introdução: A tuberculose (TB) é uma doença caracterizada clinicamente como sendo infectocontagiosa causada pelo Mycobacterium tuberculosis, transmitida de forma direta através de gotículas contendo os bacilos, estes são liberados através da tosse, fala ou espirro. O tratamento básico da TB é realizado por seis meses, por isso, chamada de “curta duração”, gratuito e de competência dos serviços públicos de saúde. O encerramento deste tratamento pode ser classificado em “sucesso”, ou “insucesso”. É considerada uma emergência mundial, devido sua magnitude epidemiológica, cerca de um terço da população esta infectada, o que equivale a 100 milhões de pessoas por ano, dos quais oito milhões estão doentes. No Brasil, a doença atingiu 71.230 pessoas no ano de 2012, o que corresponde a uma incidência de 36,7/100.000 habitantes, mantendo-o na 17ª posição entre os países com alta carga da doença. Neste mesmo ano, o estado do Paraíba obteve 1.433 casos, destes 32, equivalente a uma incidência de 6,5/100.000, foram registrados nos 15 municípios que compõem a 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba situada em Cajazeiras. Objetivo: Investigar a situação de encerramento dos casos de Tuberculose dos municípios pertencente à 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, no ano 2012. Metodologia: Trata-se de um estudo transversal de caráter descritivo. Teve como população 32 casos de tuberculose notificados no SINAN no ano de 2012. Realizado nos municípios que compõem a 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, situada na cidade de Cajazeiras-PB. Teve como variáveis do estudo: cura, abandono, transferência, óbito por tuberculose, óbito por outras causas, transferência, mudança de diagnóstico, tuberculose multirresistente e em branco. Para obtenção dos dados utilizou-se o SINAN-NET. Para análise foi realizada técnica estatística descritiva obtendo-se a frequência absoluta e relativa, utilizando o programa SPSS 18. Resultados: No ano de 2012, 32 casos de Tuberculose foram notificados na 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, abrangendo um total de 15 cidades paraibanas. Em relação a situações de encerramento dos casos de tuberculose em 2012, a porcentagem de cura foi de 65,6%; de abandono 3,2%; transferência 3,2% e em branco 28,1%.   Conclusão: Identificou-se que os municípios que compõem a 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, não alcançaram a meta de cura preconizada pela organização mundial de saúde que é de no mínimo 85%, entretanto, a meta de abandono de no máximo 5% foi alcançada, apesar da subnotificação, visto que os dados em branco foram elevados. Diante disso, recomenda-se que sejam elaboradas medidas para fortalecer o tratamento diretamente observado e melhoria no preenchimento dos dados no sistema de informações dos sistemas em saúde."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Medicina"
    "palavra_chave" => "TUBERCULOSE, SAÚDE PÚBLICA, TRANSMISSÃO DE DOENÇAS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_4datahora_24_03_2014_18_58_51_idinscrito_1513_d37127e94eae37309db096335f76a488.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:51"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:08:38"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ITALO FRANKLIN BARBOSA ALENCAR E SILVA"
    "autor_nome_curto" => "ITALO FRANKLIN"
    "autor_email" => "italofranklin@live.com.pt"
    "autor_ies" => ""
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-conacis"
    "edicao_nome" => "Anais CONACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conacis/2014"
    "edicao_logo" => "5e48b0ffd111d_16022020000327.png"
    "edicao_capa" => "5f183ea35f5aa_22072020102659.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-04-09 00:00:00"
    "publicacao_id" => 15
    "publicacao_nome" => "Revista CONACIS"
    "publicacao_codigo" => "2358-0186"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 09 de abril de 2014

Resumo

Introdução: A tuberculose (TB) é uma doença caracterizada clinicamente como sendo infectocontagiosa causada pelo Mycobacterium tuberculosis, transmitida de forma direta através de gotículas contendo os bacilos, estes são liberados através da tosse, fala ou espirro. O tratamento básico da TB é realizado por seis meses, por isso, chamada de “curta duração”, gratuito e de competência dos serviços públicos de saúde. O encerramento deste tratamento pode ser classificado em “sucesso”, ou “insucesso”. É considerada uma emergência mundial, devido sua magnitude epidemiológica, cerca de um terço da população esta infectada, o que equivale a 100 milhões de pessoas por ano, dos quais oito milhões estão doentes. No Brasil, a doença atingiu 71.230 pessoas no ano de 2012, o que corresponde a uma incidência de 36,7/100.000 habitantes, mantendo-o na 17ª posição entre os países com alta carga da doença. Neste mesmo ano, o estado do Paraíba obteve 1.433 casos, destes 32, equivalente a uma incidência de 6,5/100.000, foram registrados nos 15 municípios que compõem a 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba situada em Cajazeiras. Objetivo: Investigar a situação de encerramento dos casos de Tuberculose dos municípios pertencente à 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, no ano 2012. Metodologia: Trata-se de um estudo transversal de caráter descritivo. Teve como população 32 casos de tuberculose notificados no SINAN no ano de 2012. Realizado nos municípios que compõem a 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, situada na cidade de Cajazeiras-PB. Teve como variáveis do estudo: cura, abandono, transferência, óbito por tuberculose, óbito por outras causas, transferência, mudança de diagnóstico, tuberculose multirresistente e em branco. Para obtenção dos dados utilizou-se o SINAN-NET. Para análise foi realizada técnica estatística descritiva obtendo-se a frequência absoluta e relativa, utilizando o programa SPSS 18. Resultados: No ano de 2012, 32 casos de Tuberculose foram notificados na 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, abrangendo um total de 15 cidades paraibanas. Em relação a situações de encerramento dos casos de tuberculose em 2012, a porcentagem de cura foi de 65,6%; de abandono 3,2%; transferência 3,2% e em branco 28,1%. Conclusão: Identificou-se que os municípios que compõem a 9ª Gerência Regional de Saúde da Paraíba, não alcançaram a meta de cura preconizada pela organização mundial de saúde que é de no mínimo 85%, entretanto, a meta de abandono de no máximo 5% foi alcançada, apesar da subnotificação, visto que os dados em branco foram elevados. Diante disso, recomenda-se que sejam elaboradas medidas para fortalecer o tratamento diretamente observado e melhoria no preenchimento dos dados no sistema de informações dos sistemas em saúde.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.