Artigo Anais CONACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-0186

Visualizações: 192
UMA ANÁLISE SOCIAL ACERCA DOS FATORES DESENCADEADORES DO USO DE DROGAS NO BRASIL

Palavra-chaves: DROGAS, USUÁRIO, FATORES SOCIAIS Pôster (PO) Serviço Social

Resumo

Introdução: Durante toda a história da humanidade, nas diversas civilizações, o uso de drogas esteve sempre presente no seio social e vários também eram os fatores que levavam ao seu uso, tais como: fator estético, medicinal, lazer, dentre outros. Porém, o seu uso e abuso constitui um grave problema social, em especial na sociedade brasileira, pois se torna cada vez comum e frequente a inserção de crianças, adolescentes e adultos no mundo das drogas, cujos efeitos refletem não somente aos seus usuários, pois o problema se estende por ações resultantes delas, como a violência, o crime organizado, dependência, gastos do dinheiro público com os usuários, dentre outros. Objetivos: O presente trabalho pretende analisar os fatores sociais do uso de drogas no Brasil, ou seja, aqueles desenhados pela própria construção social, bem como entender sua interferência no aumento do uso e abuso de entorpecentes no território nacional. Procedimentos metodológicos: Para abordagem escolheu-se o método dedutivo partindo da premissa geral de que o uso de drogas é determinado por diversas razões, a fim de que através deles possam ser enunciados os fatores sociais (particulares) que têm permeado a realidade brasileira. E como métodos de procedimento, fez-se uso dos métodos monográfico e histórico-evolutivo com manejo da técnica de documentação indireta. Resultados: O que se observa é que a questão das drogas tornou-se um tema de relevante interesse social, já que as mesmas se constituem como produto explorado e incentivado pelo mercado de consumo, sendo possível perceber sua presença nos movimentos sociais da cultura brasileira. Nessa perspectiva, os adolescentes são os mais vulneráveis, e conforme estudo do Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas, os brasileiros ingressam neste submundo a partir dos 13 anos, a menor idade percebida em comparação com outros países da América do Sul. Conclusão: O contexto social no qual o sujeito está inserido é um grande fator para a introdução deste no mundo das drogas, haja vista que não existe mais um estereótipo padrão de usuários, pois, atualmente as drogas atingem todas as classes sociais. Seu uso não está somente associado a fatores como a personalidade, mas também a fatores externos, como conflitos familiares e influências do grupo de amizades. Destarte, é de se mencionar que as drogas geram abusos e agravos de forma sistêmica, alcançam de forma direta os próprios usuários, as suas famílias e consequentemente, atingem a sociedade.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.