Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

UTILIZAÇÃO DO RECURSO DE OFICINA PEDAGÓGICA PARA EDUCAÇÃO SEXUAL: RELATO DE EXPERIÊNCIA.

Palavra-chaves: OFICINA PEDAGÓGICA, EDUCAÇÃO SEXUAL, RELATO DE EXPERIÊNCIA Comunicação Oral (CO) GT 07 - Gênero, Sexualidade e Educação
"2017-12-19 23:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 38869
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 1815
    "inscrito_id" => 3899
    "titulo" => "UTILIZAÇÃO DO RECURSO DE OFICINA PEDAGÓGICA PARA EDUCAÇÃO SEXUAL: RELATO DE EXPERIÊNCIA."
    "resumo" => "É sabido que existem diversas metodologias e recursos que desempenham um papel positivo quando o objetivo é enriquecer o processo ensino-aprendizagem. Dentro desse contexto o professor desempenha um papel decisivo na medida em que precisa desenvolver meios de dinamizar a assimilação de conteúdos por parte dos alunos. A metodologia de oficinas pedagógicas é um bom meio para tratar os temas transversais, os quais estão presentes nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) há pouco tempo, como a sexualidade, tema que gera bastante curiosidade principalmente nos jovens. Para alcançar os objetivos propostos, o método utilizado para o desenvolvimento da oficina foi o Método Investigativo, que tem como finalidade a aprendizagem através de situações problema, buscando informar sobre a mudança de nomenclatura de “DST” para “IST” no contexto da diferença entre portador e doente; promover reflexões acerca das ISTs através da problematização por intermédio de estudos de casos; advertir os alunos sobre as principais vias de transmissão das ISTs e AIDS e o principal método de prevenção ao contágio e propiciar a sensibilização da comunidade escolar através da produção de cartazes pelos alunos após a oficina, e exposição nos corredores da escola. A oficina temática permitiu a diversificação do estímulo da aprendizagem, visto que possibilitou aos alunos sair da rotina de aulas expositivas e participar de uma atividade que tratava de um tema que os interessava por fazer parte de seu cotidiano. A partir de debates e problematizações que resultariam em construir e organizar o conhecimento de forma clara e coesa, e utilizar esse novo conhecimento resignificado para promover a conscientização dos demais alunos do ambiente escolar através de cartazes."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 07 - Gênero, Sexualidade e Educação"
    "palavra_chave" => "OFICINA PEDAGÓGICA, EDUCAÇÃO SEXUAL, RELATO DE EXPERIÊNCIA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA7_ID3899_11092017124739.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:23"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:12"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ANNA CLARA TARGINO MOREIRA SPINELLI "
    "autor_nome_curto" => "ANNA CLARA"
    "autor_email" => "anna_clarasp@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA (UFPB)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-19 23:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 38869
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 1815
    "inscrito_id" => 3899
    "titulo" => "UTILIZAÇÃO DO RECURSO DE OFICINA PEDAGÓGICA PARA EDUCAÇÃO SEXUAL: RELATO DE EXPERIÊNCIA."
    "resumo" => "É sabido que existem diversas metodologias e recursos que desempenham um papel positivo quando o objetivo é enriquecer o processo ensino-aprendizagem. Dentro desse contexto o professor desempenha um papel decisivo na medida em que precisa desenvolver meios de dinamizar a assimilação de conteúdos por parte dos alunos. A metodologia de oficinas pedagógicas é um bom meio para tratar os temas transversais, os quais estão presentes nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) há pouco tempo, como a sexualidade, tema que gera bastante curiosidade principalmente nos jovens. Para alcançar os objetivos propostos, o método utilizado para o desenvolvimento da oficina foi o Método Investigativo, que tem como finalidade a aprendizagem através de situações problema, buscando informar sobre a mudança de nomenclatura de “DST” para “IST” no contexto da diferença entre portador e doente; promover reflexões acerca das ISTs através da problematização por intermédio de estudos de casos; advertir os alunos sobre as principais vias de transmissão das ISTs e AIDS e o principal método de prevenção ao contágio e propiciar a sensibilização da comunidade escolar através da produção de cartazes pelos alunos após a oficina, e exposição nos corredores da escola. A oficina temática permitiu a diversificação do estímulo da aprendizagem, visto que possibilitou aos alunos sair da rotina de aulas expositivas e participar de uma atividade que tratava de um tema que os interessava por fazer parte de seu cotidiano. A partir de debates e problematizações que resultariam em construir e organizar o conhecimento de forma clara e coesa, e utilizar esse novo conhecimento resignificado para promover a conscientização dos demais alunos do ambiente escolar através de cartazes."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 07 - Gênero, Sexualidade e Educação"
    "palavra_chave" => "OFICINA PEDAGÓGICA, EDUCAÇÃO SEXUAL, RELATO DE EXPERIÊNCIA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA7_ID3899_11092017124739.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:23"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:12"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ANNA CLARA TARGINO MOREIRA SPINELLI "
    "autor_nome_curto" => "ANNA CLARA"
    "autor_email" => "anna_clarasp@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA (UFPB)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-19 23:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 19 de dezembro de 2017

Resumo

É sabido que existem diversas metodologias e recursos que desempenham um papel positivo quando o objetivo é enriquecer o processo ensino-aprendizagem. Dentro desse contexto o professor desempenha um papel decisivo na medida em que precisa desenvolver meios de dinamizar a assimilação de conteúdos por parte dos alunos. A metodologia de oficinas pedagógicas é um bom meio para tratar os temas transversais, os quais estão presentes nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) há pouco tempo, como a sexualidade, tema que gera bastante curiosidade principalmente nos jovens. Para alcançar os objetivos propostos, o método utilizado para o desenvolvimento da oficina foi o Método Investigativo, que tem como finalidade a aprendizagem através de situações problema, buscando informar sobre a mudança de nomenclatura de “DST” para “IST” no contexto da diferença entre portador e doente; promover reflexões acerca das ISTs através da problematização por intermédio de estudos de casos; advertir os alunos sobre as principais vias de transmissão das ISTs e AIDS e o principal método de prevenção ao contágio e propiciar a sensibilização da comunidade escolar através da produção de cartazes pelos alunos após a oficina, e exposição nos corredores da escola. A oficina temática permitiu a diversificação do estímulo da aprendizagem, visto que possibilitou aos alunos sair da rotina de aulas expositivas e participar de uma atividade que tratava de um tema que os interessava por fazer parte de seu cotidiano. A partir de debates e problematizações que resultariam em construir e organizar o conhecimento de forma clara e coesa, e utilizar esse novo conhecimento resignificado para promover a conscientização dos demais alunos do ambiente escolar através de cartazes.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.