Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 204
RELACIONAMENTOS AMOROSOS E CIÚME NA ADOLESCÊNCIA: AS CONCEPÇÕES DE ALUNAS DO ENSINO MÉDIO

Palavra-chaves: RELACIONAMENTOS AMOROSOS, CIUMES, ADOLESCÊNCIA, ENSINO MÉDIO Comunicação Oral (CO) GT 07 - Gênero, Sexualidade e Educação

Resumo

A adolescência é marcada por uma fase de crise, em que os sujeitos, diante da insuficiência das referências da infância, são convocados a buscar novas relações sociais com o intuito a construir sua identidade. Assim, os relacionamentos amorosos são entendidos como laços sociais importantes nesta fase do desenvolvimento. Os namoros atuais apresentam regras bastante flexíveis e pode deixar o sujeito inseguro, surgindo os ciúmes. Ainda, essas relações devem ser analisadas na adolescência, pois se trata de sujeitos com sentimentos bastante intensos. Assim, esse estudo teve o objetivo de analisar as concepções que um grupo de estudantes do ensino médio acerca dos relacionamentos amorosos e ciúmes. Utilizou-se a pesquisa-ação e análise do discurso. Os dados foram coletados durante dois encontros de um grupo realizado, realizado num Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia, com o intuito de discutir questões sobre o corpo e sexualidade. Os temas sobre relacionamentos amorosos e ciúmes surgiram ao longo dos encontros e foram sugeridos pelas próprias participantes. Os resultados apontaram que as estudantes entendem que as relações sufocantes devem ser evitadas, pois tem como consequência o isolamento social. Ainda, ao falarem de ciúmes, apontaram que o mesmo acontece por conta do medo de ficar sozinha. Parte do grupo acredita que a dor da perda é muito intensa e por isso as diversas reações frente ao término do namoro são justificadas. Verifica-se que é relevante discutir essas concepções, pois é a partir da exposição das ideias que o adolescente pode reconstruir conceitos que tornam base para relacionamentos mais saudáveis.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.