Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 238
A PERCEPÇÃO DOS ALUNOS NO ENSINO MÉDIO E SUPERIOR SOBRE O USO DE JOGOS DIDÁTICOS PARA O ENSINO DO QUÍMICA

Palavra-chaves: JOGOS DIDÁTICOS, QUÍMICA ORGÂNICA, CTSA Pôster (PO) GT 16 – Ensino de Ciências Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

Os jogos didáticos são jogos com propósito educativo que estão presentes em todas as áreas de conhecimento e, que podem ser utilizados por todas as idades, com diversos conteúdos; sendo por isso considerados uma ótima ferramenta pedagógica auxiliar ao ensino de Química, em especial, de Química Orgânica, pois permite aos alunos uma maior interação da turma com o docente e com os assuntos trabalhados em sala. Através dos jogos é possível compreender/aprender os conteúdos mais abstratos, além de ser possível contextualizar o conhecimento, relacionando com o cotidiano; fazendo com que os alunos sejam responsáveis pela construção de seu conhecimento e, se tornem mais críticos a cada conhecimento adquirido. Diante deste cenário, o objetivo desse trabalho foi avaliar e comparar a contribuição do jogo “Brincando com os Hidrocarbonetos” como ferramenta auxiliar ao processo de aprendizagem do conteúdo Hidrocarbonetos, entre turmas do 3º ano do ensino médio de uma Escola de Referência na cidade de Palmares e, uma turma de 5º período do curso de Química Licenciatura da Universidade Federal de Pernambuco-Campus Agreste. O jogo aplicado abordou questões sobre nomenclatura, fórmula estrutural, classificação de cadeias dos Hidrocarbonetos que foram trabalhados em sala pelos docentes. Este também possuía questões contextualizadas com o cotidiano do aluno sobre o uso de Hidrocarbonetos, como sugere a abordagem CTSA, que interliga de modo eficiente ciência, tecnologia e os problemas ambientais, tornando possível trabalhar de forma transversal diversos conteúdos do cotidiano em sala de aula. Estas questões foram incluídas no jogo e tinham a função de estimular os alunos a conhecer a Química que está além do conhecimento científico, e assim consolidar os conhecimentos pré-existentes A partir do que foi observado, pode-se concluir que de fato o jogo proposto constitui-se numa importante ferramenta auxiliar ao processo de aprendizagem, pois percebeu-se através das análises comparativas das respostas dos questionários aplicados e da aplicação do jogo, que houve uma redução no índice de erros referentes as dificuldades apresentadas pelos alunos com relação ao conteúdo abordado.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.