Artigo Anais IV SINALGE

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0028

RELAÇÃO DIALÓGICA ENTRE O POEMA CINCO SENTIDOS, DE ALMEIDA GARRET E A CANÇÃO CATAFLOR, DE TIAGO IORC: LEITURA E ENSINO EM PERSPECTIVA.

Palavra-chaves: POESIA, MÚSICA, ENSINO DE LITERATURA, INTERSEMIOSE Comunicação Oral (CO) GT18-LITERATURA NA ESCOLA: ENSINO E PESQUISA Publicado em 27 de abril de 2017

Resumo

Nas últimas décadas temos assistido a um avanço nas tecnologias, em vários espaços pelos quais circulam os sujeitos. Tais tecnologias exigem mudanças no ensino, principalmente no que se refere ao ensino de literatura. Nesse sentido, é necessário que o professor amplie seus métodos, introduzindo nas aulas de literatura uma relação dialógica com a intersemiose, ou seja, considerar o diálogo entre a literatura com outros meios, sejam eles imagens, sons, animações, entre outros. Pensando nessas linguagens intersemióticas, pretendemos neste artigo analisar a representação do amor nas relações dialógicas do poema Cinco sentidos (1853) de Almeida Garret com a música Cataflor (2015), interpretada pelo cantor paranaense Tiago Iorczesk. À luz da teoria de noções de Leitura, Literatura e Interdisciplinaridade, de Martins (2006), além dos pressupostos teóricos de Roxo & Moura (2012) e Rodrigues (2003), acreditamos que a análise dialógica do poema com a música em destaque contribuirá para proporcionar aos discentes aulas que priorizem uma leitura lúdica de construção e reconstrução de sentidos do texto literário, já que as músicas “imitam consciente ou inconscientemente os estilos literários”, (RODRIGUES, 2003, p.13). O artigo apresenta, além da crítica literária do corpus numa perspectiva comparativa e mediante a base teórica citada, estratégias para trabalhar com esse poema no Ensino Médio, fornecendo sugestões didáticas a fim de estabelecer um ensino comprometido com preceitos teórico-metodológicos dos documentos oficiais (OCEM, 2006; Referenciais Curriculares para o Ensino Médio da Paraíba, 2007) e do letramento literário (COSSON, 2009; 2014).

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.