Artigo Anais IV SINALGE

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0028

Visualizações: 193
O DIÁRIO DE LEITURAS NA SALA DE AULA: UM INSTRUMENTO PARA A FORMAÇÃO DO LEITOR DE LITERATURA

Palavra-chaves: LEITURA LITERÁRIA, FORMAÇÃO DE LEITORES, DIÁRIO DE LEITURAS Comunicação Oral (CO) GT18-LITERATURA NA ESCOLA: ENSINO E PESQUISA Publicado em 27 de abril de 2017

Resumo

Esta pesquisa tem por objetivo analisar como o gênero diário de leituras pode ser abordado com o objetivo de contribuir para a formação do leitor de literatura na sala de aula. Sendo um gênero cujo uso didático é ainda pouco estudado, constitui-se numa ferramenta bastante útil para o desenvolvimento da leitura nos estudantes, pois, à medida que se vai lendo, o leitor vai registrando suas impressões, dúvidas, opiniões em seus diários face ao texto lido. Dessa maneira, a produção do diário promove um verdadeiro diálogo entre o leitor e o autor do texto. No que se refere à leitura e fruição de textos literários, a produção diarista pode servir para que o estudante exponha suas interpretações, suas emoções, suas experiências de vida e tudo mais o que o texto literário desperta nele. Através da mediação do professor, tais registros podem ser compartilhados na sala de aula, promovendo uma troca de aprendizados e, sobretudo, de experiências e desenvolvendo o hábito da leitura literária entre os estudantes. Teoricamente esta pesquisa foi embasada nos estudos Colomer(2007), Cosson (2014), Lajolo(2000) Machado(1998) entre outros estudiosos.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.