Artigo Anais IV SINALGE

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0028

A REPRESENTAÇÃO DO NEGRO NO CONTO “PAI CONTRA MÃE”, DE MACHADO DE ASSIS.

Palavra-chaves: GÊNERO CONTO, REPRESENTAÇÃO DO NEGRO, MACHADO DE ASSIS Comunicação Oral (CO) GT18-LITERATURA NA ESCOLA: ENSINO E PESQUISA Publicado em 27 de abril de 2017

Resumo

RESUMO O conto “Pai contra Mãe” de Machado de Assis apresenta em sua narrativa o modo como o negro é representado na época em que a obra está circunscrita. Através de uma análise mais significativa e atenta desperta a criticidade do leitor em relação ao tratamento e as representações tanto do autor como da sociedade no período sob o qual o conto foi escrito, objetivo maior de nossa análise. A leitura realizada revela a forma fria, cruel e desumana de como os negros eram tratados pela sociedade do final do século XIX. O texto nos mostra uma luta desigual entre um “pai branco” e uma “mãe negra” frente à luta do pai Candinho, capturador de escravos fugidos, para manter seu filho e não ter que abandoná-lo na roda dos enjeitados e da escrava Arminda grávida, mercadoria de valor, levada de volta ao seu dono, lutando pela manutenção de sua liberdade frágil. Observa-se também na narrativa uma das formas mais grotescas de se manter o poder sobre o outro, através da opressão e dos costumes da sociedade da época, mostrados pelo autor, que nos surpreende ao revelar ser um estudioso da alma e do comportamento humano, que está bem visível nas atitudes das personagens beirando a situações de extremo. Apesar de o conto ter sido escrito no século XIX, a leitura do mesmo, nos faz repensar sobre sua temática tão atual, uma vez que, o negro hoje ainda luta por uma representação mais significativa de si e de sua cultura, dentro de uma sociedade ainda excludente e preconceituosa do século XXI. Diante desse contexto, o presente artigo tem como objetivo analisar a representação do negro no conto Pai contra Mãe, estabelecendo relações entre a representação do passado e do presente do negro na literatura e na sociedade. Como metodologia para a análise da obra foi utilizada a abordagem bibliográfica na qual alguns teóricos foram relevantes para o estudo acerca da proposta que envolve este trabalho. Os resultados da análise permeiam a reflexão sobre a necessidade de desconstrução de valores culturais pré-estabelecidos pela sociedade e expressos em diversas obras da literatura, especialmente no que diz respeito à representação do negro e na descrição no modo de tratamento a ele direcionado pela sociedade da época e que ainda encontra mais do que similaridades na contemporaneidade, servindo como ponto de busca de uma reconstrução e valorização no que se referi à representação do negro.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.