Artigo Anais VII FIPED

ANAIS de Evento

ISSN: 2316-1086

Visualizações: 217
LICENCIATURA EM INFORMÁTICA: AS POLÍTICAS PÚBLICAS DE REGULARIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO

Palavra-chaves: ESTÁGIO SUPERVISIONADO, LICENCIATURA EM INFORMÁTICA, POLÍTICAS PÚBLICAS Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission Didática, Currículo, Avaliação e Práticas Escolares Publicado em 11 de novembro de 2015

Resumo

O presente artigo é o resultado final de projeto de iniciação científica do Curso de Licenciatura em Informática do Centro de Estudos Superiores de Itacoatiara (CESIT) da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Este discorre sobre o conceito de estágio supervisionado, sua concepção, seu papel no Curso de Licenciatura em Informática, destacando pontos como sua importância na formação de professores, suas contribuições aos acadêmicos, às políticas públicas de regularização e funcionamento direcionadas e as opiniões dos acadêmicos do curso de Licenciatura em Informática do CESIT/UEA. A realização desta pesquisa é necessária para que se possa refletir sobre a importância do estágio na qualidade do ensino. Nesse sentido, entende-se ser de extrema relevância aprofundar a investigação das temáticas que tratam de formação de professores e estágio, como processo de formação didática, tendo em vista o próprio momento pelo qual passa o país, com propostas e implementações de políticas educacionais que se dispõem a resolver questões básicas sobre elas. Mostra o estágio como um processo indispensável para o graduando dos cursos de licenciaturas, proporcionando vivências, por meio de programas que oferecem a integração do mesmo ao ambiente escolar, bem como em sua práxis profissional, e com isso estágio supervisionado contribui de forma direta na escolha e exercício da profissão, tendo em vista que as diretrizes direcionadas a área, proporcionam traçar o perfil formativo deste profissional.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.