Artigo Anais IV CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

A ENFERMAGEM COMUNITÁRIA E A SAÚDE DA TERCEIRA IDADE: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA.

Palavra-chaves: ENFERMAGEM, EDUCAÇÃO EM SAÚDE, IDOSO, ACESSIBILIDADE Pôster (PO) Processo de Cuidar em Enfermagem e a Saúde da Pessoa Idosa
"2015-09-24 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 11924
    "edicao_id" => 36
    "trabalho_id" => 129
    "inscrito_id" => 14
    "titulo" => "A ENFERMAGEM COMUNITÁRIA E A SAÚDE DA TERCEIRA IDADE: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA."
    "resumo" => "Houve uma mudança na pirâmide demográfica, onde ocorreu uma alteração na taxa de fecundidade e mortalidade, consequentemente surge uma maior expectativa de vida fazendo com que haja um declínio no número de doenças infecto-parasitárias e aumente o número de doenças crônicos não transmissíveis, tal processo recebe o nome de transição epidemiológica. Diante de tal acontecimento, ressalta-se que há uma grande heterogeneidade nos padrões de envelhecimento, vulnerabilidade e dependência dos idosos, o que demanda de um novo elenco para ser atendido na Atenção Básica de Saúde (ABS). A atenção básica de saúde é tida como porta de entrada para o Sistema Único de Saúde (SUS), possivelmente essa seja a primeira instância onde o idoso receberá atendimento. Logo, a Atenção Primária em Saúde (APS) tem como um dos seus fundamentos possibilitar o acesso universal e contínuo a serviços de saúde de qualidade, reafirmando os princípios básicos do SUS, mediante o cadastramento e a vinculação dos usuários. Considerando estes aspectos, este trabalho tem como objetivo relatar a experiência de discentes do último ano do curso de Enfermagem no cuidado a idosos assistidos em uma Unidade Básica de Saúde na cidade de Campina Grande - PB. DESCRIÇÃO METODOLÓGICA: Trata-se de um trabalho descritivo, do tipo relato de experiência sobre ação educativa ocorrida durante o componente curricular “Estágio Supervisionado I”, realizada por acadêmicas de Enfermagem da Universidade Federal de Campina Grande para usuários da terceira idade de uma Unidade de Saúde. RESULTADOS: Ao final da dinâmica foi avaliada a participação dos idosos e dos profissionais, o conhecimento deles em relação à acessibilidade da pessoa idosa; percebe-se que puderem expressar a reais dificuldades de acesso a unidade e dificuldade em conseguir atendimento mais rápido com os profissionais; foram positivos os comentários acerca da atividade e avaliamos também as informações prévias que traziam da importância para suas vidas e de que forma roda de conversa foi importante para ouvir, sanar dúvidas e propor atividades efetivas. CONCLUSÃO: Foi possível identificar que os idosos reconheciam os obstáculos de acesso à unidade de saúde e buscavam melhores informações. Sendo assim, são de suma importância as ações educativas voltadas para grupos de idosos, pois oportuniza a participação e interação, favorecendo o socializar, integrar, informar e trocar experiências com os idosos. Ao enfatizar a participação e oportunizar seu exercício, elas visam “abrir portas” ao pensamento criativo sobre a vida e ao desejo de atuar na construção de outras realidades possíveis, mais propícias à qualidade de vida no envelhecimento."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Processo de Cuidar em Enfermagem e a Saúde da Pessoa Idosa"
    "palavra_chave" => "ENFERMAGEM, EDUCAÇÃO EM SAÚDE, IDOSO, ACESSIBILIDADE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV040_MD4_SA4_ID14_22072015163901.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:59"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:43:14"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "TALITA PEREIRA DE QUEIROGA"
    "autor_nome_curto" => "TALITA QUEIROGA"
    "autor_email" => "tdequeiroga@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais IV CIEH"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2015"
    "edicao_logo" => "5e49e629f3441_16022020220233.png"
    "edicao_capa" => "5f182cb905404_22072020091033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-09-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 11924
    "edicao_id" => 36
    "trabalho_id" => 129
    "inscrito_id" => 14
    "titulo" => "A ENFERMAGEM COMUNITÁRIA E A SAÚDE DA TERCEIRA IDADE: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA."
    "resumo" => "Houve uma mudança na pirâmide demográfica, onde ocorreu uma alteração na taxa de fecundidade e mortalidade, consequentemente surge uma maior expectativa de vida fazendo com que haja um declínio no número de doenças infecto-parasitárias e aumente o número de doenças crônicos não transmissíveis, tal processo recebe o nome de transição epidemiológica. Diante de tal acontecimento, ressalta-se que há uma grande heterogeneidade nos padrões de envelhecimento, vulnerabilidade e dependência dos idosos, o que demanda de um novo elenco para ser atendido na Atenção Básica de Saúde (ABS). A atenção básica de saúde é tida como porta de entrada para o Sistema Único de Saúde (SUS), possivelmente essa seja a primeira instância onde o idoso receberá atendimento. Logo, a Atenção Primária em Saúde (APS) tem como um dos seus fundamentos possibilitar o acesso universal e contínuo a serviços de saúde de qualidade, reafirmando os princípios básicos do SUS, mediante o cadastramento e a vinculação dos usuários. Considerando estes aspectos, este trabalho tem como objetivo relatar a experiência de discentes do último ano do curso de Enfermagem no cuidado a idosos assistidos em uma Unidade Básica de Saúde na cidade de Campina Grande - PB. DESCRIÇÃO METODOLÓGICA: Trata-se de um trabalho descritivo, do tipo relato de experiência sobre ação educativa ocorrida durante o componente curricular “Estágio Supervisionado I”, realizada por acadêmicas de Enfermagem da Universidade Federal de Campina Grande para usuários da terceira idade de uma Unidade de Saúde. RESULTADOS: Ao final da dinâmica foi avaliada a participação dos idosos e dos profissionais, o conhecimento deles em relação à acessibilidade da pessoa idosa; percebe-se que puderem expressar a reais dificuldades de acesso a unidade e dificuldade em conseguir atendimento mais rápido com os profissionais; foram positivos os comentários acerca da atividade e avaliamos também as informações prévias que traziam da importância para suas vidas e de que forma roda de conversa foi importante para ouvir, sanar dúvidas e propor atividades efetivas. CONCLUSÃO: Foi possível identificar que os idosos reconheciam os obstáculos de acesso à unidade de saúde e buscavam melhores informações. Sendo assim, são de suma importância as ações educativas voltadas para grupos de idosos, pois oportuniza a participação e interação, favorecendo o socializar, integrar, informar e trocar experiências com os idosos. Ao enfatizar a participação e oportunizar seu exercício, elas visam “abrir portas” ao pensamento criativo sobre a vida e ao desejo de atuar na construção de outras realidades possíveis, mais propícias à qualidade de vida no envelhecimento."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Processo de Cuidar em Enfermagem e a Saúde da Pessoa Idosa"
    "palavra_chave" => "ENFERMAGEM, EDUCAÇÃO EM SAÚDE, IDOSO, ACESSIBILIDADE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV040_MD4_SA4_ID14_22072015163901.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:59"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:43:14"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "TALITA PEREIRA DE QUEIROGA"
    "autor_nome_curto" => "TALITA QUEIROGA"
    "autor_email" => "tdequeiroga@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais IV CIEH"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2015"
    "edicao_logo" => "5e49e629f3441_16022020220233.png"
    "edicao_capa" => "5f182cb905404_22072020091033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-09-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 24 de setembro de 2015

Resumo

Houve uma mudança na pirâmide demográfica, onde ocorreu uma alteração na taxa de fecundidade e mortalidade, consequentemente surge uma maior expectativa de vida fazendo com que haja um declínio no número de doenças infecto-parasitárias e aumente o número de doenças crônicos não transmissíveis, tal processo recebe o nome de transição epidemiológica. Diante de tal acontecimento, ressalta-se que há uma grande heterogeneidade nos padrões de envelhecimento, vulnerabilidade e dependência dos idosos, o que demanda de um novo elenco para ser atendido na Atenção Básica de Saúde (ABS). A atenção básica de saúde é tida como porta de entrada para o Sistema Único de Saúde (SUS), possivelmente essa seja a primeira instância onde o idoso receberá atendimento. Logo, a Atenção Primária em Saúde (APS) tem como um dos seus fundamentos possibilitar o acesso universal e contínuo a serviços de saúde de qualidade, reafirmando os princípios básicos do SUS, mediante o cadastramento e a vinculação dos usuários. Considerando estes aspectos, este trabalho tem como objetivo relatar a experiência de discentes do último ano do curso de Enfermagem no cuidado a idosos assistidos em uma Unidade Básica de Saúde na cidade de Campina Grande - PB. DESCRIÇÃO METODOLÓGICA: Trata-se de um trabalho descritivo, do tipo relato de experiência sobre ação educativa ocorrida durante o componente curricular “Estágio Supervisionado I”, realizada por acadêmicas de Enfermagem da Universidade Federal de Campina Grande para usuários da terceira idade de uma Unidade de Saúde. RESULTADOS: Ao final da dinâmica foi avaliada a participação dos idosos e dos profissionais, o conhecimento deles em relação à acessibilidade da pessoa idosa; percebe-se que puderem expressar a reais dificuldades de acesso a unidade e dificuldade em conseguir atendimento mais rápido com os profissionais; foram positivos os comentários acerca da atividade e avaliamos também as informações prévias que traziam da importância para suas vidas e de que forma roda de conversa foi importante para ouvir, sanar dúvidas e propor atividades efetivas. CONCLUSÃO: Foi possível identificar que os idosos reconheciam os obstáculos de acesso à unidade de saúde e buscavam melhores informações. Sendo assim, são de suma importância as ações educativas voltadas para grupos de idosos, pois oportuniza a participação e interação, favorecendo o socializar, integrar, informar e trocar experiências com os idosos. Ao enfatizar a participação e oportunizar seu exercício, elas visam “abrir portas” ao pensamento criativo sobre a vida e ao desejo de atuar na construção de outras realidades possíveis, mais propícias à qualidade de vida no envelhecimento.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.