Artigo Anais I CONIMAS e III CONIDIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2526-186X

Visualizações: 371
A DINÂMICA DA AERAÇÃO NA EVOLUÇÃO DO PH E TEMPERATURA EM UM SISTEMA DE LODOS ATIVADOS DE BANCADA

Palavra-chaves: AERAÇÃO, EFICIÊNCIA DE REMOÇÃO, LODOS ATIVADOS, PH, PH Pôster (PO) AT 05: Gestão, Qualidade e Acesso às Águas Publicado em 20 de novembro de 2019

Resumo

COMO SISTEMAS DE LODOS ATIVADOS (SLAS) SÃO SENSÍVEIS ÀS MODIFICAÇÕES OPERACIONAIS, AS QUAIS PODEM COMPROMETER A EFICÁCIA DO TRATAMENTO, É IMPORTANTE O DESENVOLVIMENTO DE PESQUISAS QUE AUXILIEM NA COMPREENSÃO, MONITORAMENTO E CONTROLE DESSE TIPO DE PROCESSO. ALGUNS DOS PARÂMETROS QUE SÃO “CHAVES” PARA O SUCESSO DA OPERAÇÃO SÃO A VAZÃO DE AERAÇÃO FORNECIDA AO SISTEMA, A TEMPERATURA E O PH DA SUSPENSÃO. ESSE TRABALHO TEM POR OBJETIVO ESTABELECER O PERFIL DA EVOLUÇÃO DESSES DOIS PARÂMETROS, MONITORANDO-OS DIARIAMENTE AO LONGO DE VARIAÇÕES CRESCENTES DE VAZÃO DE AERAÇÃO (Q1 – 0,21; Q2 – 0,42 E Q3 – 0,63 M3.H-1) EM UM SLA DE BANCADA, IDENTIFICANDO ANOMALIAS E PADRÕES QUE POSSAM AJUDAR NA OTIMIZAÇÃO E VIABILIZAÇÃO DESSA TECNOLOGIA. OS PARÂMETROS PH E TEMPERATURA, NOS NÍVEIS ESTABELECIDOS, PARECERAM NÃO SER INFLUENCIADOS DE MANEIRA DIRETA PELA VARIAÇÃO DE VAZÕES DE AR AO LONGO DAS SEQUÊNCIAS 1, 2 E 3. NO ENTANTO, UMA MAIOR REGULARIDADE DO PERFIL DE PH, DURANTE A SEQUÊNCIA 3, PODE SUGERIR UMA MELHOR HOMOGENEIZAÇÃO DO SISTEMA. A SEQUÊNCIA 3 APRESENTOU-SE COMO A MAIS EFICIENTE: UMA MAIOR FREQUÊNCIA DE EFICIÊNCIAS DE REMOÇÃO DE MATÉRIA ORGÂNICA PRÓXIMAS A 80%.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.