Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 162
O ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA NA VISÃO DOS (AS) MESTRANDOS (AS) DO PROFLETRAS /CH/UEPB

Palavra-chaves: LEITURA, ESCRITA, COMPETÊNCIA COMUNICATIVA Comunicação Oral (CO) ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

RESUMOO ensino de Língua Portuguesa encontra-se em uma situação bastante crítica, pois os estudantes não estão se apropriando dos conteúdos ministrados, não aprendem a norma padrão do nosso idioma, não se tornam leitores assíduos e proficientes, nem melhoram a sua competência comunicativa ao ponto de serem bons produtores de textos escritos, de acordo com os gêneros mais usados na sociedade. Diante desse quadro, o que pensam os (as) mestrandos (as) sobre o ensino de Português? O Profletras é uma tentativa institucional de minimizar essas dificuldades, uma vez que uma de suas finalidades é a capacitação de professores efetivos, que estudam as novas teorias, discutem os problemas relacionados ao ensino da língua materna, para posteriormente aplicarem, na sua prática docente, por meio de ações interventivas, esses conhecimentos adquiridos. Atualmente em nossas escolas, nota-se um ensino de língua voltado para as questões gramaticais, de maneira descontextualizada e pouco atrativa. Este trabalho, cuja metodologia foi uma entrevista, por meio de questionário, com três professores cursistas do Mestrado Profissional em Letras, tem o objetivo de refletir sobre os processos de ensino e aprendizagem desse componente curricular, a partir da visão dos (as) professores (as) que atuam no Profletras. Assim, chegamos à conclusão de que a instituição escolar precisa conscientizar os seus alunos, quanto à importância e valorização da língua materna para a formação de cidadãos críticos e conscientes dos seus direitos e deveres e, então, utilizar práticas realmente eficazes para se ampliar e desenvolver as habilidades discursivas e linguísticas dos educandos, ao ponto de formar leitores e bons produtores de textos escritos.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.