Artigo Anais do V CONAPESC

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

SANEAMENTO BÁSICO NO CEARÁ: ANÁLISE QUANTITATIVA A PARTIR DE DADOS OFICIAIS

Palavra-chaves: ABASTECIMENTO DE ÁGUA, ESGOTAMENTO SANITÁRIO, CEARÁ, , Pôster (Resumo Expandido) AT 06: Engenharias  e Arquitetura : abordagens sobre Ensino e Pesquisa
"2020-12-10 10:13:23"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 72968
    "edicao_id" => 148
    "trabalho_id" => 346
    "inscrito_id" => 1044
    "titulo" => """
      SANEAMENTO BÁSICO NO CEARÁ: ANÁLISE QUANTITATIVA A\r\n
      PARTIR DE DADOS OFICIAIS
      """
    "resumo" => "ESTA PESQUISA ANALISOU ASPECTOS QUANTITATIVOS SOBRE SANEAMENTO BÁSICO NO ESTADO DO CEARÁ, ONDE A ESTIAGEM DIFICULTA O ABASTECIMENTO HÍDRICO DO ESTADO. EM GERAL, OBJETIVOU-SE ANALISAR AS CONDIÇÕES DE SANEAMENTO BÁSICO COM BASE EM SÉRIES CRONOLÓGICAS. EM ESPECÍFICO, APLICOU-SE A ESTATÍSTICA EM DISCUSSÕES CIENTÍFICAS, DESCREVENDO DADOS SOBRE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E ESGOTAMENTO SANITÁRIO, CONTRIBUINDO COM O TEMA TRATADO. A PESQUISA É DESCRITIVA, COM ABORDAGEM QUANTITATIVA. FORAM UTILIZADOS DADOS SECUNDÁRIOS DO ANUÁRIO ESTATÍSTICO DO CEARÁ, DOS ANOS DE 2010 A 2016, PRODUZIDOS PELO INSTITUTO DE PESQUISA E ESTRATÉGIA ECONÔMICA DO CEARÁ (IPECE). INFERIU-SE QUE HOUVE, DE 2010 PARA 2016, UM AUMENTO DE 21,07% NO NÚMERO DE ABASTECIMENTOS DE ÁGUA PARA RESIDÊNCIAS; 29,07 % PARA COMÉRCIOS E 29,25 % PARA INDÚSTRIAS. PARA PONTOS DE ESGOTAMENTOS SANITÁRIOS, HOUVE UM AUMENTO DE 26,26 % PARA RESIDÊNCIAS, 34,15 % PARA COMÉRCIOS E 6,71 % PARA INDÚSTRIAS. AS MÉDIAS ANUAIS PARA PONTOS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA RESIDENCIAIS, COMERCIAIS E INDUSTRIAIS SÃO IGUAIS A 1.603.344, 69.747 E 4.217, COM DESVIOS-PADRÃO IGUAIS A 107.797, 5.820 E 480, RESPECTIVAMENTE. AS MÉDIAS ANUAIS PARA PONTOS ESGOTAMENTOS RESIDENCIAIS, COMERCIAIS E INDUSTRIAIS SÃO IGUAIS A 591.768, 38.739 E 780, COM DESVIOS-PADRÃO IGUAIS A 46.722, 3.514 E 40, RESPECTIVAMENTE. AS DIFERENÇAS ENTRE O NÚMERO DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E O DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO DEMONSTRAM A POUCA UTILIZAÇÃO DAS REDES DE ESGOTAMENTO. ASSIM, APESAR DE ESTAR EVOLUINDO, O SANEAMENTO BÁSICO NO CEARÁ PODE E PRECISA SER MELHORADO."
    "modalidade" => "Pôster (Resumo Expandido)"
    "area_tematica" => "AT 06: Engenharias  e Arquitetura : abordagens sobre Ensino e Pesquisa"
    "palavra_chave" => "ABASTECIMENTO DE ÁGUA, ESGOTAMENTO SANITÁRIO, CEARÁ, , "
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV138_MD4_SA23_ID1044_10112020144828.pdf"
    "created_at" => "2020-12-11 08:02:07"
    "updated_at" => null
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ANA MILENA SILVA FEITOSA"
    "autor_nome_curto" => "ANA MILENA"
    "autor_email" => "anamilenafeitosa@aluno.fa"
    "autor_ies" => "FACULDADE PARAÍSO DO CEARÁ (FAP)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-do-v-conapesc"
    "edicao_nome" => "Anais do V CONAPESC"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional de Pesquisa e Ensino em Ciências"
    "edicao_ano" => 2020
    "edicao_pasta" => "anais/conapesc/2020"
    "edicao_logo" => null
    "edicao_capa" => "5fd21ef3c4d39_10122020101323.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2020-12-10 10:13:23"
    "publicacao_id" => 28
    "publicacao_nome" => "Anais do Conapesc"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 72968
    "edicao_id" => 148
    "trabalho_id" => 346
    "inscrito_id" => 1044
    "titulo" => """
      SANEAMENTO BÁSICO NO CEARÁ: ANÁLISE QUANTITATIVA A\r\n
      PARTIR DE DADOS OFICIAIS
      """
    "resumo" => "ESTA PESQUISA ANALISOU ASPECTOS QUANTITATIVOS SOBRE SANEAMENTO BÁSICO NO ESTADO DO CEARÁ, ONDE A ESTIAGEM DIFICULTA O ABASTECIMENTO HÍDRICO DO ESTADO. EM GERAL, OBJETIVOU-SE ANALISAR AS CONDIÇÕES DE SANEAMENTO BÁSICO COM BASE EM SÉRIES CRONOLÓGICAS. EM ESPECÍFICO, APLICOU-SE A ESTATÍSTICA EM DISCUSSÕES CIENTÍFICAS, DESCREVENDO DADOS SOBRE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E ESGOTAMENTO SANITÁRIO, CONTRIBUINDO COM O TEMA TRATADO. A PESQUISA É DESCRITIVA, COM ABORDAGEM QUANTITATIVA. FORAM UTILIZADOS DADOS SECUNDÁRIOS DO ANUÁRIO ESTATÍSTICO DO CEARÁ, DOS ANOS DE 2010 A 2016, PRODUZIDOS PELO INSTITUTO DE PESQUISA E ESTRATÉGIA ECONÔMICA DO CEARÁ (IPECE). INFERIU-SE QUE HOUVE, DE 2010 PARA 2016, UM AUMENTO DE 21,07% NO NÚMERO DE ABASTECIMENTOS DE ÁGUA PARA RESIDÊNCIAS; 29,07 % PARA COMÉRCIOS E 29,25 % PARA INDÚSTRIAS. PARA PONTOS DE ESGOTAMENTOS SANITÁRIOS, HOUVE UM AUMENTO DE 26,26 % PARA RESIDÊNCIAS, 34,15 % PARA COMÉRCIOS E 6,71 % PARA INDÚSTRIAS. AS MÉDIAS ANUAIS PARA PONTOS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA RESIDENCIAIS, COMERCIAIS E INDUSTRIAIS SÃO IGUAIS A 1.603.344, 69.747 E 4.217, COM DESVIOS-PADRÃO IGUAIS A 107.797, 5.820 E 480, RESPECTIVAMENTE. AS MÉDIAS ANUAIS PARA PONTOS ESGOTAMENTOS RESIDENCIAIS, COMERCIAIS E INDUSTRIAIS SÃO IGUAIS A 591.768, 38.739 E 780, COM DESVIOS-PADRÃO IGUAIS A 46.722, 3.514 E 40, RESPECTIVAMENTE. AS DIFERENÇAS ENTRE O NÚMERO DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E O DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO DEMONSTRAM A POUCA UTILIZAÇÃO DAS REDES DE ESGOTAMENTO. ASSIM, APESAR DE ESTAR EVOLUINDO, O SANEAMENTO BÁSICO NO CEARÁ PODE E PRECISA SER MELHORADO."
    "modalidade" => "Pôster (Resumo Expandido)"
    "area_tematica" => "AT 06: Engenharias  e Arquitetura : abordagens sobre Ensino e Pesquisa"
    "palavra_chave" => "ABASTECIMENTO DE ÁGUA, ESGOTAMENTO SANITÁRIO, CEARÁ, , "
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV138_MD4_SA23_ID1044_10112020144828.pdf"
    "created_at" => "2020-12-11 08:02:07"
    "updated_at" => null
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ANA MILENA SILVA FEITOSA"
    "autor_nome_curto" => "ANA MILENA"
    "autor_email" => "anamilenafeitosa@aluno.fa"
    "autor_ies" => "FACULDADE PARAÍSO DO CEARÁ (FAP)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-do-v-conapesc"
    "edicao_nome" => "Anais do V CONAPESC"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional de Pesquisa e Ensino em Ciências"
    "edicao_ano" => 2020
    "edicao_pasta" => "anais/conapesc/2020"
    "edicao_logo" => null
    "edicao_capa" => "5fd21ef3c4d39_10122020101323.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2020-12-10 10:13:23"
    "publicacao_id" => 28
    "publicacao_nome" => "Anais do Conapesc"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 10 de dezembro de 2020

Resumo

ESTA PESQUISA ANALISOU ASPECTOS QUANTITATIVOS SOBRE SANEAMENTO BÁSICO NO ESTADO DO CEARÁ, ONDE A ESTIAGEM DIFICULTA O ABASTECIMENTO HÍDRICO DO ESTADO. EM GERAL, OBJETIVOU-SE ANALISAR AS CONDIÇÕES DE SANEAMENTO BÁSICO COM BASE EM SÉRIES CRONOLÓGICAS. EM ESPECÍFICO, APLICOU-SE A ESTATÍSTICA EM DISCUSSÕES CIENTÍFICAS, DESCREVENDO DADOS SOBRE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E ESGOTAMENTO SANITÁRIO, CONTRIBUINDO COM O TEMA TRATADO. A PESQUISA É DESCRITIVA, COM ABORDAGEM QUANTITATIVA. FORAM UTILIZADOS DADOS SECUNDÁRIOS DO ANUÁRIO ESTATÍSTICO DO CEARÁ, DOS ANOS DE 2010 A 2016, PRODUZIDOS PELO INSTITUTO DE PESQUISA E ESTRATÉGIA ECONÔMICA DO CEARÁ (IPECE). INFERIU-SE QUE HOUVE, DE 2010 PARA 2016, UM AUMENTO DE 21,07% NO NÚMERO DE ABASTECIMENTOS DE ÁGUA PARA RESIDÊNCIAS; 29,07 % PARA COMÉRCIOS E 29,25 % PARA INDÚSTRIAS. PARA PONTOS DE ESGOTAMENTOS SANITÁRIOS, HOUVE UM AUMENTO DE 26,26 % PARA RESIDÊNCIAS, 34,15 % PARA COMÉRCIOS E 6,71 % PARA INDÚSTRIAS. AS MÉDIAS ANUAIS PARA PONTOS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA RESIDENCIAIS, COMERCIAIS E INDUSTRIAIS SÃO IGUAIS A 1.603.344, 69.747 E 4.217, COM DESVIOS-PADRÃO IGUAIS A 107.797, 5.820 E 480, RESPECTIVAMENTE. AS MÉDIAS ANUAIS PARA PONTOS ESGOTAMENTOS RESIDENCIAIS, COMERCIAIS E INDUSTRIAIS SÃO IGUAIS A 591.768, 38.739 E 780, COM DESVIOS-PADRÃO IGUAIS A 46.722, 3.514 E 40, RESPECTIVAMENTE. AS DIFERENÇAS ENTRE O NÚMERO DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E O DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO DEMONSTRAM A POUCA UTILIZAÇÃO DAS REDES DE ESGOTAMENTO. ASSIM, APESAR DE ESTAR EVOLUINDO, O SANEAMENTO BÁSICO NO CEARÁ PODE E PRECISA SER MELHORADO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.