Artigo Anais I CONIMAS e III CONIDIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2526-186X

DESCOLORAÇÃO DE CORANTE TÊXTIL UTILIZANDO O FUNGO FILAMENTOSO ASPERGILLUS SP. URM 5741

Palavra-chaves: BIORREMEDIAÇÃO, CORANTE SINTÉTICO, FUNGOS FILAMENTOSOS Comunicação Oral (CO) AT 05: Gestão, Qualidade e Acesso às Águas
"2019-11-20 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 63409
    "edicao_id" => 114
    "trabalho_id" => 1008
    "inscrito_id" => 520
    "titulo" => "DESCOLORAÇÃO DE CORANTE TÊXTIL UTILIZANDO O FUNGO FILAMENTOSO ASPERGILLUS SP. URM 5741"
    "resumo" => "CORANTES SINTÉTICOS SÃO OS MAIS USADOS NAS FÁBRICAS TÊXTEIS E DE TINTURARIAS, DEVIDO A FACILIDADE DE USO, CUSTO-BENEFÍCIO E QUANTIDADE DE CORES, EM COMPARAÇÃO COM CORANTES NATURAIS. SUA UTILIZAÇÃO DESMEDIDA TEM CAUSADO IMPACTOS DEVIDO A LIBERAÇÃO EM EFLUENTES DAS INDÚSTRIAS TÊXTEIS, PORTANTO, SENDO NECESSÁRIO ALTERNATIVAS PARA REMOÇÃO DESSES COMPOSTOS ANTES DE SEREM LANÇADOS EM CONJUNTO COM OS EFLUENTES NOS DIVERSOS AMBIENTES. DESSA MANEIRA, O PRESENTE TRABALHO OBJETIVOU REALIZAR A DESCOLORAÇÃO DO CORANTE COMERCIAL TÊXTIL 78GR TURQUESA, A FIM DE AVALIAR SUA REMOÇÃO ATRAVÉS DO EMPREGO DO FUNGO FILAMENTOSO DO GÊNERO ASPERGILLUS SP URM 5741. A PARTIR DA UTILIZAÇÃO DA BIOMASSA FÚNGICA EM QUANTIDADE DE 1 G, 4 G E 8 G PARA DESCOLORAÇÃO DO CORANTE EM AGITAÇÃO (120 RPM) DURANTE 2 HORAS. FOI OBSERVADO QUE A PORCENTAGEM DE DESCOLORAÇÃO AUMENTOU EM RELAÇÃO AO TEMPO E A QUANTIDADE DE BIOMASSA, SENDO OBTIDO 69% DE DESCOLORAÇÃO DO CORANTE COM APENAS 1 G, 92% COM 4 G E 98% COM 8 G DE BIOMASSA, APENAS NOS PRIMEIROS 15 MIN DE EXPERIMENTO. CONCLUI-SE ASSIM QUE O MICRORGANISMO ASPERGILLUS SP., APRESENTOU CAPACIDADE EM DESCOLORIR ESSE CORANTE, EM PEQUENAS QUANTIDADES DE BIOMASSA E POUCO TEMPO.  PORTANTO, O GÊNERO ASPERGILLUS É UM POTENCIAL MICRORGANISMO A SER EMPREGADO NO TRATAMENTO DE ÁREAS CONTAMINADAS POR CORANTES TÊXTEIS, DE FORMA BARATA, RÁPIDA E EFICIENTE."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT 05: Gestão, Qualidade e Acesso às Águas"
    "palavra_chave" => "BIORREMEDIAÇÃO, CORANTE SINTÉTICO, FUNGOS FILAMENTOSOS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV133_MD1_SA_ID520_14112019084832.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:59"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:45:46"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "NAYARA VITÓRIA DOS SANTOS CRUZ"
    "autor_nome_curto" => "NAYARA V. SANTOS CRUZ"
    "autor_email" => "nayaraavii@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conimas-e-iii-conidis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONIMAS e III CONIDIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Internacional de Meio Ambiente e Sociedade e III Congresso Internacional da Diversidade do Semiárido"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/conimas-e-conidis/2019"
    "edicao_logo" => "5e4a0ac95979e_17022020003849.png"
    "edicao_capa" => "5f184b3570210_22072020112037.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-11-20 00:00:00"
    "publicacao_id" => 33
    "publicacao_nome" => "Anais CONIDIS"
    "publicacao_codigo" => "2526-186X"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 63409
    "edicao_id" => 114
    "trabalho_id" => 1008
    "inscrito_id" => 520
    "titulo" => "DESCOLORAÇÃO DE CORANTE TÊXTIL UTILIZANDO O FUNGO FILAMENTOSO ASPERGILLUS SP. URM 5741"
    "resumo" => "CORANTES SINTÉTICOS SÃO OS MAIS USADOS NAS FÁBRICAS TÊXTEIS E DE TINTURARIAS, DEVIDO A FACILIDADE DE USO, CUSTO-BENEFÍCIO E QUANTIDADE DE CORES, EM COMPARAÇÃO COM CORANTES NATURAIS. SUA UTILIZAÇÃO DESMEDIDA TEM CAUSADO IMPACTOS DEVIDO A LIBERAÇÃO EM EFLUENTES DAS INDÚSTRIAS TÊXTEIS, PORTANTO, SENDO NECESSÁRIO ALTERNATIVAS PARA REMOÇÃO DESSES COMPOSTOS ANTES DE SEREM LANÇADOS EM CONJUNTO COM OS EFLUENTES NOS DIVERSOS AMBIENTES. DESSA MANEIRA, O PRESENTE TRABALHO OBJETIVOU REALIZAR A DESCOLORAÇÃO DO CORANTE COMERCIAL TÊXTIL 78GR TURQUESA, A FIM DE AVALIAR SUA REMOÇÃO ATRAVÉS DO EMPREGO DO FUNGO FILAMENTOSO DO GÊNERO ASPERGILLUS SP URM 5741. A PARTIR DA UTILIZAÇÃO DA BIOMASSA FÚNGICA EM QUANTIDADE DE 1 G, 4 G E 8 G PARA DESCOLORAÇÃO DO CORANTE EM AGITAÇÃO (120 RPM) DURANTE 2 HORAS. FOI OBSERVADO QUE A PORCENTAGEM DE DESCOLORAÇÃO AUMENTOU EM RELAÇÃO AO TEMPO E A QUANTIDADE DE BIOMASSA, SENDO OBTIDO 69% DE DESCOLORAÇÃO DO CORANTE COM APENAS 1 G, 92% COM 4 G E 98% COM 8 G DE BIOMASSA, APENAS NOS PRIMEIROS 15 MIN DE EXPERIMENTO. CONCLUI-SE ASSIM QUE O MICRORGANISMO ASPERGILLUS SP., APRESENTOU CAPACIDADE EM DESCOLORIR ESSE CORANTE, EM PEQUENAS QUANTIDADES DE BIOMASSA E POUCO TEMPO.  PORTANTO, O GÊNERO ASPERGILLUS É UM POTENCIAL MICRORGANISMO A SER EMPREGADO NO TRATAMENTO DE ÁREAS CONTAMINADAS POR CORANTES TÊXTEIS, DE FORMA BARATA, RÁPIDA E EFICIENTE."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT 05: Gestão, Qualidade e Acesso às Águas"
    "palavra_chave" => "BIORREMEDIAÇÃO, CORANTE SINTÉTICO, FUNGOS FILAMENTOSOS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV133_MD1_SA_ID520_14112019084832.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:59"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:45:46"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "NAYARA VITÓRIA DOS SANTOS CRUZ"
    "autor_nome_curto" => "NAYARA V. SANTOS CRUZ"
    "autor_email" => "nayaraavii@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conimas-e-iii-conidis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONIMAS e III CONIDIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Internacional de Meio Ambiente e Sociedade e III Congresso Internacional da Diversidade do Semiárido"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/conimas-e-conidis/2019"
    "edicao_logo" => "5e4a0ac95979e_17022020003849.png"
    "edicao_capa" => "5f184b3570210_22072020112037.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-11-20 00:00:00"
    "publicacao_id" => 33
    "publicacao_nome" => "Anais CONIDIS"
    "publicacao_codigo" => "2526-186X"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 20 de novembro de 2019

Resumo

CORANTES SINTÉTICOS SÃO OS MAIS USADOS NAS FÁBRICAS TÊXTEIS E DE TINTURARIAS, DEVIDO A FACILIDADE DE USO, CUSTO-BENEFÍCIO E QUANTIDADE DE CORES, EM COMPARAÇÃO COM CORANTES NATURAIS. SUA UTILIZAÇÃO DESMEDIDA TEM CAUSADO IMPACTOS DEVIDO A LIBERAÇÃO EM EFLUENTES DAS INDÚSTRIAS TÊXTEIS, PORTANTO, SENDO NECESSÁRIO ALTERNATIVAS PARA REMOÇÃO DESSES COMPOSTOS ANTES DE SEREM LANÇADOS EM CONJUNTO COM OS EFLUENTES NOS DIVERSOS AMBIENTES. DESSA MANEIRA, O PRESENTE TRABALHO OBJETIVOU REALIZAR A DESCOLORAÇÃO DO CORANTE COMERCIAL TÊXTIL 78GR TURQUESA, A FIM DE AVALIAR SUA REMOÇÃO ATRAVÉS DO EMPREGO DO FUNGO FILAMENTOSO DO GÊNERO ASPERGILLUS SP URM 5741. A PARTIR DA UTILIZAÇÃO DA BIOMASSA FÚNGICA EM QUANTIDADE DE 1 G, 4 G E 8 G PARA DESCOLORAÇÃO DO CORANTE EM AGITAÇÃO (120 RPM) DURANTE 2 HORAS. FOI OBSERVADO QUE A PORCENTAGEM DE DESCOLORAÇÃO AUMENTOU EM RELAÇÃO AO TEMPO E A QUANTIDADE DE BIOMASSA, SENDO OBTIDO 69% DE DESCOLORAÇÃO DO CORANTE COM APENAS 1 G, 92% COM 4 G E 98% COM 8 G DE BIOMASSA, APENAS NOS PRIMEIROS 15 MIN DE EXPERIMENTO. CONCLUI-SE ASSIM QUE O MICRORGANISMO ASPERGILLUS SP., APRESENTOU CAPACIDADE EM DESCOLORIR ESSE CORANTE, EM PEQUENAS QUANTIDADES DE BIOMASSA E POUCO TEMPO. PORTANTO, O GÊNERO ASPERGILLUS É UM POTENCIAL MICRORGANISMO A SER EMPREGADO NO TRATAMENTO DE ÁREAS CONTAMINADAS POR CORANTES TÊXTEIS, DE FORMA BARATA, RÁPIDA E EFICIENTE.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.