Artigo Anais VI CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

OS SABERES MATEMÁTICOS NA CULTURA DA BATATA DOCE NA ALDEIA INDÍGENA TINGUI BOTÓ/AL

Palavra-chaves: ETNOMATEMÁTICA, SABERES MATEMÁTICOS, BATATA DOCE, EDUCAÇÃO FINANCEIRA Comunicação Oral (CO) GT 13 - Educação Matemática
"2019-10-24 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 61911
    "edicao_id" => 112
    "trabalho_id" => 5711
    "inscrito_id" => 1841
    "titulo" => "OS SABERES MATEMÁTICOS NA CULTURA DA BATATA DOCE NA ALDEIA INDÍGENA TINGUI BOTÓ/AL"
    "resumo" => "A PRESENTE PESQUISA É FRUTO DO PROJETO INTITULADO OS SABERES MATEMÁTICOS NA CULTURA DA BATATA DOCE NA ALDEIA INDÍGENA TINGUI BOTÓ/AL, FINANCIADO PELA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS/CAMPUS ARAPIRACA  ATRAVÉS DO PROGRAMA DE AÇÕES AFIRMATIVAS ZUMBI E MANINHA XUKURU-KARIRI, QUE TEM COMO INTUITO A “FORMAÇÃO PARA AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS: AÇÕES EXTENSIONISTAS AFRO-BRASILEIRAS E INDÍGENAS NO ESTADO DE ALAGOAS”. O OBJETIVO DESTE PROJETO FOI IDENTIFICAR E ANALISAR QUAIS OS SABERES MATEMÁTICOS UTILIZADOS NA PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE NA ALDEIA TINGUI BOTÓ, LOCALIZADA NA CIDADE DE FEIRA GRANDE, NO ESTADO DE ALAGOAS. ADOTAMOS COMO REFERENCIAL TEÓRICO OS TRABALHOS DESENVOLVIDOS PELO PESQUISADOR EM ETNOMATEMÁTICA UBIRATAM D’AMBRÓSIO E A METODOLOGIA FOI DESENVOLVIDA POR MEIO DE UMA ABORDAGEM QUALIQUANTITATIVA, DO TIPO ETNOGRÁFICA, DIVIDIDA NAS SEGUINTES ETAPAS: 1) OBSERVAR E SE APROXIMAR DOS AGRICULTORES INDÍGENAS DA ALDEIA TINGUI BOTÓ/AL; 2) IDENTIFICAR POR MEIO DE APLICAÇÃO DE QUESTIONÁRIOS OS SABERES MATEMÁTICOS DESSES AGRICULTORES INDÍGENAS; 3) VIVENCIAR A PRODUÇÃO E A COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE NA ALDEIA; 4) PROMOVER OFICINAS NA ALDEIA SOBRE A IMPORTÂNCIA DA MATEMÁTICA FINANCEIRA NO CONTEXTO ECONÔMICO DA COMUNIDADE INDÍGENA NAS SUAS RELAÇÕES DE PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE; 5) PRODUZIR UM DOCUMENTÁRIO SOBRE OS SABERES MATEMÁTICOS UTILIZADOS NA PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE NA ALDEIA. A EXPERIÊNCIA AQUI RELATADA TRATA-SE DA QUARTA ETAPA DO PROJETO, CUJO OBJETIVO FOI PROMOVER OFICINAS NA ALDEIA SOBRE A IMPORTÂNCIA DA MATEMÁTICA FINANCEIRA NO CONTEXTO ECONÔMICO DA COMUNIDADE INDÍGENA NAS SUAS RELAÇÕES DE PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 13 - Educação Matemática"
    "palavra_chave" => "ETNOMATEMÁTICA, SABERES MATEMÁTICOS, BATATA DOCE, EDUCAÇÃO FINANCEIRA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV127_MD1_SA13_ID1841_03102019210933.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:57"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:34:44"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "SIMONE SILVA DA FONSECA"
    "autor_nome_curto" => "SIMONE FONSECA"
    "autor_email" => "simonefonsecasilva@hotmai"
    "autor_ies" => "UFAL/UFS"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vi-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais VI CONEDU"
    "edicao_evento" => "VI Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2019"
    "edicao_logo" => "5e4a032588ba0_17022020000613.png"
    "edicao_capa" => "5f184577153da_22072020105607.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-10-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 61911
    "edicao_id" => 112
    "trabalho_id" => 5711
    "inscrito_id" => 1841
    "titulo" => "OS SABERES MATEMÁTICOS NA CULTURA DA BATATA DOCE NA ALDEIA INDÍGENA TINGUI BOTÓ/AL"
    "resumo" => "A PRESENTE PESQUISA É FRUTO DO PROJETO INTITULADO OS SABERES MATEMÁTICOS NA CULTURA DA BATATA DOCE NA ALDEIA INDÍGENA TINGUI BOTÓ/AL, FINANCIADO PELA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS/CAMPUS ARAPIRACA  ATRAVÉS DO PROGRAMA DE AÇÕES AFIRMATIVAS ZUMBI E MANINHA XUKURU-KARIRI, QUE TEM COMO INTUITO A “FORMAÇÃO PARA AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS: AÇÕES EXTENSIONISTAS AFRO-BRASILEIRAS E INDÍGENAS NO ESTADO DE ALAGOAS”. O OBJETIVO DESTE PROJETO FOI IDENTIFICAR E ANALISAR QUAIS OS SABERES MATEMÁTICOS UTILIZADOS NA PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE NA ALDEIA TINGUI BOTÓ, LOCALIZADA NA CIDADE DE FEIRA GRANDE, NO ESTADO DE ALAGOAS. ADOTAMOS COMO REFERENCIAL TEÓRICO OS TRABALHOS DESENVOLVIDOS PELO PESQUISADOR EM ETNOMATEMÁTICA UBIRATAM D’AMBRÓSIO E A METODOLOGIA FOI DESENVOLVIDA POR MEIO DE UMA ABORDAGEM QUALIQUANTITATIVA, DO TIPO ETNOGRÁFICA, DIVIDIDA NAS SEGUINTES ETAPAS: 1) OBSERVAR E SE APROXIMAR DOS AGRICULTORES INDÍGENAS DA ALDEIA TINGUI BOTÓ/AL; 2) IDENTIFICAR POR MEIO DE APLICAÇÃO DE QUESTIONÁRIOS OS SABERES MATEMÁTICOS DESSES AGRICULTORES INDÍGENAS; 3) VIVENCIAR A PRODUÇÃO E A COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE NA ALDEIA; 4) PROMOVER OFICINAS NA ALDEIA SOBRE A IMPORTÂNCIA DA MATEMÁTICA FINANCEIRA NO CONTEXTO ECONÔMICO DA COMUNIDADE INDÍGENA NAS SUAS RELAÇÕES DE PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE; 5) PRODUZIR UM DOCUMENTÁRIO SOBRE OS SABERES MATEMÁTICOS UTILIZADOS NA PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE NA ALDEIA. A EXPERIÊNCIA AQUI RELATADA TRATA-SE DA QUARTA ETAPA DO PROJETO, CUJO OBJETIVO FOI PROMOVER OFICINAS NA ALDEIA SOBRE A IMPORTÂNCIA DA MATEMÁTICA FINANCEIRA NO CONTEXTO ECONÔMICO DA COMUNIDADE INDÍGENA NAS SUAS RELAÇÕES DE PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 13 - Educação Matemática"
    "palavra_chave" => "ETNOMATEMÁTICA, SABERES MATEMÁTICOS, BATATA DOCE, EDUCAÇÃO FINANCEIRA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV127_MD1_SA13_ID1841_03102019210933.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:57"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:34:44"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "SIMONE SILVA DA FONSECA"
    "autor_nome_curto" => "SIMONE FONSECA"
    "autor_email" => "simonefonsecasilva@hotmai"
    "autor_ies" => "UFAL/UFS"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vi-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais VI CONEDU"
    "edicao_evento" => "VI Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2019"
    "edicao_logo" => "5e4a032588ba0_17022020000613.png"
    "edicao_capa" => "5f184577153da_22072020105607.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-10-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 24 de outubro de 2019

Resumo

A PRESENTE PESQUISA É FRUTO DO PROJETO INTITULADO OS SABERES MATEMÁTICOS NA CULTURA DA BATATA DOCE NA ALDEIA INDÍGENA TINGUI BOTÓ/AL, FINANCIADO PELA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS/CAMPUS ARAPIRACA ATRAVÉS DO PROGRAMA DE AÇÕES AFIRMATIVAS ZUMBI E MANINHA XUKURU-KARIRI, QUE TEM COMO INTUITO A “FORMAÇÃO PARA AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS: AÇÕES EXTENSIONISTAS AFRO-BRASILEIRAS E INDÍGENAS NO ESTADO DE ALAGOAS”. O OBJETIVO DESTE PROJETO FOI IDENTIFICAR E ANALISAR QUAIS OS SABERES MATEMÁTICOS UTILIZADOS NA PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE NA ALDEIA TINGUI BOTÓ, LOCALIZADA NA CIDADE DE FEIRA GRANDE, NO ESTADO DE ALAGOAS. ADOTAMOS COMO REFERENCIAL TEÓRICO OS TRABALHOS DESENVOLVIDOS PELO PESQUISADOR EM ETNOMATEMÁTICA UBIRATAM D’AMBRÓSIO E A METODOLOGIA FOI DESENVOLVIDA POR MEIO DE UMA ABORDAGEM QUALIQUANTITATIVA, DO TIPO ETNOGRÁFICA, DIVIDIDA NAS SEGUINTES ETAPAS: 1) OBSERVAR E SE APROXIMAR DOS AGRICULTORES INDÍGENAS DA ALDEIA TINGUI BOTÓ/AL; 2) IDENTIFICAR POR MEIO DE APLICAÇÃO DE QUESTIONÁRIOS OS SABERES MATEMÁTICOS DESSES AGRICULTORES INDÍGENAS; 3) VIVENCIAR A PRODUÇÃO E A COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE NA ALDEIA; 4) PROMOVER OFICINAS NA ALDEIA SOBRE A IMPORTÂNCIA DA MATEMÁTICA FINANCEIRA NO CONTEXTO ECONÔMICO DA COMUNIDADE INDÍGENA NAS SUAS RELAÇÕES DE PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE; 5) PRODUZIR UM DOCUMENTÁRIO SOBRE OS SABERES MATEMÁTICOS UTILIZADOS NA PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE NA ALDEIA. A EXPERIÊNCIA AQUI RELATADA TRATA-SE DA QUARTA ETAPA DO PROJETO, CUJO OBJETIVO FOI PROMOVER OFICINAS NA ALDEIA SOBRE A IMPORTÂNCIA DA MATEMÁTICA FINANCEIRA NO CONTEXTO ECONÔMICO DA COMUNIDADE INDÍGENA NAS SUAS RELAÇÕES DE PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DA BATATA DOCE.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.