Artigo Anais VI CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 236
O TEATRO COMO MEIO DE DESENVOLVIMENTO DA ORALIDADE E DA AUTONOMIA DISCENTE

Palavra-chaves: PROJETO TEATRAL, ENSINO E APRENDIZAGEM, EXPERIENCIAÇÃO, ORALIDADE, ORALIDADE Pôster (PO) GT 08 - Linguagens, Letramento e Alfabetização Publicado em 24 de outubro de 2019

Resumo

A PRESENTE PESQUISA APRESENTA UM RELATO DE EXPERIÊNCIA QUE TEM O TEATRO COMO ELEMENTO NORTEADOR DA AÇÃO PEDAGÓGICA. COTIDIANAMENTE, NOS DEPARAMOS COM ALUNOS QUE SÃO TÍMIDOS, QUE JÁ SOFRERAM OU PRATICARAM BULLYING E QUE, MUITAS VEZES, NÃO SENTEM MOTIVAÇÃO PARA PARTICIPAREM DAS ATIVIDADES TRADICIONAIS DA ESCOLA. ASSIM, O PROPÓSITO DESTE TRABALHO É DEMONSTRAR COMO O TEATRO PODE ESTIMULAR A ORALIDADE DOS DISCENTES DOS ANOS FINAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL, CONDUZINDO-OS A UMA APRENDIZAGEM MAIS SIGNIFICATIVA EM TERMOS DE LEITURA, INTERPRETAÇÃO TEXTUAL E CÊNICA, MARCAÇÃO DE ESPAÇO. CONSIDERANDO O TEATRO COMO UMA ARTE QUE TRABALHA A INTERPRETAÇÃO E A EXPRESSÃO CORPORAL, ALÉM DE SER UMA DAS LINGUAGENS MAIS ESTIMULANTES DA ORALIDADE, O PROJETO TEATRAL O MÁGICO DE OZ: DESVENDANDO OS MISTÉRIOS DAS TERRAS DO SABUGI FOI BASEADO NO LIVRO INFANTIL “O MÁGICO DE OZ”, DO ESCRITOR L. FRANK BAUM. TRATANDO-SE DE UMA INTERTEXTUALIDADE, O ESPETÁCULO DE, APROXIMADAMENTE, DEZ MINUTOS, REPORTOU-SE À CULTURA FOLCLÓRICA DO SERIDÓ, MAIS ESPECIFICAMENTE, DA CIDADE SÃO JOÃO DO SABUGI E EXPÔS O MUNDO LÚDICO DA FANTASIA COM OS PERSONAGENS CLÁSSICOS DA OBRA. COM ESSA PRÁTICA, PUDEMOS COMPROVAR QUE OS DISCENTES AMPLIARAM SEU REPERTÓRIO ACERCA DA ARTE E CULTURA LOCAIS, DESENVOLVERAM SEU LETRAMENTO LITERÁRIO E PASSARAM A TER MAIS COMPROMISSO DIANTE DAS AÇÕES PROPOSTAS PELA ESCOLA.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.