Artigo Anais VI CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

MICROCEFALIA ZIKA VÍRUS; POLÍTICAS PÚBLICAS; INCLUSÃO ESCOLA

Palavra-chaves: MICROCEFALIA ZIKA VÍRUS, POLÍTICAS PÚBLICAS, INCLUSÃO ESCOLAR Pôster (PO) GT 11 - Inclusão, Direitos Humanos e Interculturalidade
"2019-10-24 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 61127
    "edicao_id" => 112
    "trabalho_id" => 791
    "inscrito_id" => 4702
    "titulo" => "MICROCEFALIA ZIKA VÍRUS; POLÍTICAS PÚBLICAS; INCLUSÃO ESCOLA"
    "resumo" => "O PRESENTE ARTIGO BUSCOU DESCREVER AS AÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO DAS POLÍTICAS PÚBLICAS NA REDE REGULAR DE ENSINO A PARTIR DO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO ESPECIAL, LOCALIZADO NA REGIÃO METROPOLITANA NO MUNICÍPIO DE PAULISTA-PE QUE VISA A INCLUSÃO DOS ALUNOS COM MICROCEFALIA. DOENÇA QUE PODE SER CAUSADA COM DIVERSOS FATORES, DESDE ANORMALIDADES GENÉTICAS ATÉ INFECÇÕES DURANTE A GESTAÇÃO, COMO RUBÉOLA, TOXOPLASMOSE, HIV, ENTRE OUTRAS.  DESCOBRIU-SE RECENTEMENTE QUE O ZIKA VÍRUS TRANSMITIDO PELO AEDES AEGYPTI, TAMBÉM É UM CAUSADOR DA MICROCEFALIA, PRINCIPALMENTE NO PRIMEIRO TRIMESTRE DA GESTAÇÃO. UM INDIVÍDUO COM MICROCEFALIA PODERÁ TER UM DÉFICIT COGNITIVO, PROBLEMAS VISUAIS, DÉFICIT AUDITIVOS E MOTORES, ATRASO NO DESENVOLVIMENTO E EPILEPSIA. É PRECISO GARANTIR O DIREITO E A PERMANÊNCIA DOS ALUNOS COM NECESSIDADES ESPECIAIS NAS ESCOLAS REGULARES DE ENSINO. DESSA FORMA, PROCUROU-SE INVESTIGAR O ATENDIMENTO DAS CRIANÇAS COM MICROCEFALIA NAS ESCOLAS DE ENSINO REGULAR DO MUNICÍPIO DO PAULISTA. COMO FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA UTILIZOU-SE DOS ESTUDOS NA ÁREA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA. AVALIOU-SE ATRAVÉS DE UM QUESTIONÁRIO RESPONDIDO PELA COORDENADORA DA GESTÃO DE EDUCAÇÃO ESPECIAL, COM QUESTÕES NO ÂMBITO DOS ASPECTOS QUE ENVOLVEM UMA INFRAESTRUTURA ADEQUADA, A CAPACIDADE DE ACOLHIMENTO DA ESCOLA E A PREPARAÇÃO DOS DOCENTES VOLTADOS AO ATENDIMENTO DESSES ALUNOS."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "GT 11 - Inclusão, Direitos Humanos e Interculturalidade"
    "palavra_chave" => "MICROCEFALIA ZIKA VÍRUS, POLÍTICAS PÚBLICAS, INCLUSÃO ESCOLAR"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV127_MD4_SA11_ID4702_31072019181346.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:56"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:34:40"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "KELLY CRISTINA MARQUES DE LIMA"
    "autor_nome_curto" => "KELLY LIMA"
    "autor_email" => "kcmlm2812@gmail.com"
    "autor_ies" => "UPE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vi-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais VI CONEDU"
    "edicao_evento" => "VI Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2019"
    "edicao_logo" => "5e4a032588ba0_17022020000613.png"
    "edicao_capa" => "5f184577153da_22072020105607.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-10-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 61127
    "edicao_id" => 112
    "trabalho_id" => 791
    "inscrito_id" => 4702
    "titulo" => "MICROCEFALIA ZIKA VÍRUS; POLÍTICAS PÚBLICAS; INCLUSÃO ESCOLA"
    "resumo" => "O PRESENTE ARTIGO BUSCOU DESCREVER AS AÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO DAS POLÍTICAS PÚBLICAS NA REDE REGULAR DE ENSINO A PARTIR DO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO ESPECIAL, LOCALIZADO NA REGIÃO METROPOLITANA NO MUNICÍPIO DE PAULISTA-PE QUE VISA A INCLUSÃO DOS ALUNOS COM MICROCEFALIA. DOENÇA QUE PODE SER CAUSADA COM DIVERSOS FATORES, DESDE ANORMALIDADES GENÉTICAS ATÉ INFECÇÕES DURANTE A GESTAÇÃO, COMO RUBÉOLA, TOXOPLASMOSE, HIV, ENTRE OUTRAS.  DESCOBRIU-SE RECENTEMENTE QUE O ZIKA VÍRUS TRANSMITIDO PELO AEDES AEGYPTI, TAMBÉM É UM CAUSADOR DA MICROCEFALIA, PRINCIPALMENTE NO PRIMEIRO TRIMESTRE DA GESTAÇÃO. UM INDIVÍDUO COM MICROCEFALIA PODERÁ TER UM DÉFICIT COGNITIVO, PROBLEMAS VISUAIS, DÉFICIT AUDITIVOS E MOTORES, ATRASO NO DESENVOLVIMENTO E EPILEPSIA. É PRECISO GARANTIR O DIREITO E A PERMANÊNCIA DOS ALUNOS COM NECESSIDADES ESPECIAIS NAS ESCOLAS REGULARES DE ENSINO. DESSA FORMA, PROCUROU-SE INVESTIGAR O ATENDIMENTO DAS CRIANÇAS COM MICROCEFALIA NAS ESCOLAS DE ENSINO REGULAR DO MUNICÍPIO DO PAULISTA. COMO FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA UTILIZOU-SE DOS ESTUDOS NA ÁREA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA. AVALIOU-SE ATRAVÉS DE UM QUESTIONÁRIO RESPONDIDO PELA COORDENADORA DA GESTÃO DE EDUCAÇÃO ESPECIAL, COM QUESTÕES NO ÂMBITO DOS ASPECTOS QUE ENVOLVEM UMA INFRAESTRUTURA ADEQUADA, A CAPACIDADE DE ACOLHIMENTO DA ESCOLA E A PREPARAÇÃO DOS DOCENTES VOLTADOS AO ATENDIMENTO DESSES ALUNOS."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "GT 11 - Inclusão, Direitos Humanos e Interculturalidade"
    "palavra_chave" => "MICROCEFALIA ZIKA VÍRUS, POLÍTICAS PÚBLICAS, INCLUSÃO ESCOLAR"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV127_MD4_SA11_ID4702_31072019181346.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:56"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:34:40"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "KELLY CRISTINA MARQUES DE LIMA"
    "autor_nome_curto" => "KELLY LIMA"
    "autor_email" => "kcmlm2812@gmail.com"
    "autor_ies" => "UPE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vi-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais VI CONEDU"
    "edicao_evento" => "VI Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2019"
    "edicao_logo" => "5e4a032588ba0_17022020000613.png"
    "edicao_capa" => "5f184577153da_22072020105607.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-10-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 24 de outubro de 2019

Resumo

O PRESENTE ARTIGO BUSCOU DESCREVER AS AÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO DAS POLÍTICAS PÚBLICAS NA REDE REGULAR DE ENSINO A PARTIR DO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO ESPECIAL, LOCALIZADO NA REGIÃO METROPOLITANA NO MUNICÍPIO DE PAULISTA-PE QUE VISA A INCLUSÃO DOS ALUNOS COM MICROCEFALIA. DOENÇA QUE PODE SER CAUSADA COM DIVERSOS FATORES, DESDE ANORMALIDADES GENÉTICAS ATÉ INFECÇÕES DURANTE A GESTAÇÃO, COMO RUBÉOLA, TOXOPLASMOSE, HIV, ENTRE OUTRAS. DESCOBRIU-SE RECENTEMENTE QUE O ZIKA VÍRUS TRANSMITIDO PELO AEDES AEGYPTI, TAMBÉM É UM CAUSADOR DA MICROCEFALIA, PRINCIPALMENTE NO PRIMEIRO TRIMESTRE DA GESTAÇÃO. UM INDIVÍDUO COM MICROCEFALIA PODERÁ TER UM DÉFICIT COGNITIVO, PROBLEMAS VISUAIS, DÉFICIT AUDITIVOS E MOTORES, ATRASO NO DESENVOLVIMENTO E EPILEPSIA. É PRECISO GARANTIR O DIREITO E A PERMANÊNCIA DOS ALUNOS COM NECESSIDADES ESPECIAIS NAS ESCOLAS REGULARES DE ENSINO. DESSA FORMA, PROCUROU-SE INVESTIGAR O ATENDIMENTO DAS CRIANÇAS COM MICROCEFALIA NAS ESCOLAS DE ENSINO REGULAR DO MUNICÍPIO DO PAULISTA. COMO FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA UTILIZOU-SE DOS ESTUDOS NA ÁREA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA. AVALIOU-SE ATRAVÉS DE UM QUESTIONÁRIO RESPONDIDO PELA COORDENADORA DA GESTÃO DE EDUCAÇÃO ESPECIAL, COM QUESTÕES NO ÂMBITO DOS ASPECTOS QUE ENVOLVEM UMA INFRAESTRUTURA ADEQUADA, A CAPACIDADE DE ACOLHIMENTO DA ESCOLA E A PREPARAÇÃO DOS DOCENTES VOLTADOS AO ATENDIMENTO DESSES ALUNOS.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.