Artigo Anais VI CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 350
METODOLOGIA ATIVA PARA ENSINO DA FISIOLOGIA HUMANA

Palavra-chaves: METODOLOGIA ATIVA, APRENDIZAGEM BASEADA EM ANIMAÇÃO (ABL), FISIOLOGIA HUMANA Comunicação Oral (CO) GT 19 – Tecnologias e Educação Publicado em 24 de outubro de 2019

Resumo

ENSINAR E APRENDER FISIOLOGIA NÃO É UMA TAREFA FÁCIL. A MAIORIA DOS ESTUDANTES NÃO VÊ APLICABILIDADE NAQUELE CONTEÚDO QUE LHE É PASSADO E O PROFESSOR, MUITAS VEZES, NÃO CONSEGUE PASSAR AO ALUNO O QUE É REALMENTE NECESSÁRIO. EXISTEM DIFERENTE METODOLOGIAS QUE COLOCAM O ALUNO DO CENTRO DO APRENDIZADO, DENTRE ELAS, A APRENDIZAGEM BASEADA EM ANIMAÇÃO (ABL: ANIMATION-BASED LEARNING). A ABL É UM MÉTODO QUE USA DE ANIMAÇÕES PARA FACILITAR O APRENDIZADO ATRAVÉS DE MODELOS INTERATIVOS. BASEADO NISSO, NOSSO OBJETIVO FOI AVALIAR O EFEITO DESTE MÉTODO SOBRE O APRENDIZADO DE FISIOLOGIA. MÉTODOS: ALUNOS MATRICULADOS NA DISCIPLINA DE FISIOLOGIA DO CURSO DE NUTRIÇÃO TIVERAM SEU DESEMPENHO COMPARADOS APÓS SEREM SUBMETIDOS AO ENSINO ATRAVÉS DO MÉTODO TRADICIONAL (CONDIÇÃO CONTROLE) E POR MEIO DA ABL (SITUAÇÃO EXPERIMENTAL). NO MÉTODO TRADICIONAL FORAM AULAS EXPOSITIVAS E, O MÉTODO ABL FOI COMPOSTO POR ANIMAÇÕES DE MODELOS ESTRUTURAIS E FUNCIONAIS, CRIADOS E IMPLEMENTADOS PELOS ALUNOS. OS ALUNOS TIVERAM ACESSO DIRETO A SUA EVOLUÇÃO POR MEIO DE AVALIAÇÕES FORMATIVAS E SEU DESEMPENHO NAS AVALIAÇÕES, D1 E D2, FOI USADO PARA COMPARAÇÕES ENTRE AS DUAS CONDIÇÕES EXPERIMENTAIS. RESULTADOS: QUANDO SUBMETIDOS AO ABL, OS ALUNOS ALCANÇARAM NOTAS IGUAIS QUE QUANDO SUBMETIDOS AO MÉTODO TRADICIONAL, MESMO DEDICANDO MENOS TEMPO PARA ESTUDAR. ALÉM DISSO, ANÁLISES DOS DADOS QUALITATIVOS, INDICAM QUE OS ALUNOS TÊM PREFERÊNCIA EM ESTUDAR VIA ABL EM RELAÇÃO AO MÉTODO TRADICIONAL, TÊM MAIS FACILIDADE EM MEMORIZAR O CONTEÚDO E APLICAR OS CONCEITOS, ALÉM DE PARTICIPAR MAIS DAS AULAS E ACHAR A FORMA ATIVA DE APRENDIZAGEM MAIS IMPACTANTE. APOIO FINANCEIRO: INSTITUTO ANIMA; ANIMA EDUCAÇÃO; PRÊMIO PE. MAGELA.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.