Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

FORMAÇÃO CONTINUADA PARA PROFESSORES: AS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO (TIC) NA EDUCAÇÃO

Palavra-chaves: FORMAÇÃO CONTINUADA, TECNOLOGIA EDUCATIVA, DOCENTE Comunicação Oral (CO) GT 01 - Formação de Professores
"2017-12-19 23:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 36996
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 18
    "inscrito_id" => 1153
    "titulo" => "FORMAÇÃO CONTINUADA PARA PROFESSORES: AS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO (TIC) NA EDUCAÇÃO"
    "resumo" => "Nas últimas décadas houveram avanços na democratização da educação, assim como o desenvolvimento de ações que deram ênfase a formação inicial e continuada dos professores, porém observa-se que a organização e a aplicação das políticas educacionais de formação continuada voltadas para a utilização das Tecnologias da Informação e Comunicação- TIC criadas apresentam muitos impasses para atingir os objetivos para o qual foram elaboradas, como constata-se no relatório de atividades do ProInfo 1996/2002, que aponta dificuldades para implantar o processo de capacitação continuada. Dois pontos chaves evidenciam os desafios, o primeiro é a negação do contexto da prática na criação da política de formação continuada, ou seja não se adequar a política de formação continuada a realidade evidenciada pelo professor e a escola onde trabalha, assim como o contexto dos educandos, a disponibilidade de recursos (computadores, tablets, internet) e o segundo é não atentar-se para uma formação continuada que permita o profissional construir constantemente sua identidade docente. A criação da identidade docente é “um processo de interpretação de si mesmo como pessoa dentro de um determinado contexto”, faz parte de um processo dinâmico influenciado por aspectos pessoais, sociais e cognitivos. Diante desses dois pontos é interessante destacar que por mais que os discursos evidenciem a formação de um profissional crítico, que aprenda a inovar, por vezes a formação não passa de uma reprodução de conhecimentos. A pesquisa busca responder a pergunta: o que considerar na elaboração de um curso de formação continuada abordando as Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) para professores? Para isso, optou-se pela pesquisa bibliográfica em artigos científicos dos projetos tablets educacionais (Rio Grande do Sul) e Escola Digital (Portugal) enfatizando a formação continuada abordando às TIC para os professores. A pesquisa bibliográfica permite ao pesquisador conhecer o que já se estudou sobre o assunto, buscando ter um conhecimento prévio sobre o problema para o qual se procura a resposta. Portanto, foi possível identificar através das análises que o envolvimento e a participação dos professores na formulação de atividades de formação, permitem uma mudança positiva na formação continuada e uma probabilidade de êxito muito maior do que a mera aplicação de atividades determinadas por entidades externas. Ao professor reconhecer a necessidade de formação e quais as necessidades de formação de acordo com a sua prática cotidiana, ele torna-se um sujeito ativo e autor de iniciativas de repensar sobre sua ação na sala de aula. Portanto, acredita-se que o professor como importante sujeito no processo educativo, deve ser o ponto de partida para a criação de ações de formação continuada voltadas para a utilização das TIC na escola."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 01 - Formação de Professores"
    "palavra_chave" => "FORMAÇÃO CONTINUADA, TECNOLOGIA EDUCATIVA, DOCENTE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA1_ID1153_28032017210503.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:22"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:07"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "KARINA LETÍCIA JÚLIO PINTO"
    "autor_nome_curto" => "KARINA PINTO"
    "autor_email" => "karina.leticia21@hotmail."
    "autor_ies" => "INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL (IFRS)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-19 23:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 36996
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 18
    "inscrito_id" => 1153
    "titulo" => "FORMAÇÃO CONTINUADA PARA PROFESSORES: AS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO (TIC) NA EDUCAÇÃO"
    "resumo" => "Nas últimas décadas houveram avanços na democratização da educação, assim como o desenvolvimento de ações que deram ênfase a formação inicial e continuada dos professores, porém observa-se que a organização e a aplicação das políticas educacionais de formação continuada voltadas para a utilização das Tecnologias da Informação e Comunicação- TIC criadas apresentam muitos impasses para atingir os objetivos para o qual foram elaboradas, como constata-se no relatório de atividades do ProInfo 1996/2002, que aponta dificuldades para implantar o processo de capacitação continuada. Dois pontos chaves evidenciam os desafios, o primeiro é a negação do contexto da prática na criação da política de formação continuada, ou seja não se adequar a política de formação continuada a realidade evidenciada pelo professor e a escola onde trabalha, assim como o contexto dos educandos, a disponibilidade de recursos (computadores, tablets, internet) e o segundo é não atentar-se para uma formação continuada que permita o profissional construir constantemente sua identidade docente. A criação da identidade docente é “um processo de interpretação de si mesmo como pessoa dentro de um determinado contexto”, faz parte de um processo dinâmico influenciado por aspectos pessoais, sociais e cognitivos. Diante desses dois pontos é interessante destacar que por mais que os discursos evidenciem a formação de um profissional crítico, que aprenda a inovar, por vezes a formação não passa de uma reprodução de conhecimentos. A pesquisa busca responder a pergunta: o que considerar na elaboração de um curso de formação continuada abordando as Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) para professores? Para isso, optou-se pela pesquisa bibliográfica em artigos científicos dos projetos tablets educacionais (Rio Grande do Sul) e Escola Digital (Portugal) enfatizando a formação continuada abordando às TIC para os professores. A pesquisa bibliográfica permite ao pesquisador conhecer o que já se estudou sobre o assunto, buscando ter um conhecimento prévio sobre o problema para o qual se procura a resposta. Portanto, foi possível identificar através das análises que o envolvimento e a participação dos professores na formulação de atividades de formação, permitem uma mudança positiva na formação continuada e uma probabilidade de êxito muito maior do que a mera aplicação de atividades determinadas por entidades externas. Ao professor reconhecer a necessidade de formação e quais as necessidades de formação de acordo com a sua prática cotidiana, ele torna-se um sujeito ativo e autor de iniciativas de repensar sobre sua ação na sala de aula. Portanto, acredita-se que o professor como importante sujeito no processo educativo, deve ser o ponto de partida para a criação de ações de formação continuada voltadas para a utilização das TIC na escola."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 01 - Formação de Professores"
    "palavra_chave" => "FORMAÇÃO CONTINUADA, TECNOLOGIA EDUCATIVA, DOCENTE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA1_ID1153_28032017210503.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:22"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:07"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "KARINA LETÍCIA JÚLIO PINTO"
    "autor_nome_curto" => "KARINA PINTO"
    "autor_email" => "karina.leticia21@hotmail."
    "autor_ies" => "INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL (IFRS)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-19 23:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 19 de dezembro de 2017

Resumo

Nas últimas décadas houveram avanços na democratização da educação, assim como o desenvolvimento de ações que deram ênfase a formação inicial e continuada dos professores, porém observa-se que a organização e a aplicação das políticas educacionais de formação continuada voltadas para a utilização das Tecnologias da Informação e Comunicação- TIC criadas apresentam muitos impasses para atingir os objetivos para o qual foram elaboradas, como constata-se no relatório de atividades do ProInfo 1996/2002, que aponta dificuldades para implantar o processo de capacitação continuada. Dois pontos chaves evidenciam os desafios, o primeiro é a negação do contexto da prática na criação da política de formação continuada, ou seja não se adequar a política de formação continuada a realidade evidenciada pelo professor e a escola onde trabalha, assim como o contexto dos educandos, a disponibilidade de recursos (computadores, tablets, internet) e o segundo é não atentar-se para uma formação continuada que permita o profissional construir constantemente sua identidade docente. A criação da identidade docente é “um processo de interpretação de si mesmo como pessoa dentro de um determinado contexto”, faz parte de um processo dinâmico influenciado por aspectos pessoais, sociais e cognitivos. Diante desses dois pontos é interessante destacar que por mais que os discursos evidenciem a formação de um profissional crítico, que aprenda a inovar, por vezes a formação não passa de uma reprodução de conhecimentos. A pesquisa busca responder a pergunta: o que considerar na elaboração de um curso de formação continuada abordando as Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) para professores? Para isso, optou-se pela pesquisa bibliográfica em artigos científicos dos projetos tablets educacionais (Rio Grande do Sul) e Escola Digital (Portugal) enfatizando a formação continuada abordando às TIC para os professores. A pesquisa bibliográfica permite ao pesquisador conhecer o que já se estudou sobre o assunto, buscando ter um conhecimento prévio sobre o problema para o qual se procura a resposta. Portanto, foi possível identificar através das análises que o envolvimento e a participação dos professores na formulação de atividades de formação, permitem uma mudança positiva na formação continuada e uma probabilidade de êxito muito maior do que a mera aplicação de atividades determinadas por entidades externas. Ao professor reconhecer a necessidade de formação e quais as necessidades de formação de acordo com a sua prática cotidiana, ele torna-se um sujeito ativo e autor de iniciativas de repensar sobre sua ação na sala de aula. Portanto, acredita-se que o professor como importante sujeito no processo educativo, deve ser o ponto de partida para a criação de ações de formação continuada voltadas para a utilização das TIC na escola.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.