Artigo Anais II CONBRACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

A CORRELAÇÃO DE SINTOMAS ARTICULARES ENTRE CHIKUNGUNYA E ARTRITE REUMATOIDE

Palavra-chaves: ARTRITE REUMATOIDE, CHIKUNGUNYA, ARTROPATIAS Pôster (PO) AT-01: Medicina Publicado em 14 de junho de 2017

Resumo

A artrite reumatoide é uma doença sistêmica autoimune de etiologia desconhecida, que acomete fundamentalmente articulações periféricas. A Chikungunya, uma doença febril aguda, por sua vez, também é uma doença de notável acometimento articular, causada por um vírus RNA, e que teve seus primeiros casos documentados no início da década de 1950. Considerando estas manifestações clínicas em comum, é válida realização de uma comparação entre ambas, explicitando os pontos concordantes e discordantes, uma vez que os danos articulares causados por esta ainda não são plenamente compreendidos e não se sabe com exatidão quais fatores possibilitam manifestações tão diversas desses sintomas em diferentes pacientes, bem como ainda não são plenamente conhecidas as consequências da sobreposição entre as duas patologias, fato que se deve principalmente à pouca atenção que era dada à Chikungunya até recentemente. Este trabalho, portanto, apresenta uma revisão da literatura com o objetivo de estabelecer uma correlação entre as manifestações clínicas articulares destas duas doenças. Os descritores utilizados para a busca de artigos foram “Chikungunya Fever” e “Arthritis, Rheumatoid”. Foi realizada uma revisão bibliográfica com buscas na base de dados PubMed. Foram obtidos trinta e dois resultados, dos quais seis foram selecionados. Ademais, uma revisão médica disponível online e uma dissertação de mestrado foram selecionados, através de busca ativa. Observou-se pelos dados coletados que de fato ambas as doenças apresentam sítios de ação em comum, podendo a Ckikungunya adquirir cronicamente um caráter de artrite reumatoide soronegativa. Há, não obstante, um longo caminho a percorrer para completa compreensão da arbovirose, ainda mais no que se refere à sobreposição desta com a artrite reumatoide.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.