Artigo Anais VI CONGREFIP

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0060

Visualizações: 218
A IMPORTÂNCIA DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NO ALEITAMENTO MATERNO

Palavra-chaves: ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM, AMAMENTAÇÃO, LEITE MATERNO Comunicação Oral (CO) Enfermagem Assistencial

Resumo

INTRODUÇÃO: O Aleitamento materno é uma das melhores maneiras de atender as necessidades fisiológicas da criança em seus primeiros meses de vida, sendo uma prática natural e bastante saudável. Durante os últimos anos, no Brasil, vem sofrendo variações, com os níveis de desmame cada vez mais alto, atingindo níveis preocupantes pois coopera para a mortalidade infantil. MATERIAIS E MÉTODOS: trata-se de uma pesquisa descritiva, abordagem qualitativa, pesquisas bibliográfica retiradas da biblioteca das FIP, foram artigos publicados em sites indexados: Scielo, Bireme, Google acadêmico e Lilacs, datados entre os anos de 2012 a 2017, apresentaram como objeto de estudo a temática central: a importância da assistência de enfermagem no aleitamento materno. RESULTADOS E DISCUSSÃO: O leite materno é eficaz e de extrema importância para o bebê, especialmente nos primeiros meses de vida, e nenhum outro alimento é tão eficiente para substitui-lo. São inúmeras vantagens que o aleitamento materno proporciona, uma delas é: ele é nutritivo, contem substancias imunológicas, incentiva o desenvolvimento sadio do bebê, diminui o risco de leucemia e asma na infância, também tem vantagens para a mãe como: ajuda a reduzir o risco de hemorragia pôs parto, reduz o risco de diabetes tipo 2, câncer de mama, útero e ovários CONCLUSÕES: O enfermeiro é papel chave para o binômio mãe-filho, pois é ele quem acompanha desde o período da gestação até o pós parto, onde ele passa orientações afim da mãe se sentir segura e independente para amamentar seu bebê sem que haja duvidas e complicações.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.