Artigo Anais I CONBRACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE CRIANÇAS MENORES DE DOIS ANOS ATENDIDAS NA USF VIVER BEM DO MUNICIPIO DE JOÃO PESSOA-PB

Palavra-chaves: AVALIAÇÃO NUTRICIONAL, DESNUTRIÇÃO, ESTADO NUTRICIONAL Comunicação Oral (CO) AT-06: NUTRIÇÃO
"2016-06-15 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 19010
    "edicao_id" => 43
    "trabalho_id" => 138
    "inscrito_id" => 1544
    "titulo" => "AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE CRIANÇAS MENORES DE DOIS ANOS ATENDIDAS NA USF VIVER BEM DO MUNICIPIO DE JOÃO PESSOA-PB"
    "resumo" => "Os dois primeiros anos de vida da criança são caracterizados por crescimento acelerado e importantes aquisições no processo de desenvolvimento, representando um período crítico de vulnerabilidade aos agravos sociais, econômicos e ambientais. Para se avaliar o estado nutricional de uma criança é necessário conhecer seus dados antropométricos, tais como: peso e altura, podendo assim fazer a sua avaliação por três índices, tendo como pontos de corte percentil e desvio padrão (escore-z). Sendo assim, crianças mais jovens por si só já apresentam risco nutricional aumentado. O trabalho teve como objetivo geral avaliar o estado nutricional de crianças menores de dois anos atendidas na USF Viver Bem do município de João Pessoa/PB além de identificar a frequência de desnutrição entre essas crianças. A pesquisa foi de campo, retrospectiva, transversal, descritiva e de levantamento de dados, com abordagem quantitativa, visando avaliar o estado nutricional de crianças menores de dois anos do local já citado. Para o diagnóstico nutricional foi utilizado o peso para a idade, peso para a altura e a altura para a idade com o ponto de corte descrito em escore-Z, recomendado pela OMS. Com o presente estudo pode-se concluir que a maioria das famílias das crianças que passavam para aferir o comprimento e o peso, tinha-se mais cuidado com as crianças menores de 0 a 6 meses. Podendo então diagnosticar o estado nutricional dessas crianças, a maioria apresentando peso adequado, e cumprimento adequado."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT-06: NUTRIÇÃO"
    "palavra_chave" => "AVALIAÇÃO NUTRICIONAL, DESNUTRIÇÃO, ESTADO NUTRICIONAL"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV055_MD1_SA6_ID1544_01052016133254.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:04"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:28:10"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "TAINÁ GOMES DINIZ"
    "autor_nome_curto" => "TAINÁ DINIZ"
    "autor_email" => "tainagdiniz@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNINTER"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conbracis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONBRACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Brasileiro de Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conbracis/2016"
    "edicao_logo" => "5e4a005a0a41f_16022020235418.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1844e6a6a1a_22072020105342.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-15 00:00:00"
    "publicacao_id" => 29
    "publicacao_nome" => "Anais Conbracis"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 19010
    "edicao_id" => 43
    "trabalho_id" => 138
    "inscrito_id" => 1544
    "titulo" => "AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE CRIANÇAS MENORES DE DOIS ANOS ATENDIDAS NA USF VIVER BEM DO MUNICIPIO DE JOÃO PESSOA-PB"
    "resumo" => "Os dois primeiros anos de vida da criança são caracterizados por crescimento acelerado e importantes aquisições no processo de desenvolvimento, representando um período crítico de vulnerabilidade aos agravos sociais, econômicos e ambientais. Para se avaliar o estado nutricional de uma criança é necessário conhecer seus dados antropométricos, tais como: peso e altura, podendo assim fazer a sua avaliação por três índices, tendo como pontos de corte percentil e desvio padrão (escore-z). Sendo assim, crianças mais jovens por si só já apresentam risco nutricional aumentado. O trabalho teve como objetivo geral avaliar o estado nutricional de crianças menores de dois anos atendidas na USF Viver Bem do município de João Pessoa/PB além de identificar a frequência de desnutrição entre essas crianças. A pesquisa foi de campo, retrospectiva, transversal, descritiva e de levantamento de dados, com abordagem quantitativa, visando avaliar o estado nutricional de crianças menores de dois anos do local já citado. Para o diagnóstico nutricional foi utilizado o peso para a idade, peso para a altura e a altura para a idade com o ponto de corte descrito em escore-Z, recomendado pela OMS. Com o presente estudo pode-se concluir que a maioria das famílias das crianças que passavam para aferir o comprimento e o peso, tinha-se mais cuidado com as crianças menores de 0 a 6 meses. Podendo então diagnosticar o estado nutricional dessas crianças, a maioria apresentando peso adequado, e cumprimento adequado."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT-06: NUTRIÇÃO"
    "palavra_chave" => "AVALIAÇÃO NUTRICIONAL, DESNUTRIÇÃO, ESTADO NUTRICIONAL"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV055_MD1_SA6_ID1544_01052016133254.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:04"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:28:10"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "TAINÁ GOMES DINIZ"
    "autor_nome_curto" => "TAINÁ DINIZ"
    "autor_email" => "tainagdiniz@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNINTER"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conbracis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONBRACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Brasileiro de Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conbracis/2016"
    "edicao_logo" => "5e4a005a0a41f_16022020235418.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1844e6a6a1a_22072020105342.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-15 00:00:00"
    "publicacao_id" => 29
    "publicacao_nome" => "Anais Conbracis"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 15 de junho de 2016

Resumo

Os dois primeiros anos de vida da criança são caracterizados por crescimento acelerado e importantes aquisições no processo de desenvolvimento, representando um período crítico de vulnerabilidade aos agravos sociais, econômicos e ambientais. Para se avaliar o estado nutricional de uma criança é necessário conhecer seus dados antropométricos, tais como: peso e altura, podendo assim fazer a sua avaliação por três índices, tendo como pontos de corte percentil e desvio padrão (escore-z). Sendo assim, crianças mais jovens por si só já apresentam risco nutricional aumentado. O trabalho teve como objetivo geral avaliar o estado nutricional de crianças menores de dois anos atendidas na USF Viver Bem do município de João Pessoa/PB além de identificar a frequência de desnutrição entre essas crianças. A pesquisa foi de campo, retrospectiva, transversal, descritiva e de levantamento de dados, com abordagem quantitativa, visando avaliar o estado nutricional de crianças menores de dois anos do local já citado. Para o diagnóstico nutricional foi utilizado o peso para a idade, peso para a altura e a altura para a idade com o ponto de corte descrito em escore-Z, recomendado pela OMS. Com o presente estudo pode-se concluir que a maioria das famílias das crianças que passavam para aferir o comprimento e o peso, tinha-se mais cuidado com as crianças menores de 0 a 6 meses. Podendo então diagnosticar o estado nutricional dessas crianças, a maioria apresentando peso adequado, e cumprimento adequado.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.