Artigo Anais I CONBRACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

RISCO PARA DIABETES MELLITUS TIPO 2 EM DOCENTES DE ENFERMAGEM

Palavra-chaves: DIABETES MELLITUS TIPO 2, FATORES DE RISCO, DOCENTES, ENFERMAGEM Pôster (PO) AT-04: ENFERMAGEM
"2016-06-15 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 19481
    "edicao_id" => 43
    "trabalho_id" => 801
    "inscrito_id" => 1216
    "titulo" => "RISCO PARA DIABETES MELLITUS TIPO 2 EM DOCENTES DE ENFERMAGEM"
    "resumo" => "O Diabetes Mellitus é uma das principais doenças crônicas que afetam o homem, acometendo populações de países em todos os estágios de desenvolvimento econômico-social. O objetivo deste estudo foi avaliar a prevalência do risco para DMT2 em docentes de Enfermagem em uma instituição Pública da Cidade do Recife e as características dos docentes que apresentam maior prevalência desta doença. Este é um estudo de natureza transversal com o objetivo descritivo e analítico. Foram aplicados dois questionários sendo o primeiro relacionado ao perfil sócio-demográfico e hábitos dos docentes. O segundo questionário foi utilizado para avaliar o risco para DMT2 o qual é preconizado pela Finnish Diabetes Association (FDA, 2014). Foi verificado que 58,9% dos docentes apresentam risco moderado/muito alto. Varias características foram relacionadas  às altas prevalências da doença, sendo a principais: menos de 5 refeições diárias, consumo de bebida alcoólica, sedentarismo e horas excessivas de sono. Foi observado que a prevalência do risco moderado/muito alto para DMT2 é elevada no grupo de docentes avaliados. Ainda, verificou-se alta prevalência de sedentarismo e de poucas horas de sono diário dos professores."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "AT-04: ENFERMAGEM"
    "palavra_chave" => "DIABETES MELLITUS TIPO 2, FATORES DE RISCO, DOCENTES, ENFERMAGEM"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV055_MD4_SA4_ID1216_31052016202900.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:05"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:28:11"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "MONIQUE DE LIMA SANTANA"
    "autor_nome_curto" => "MONIQUE LIMA"
    "autor_email" => "monique.net@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conbracis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONBRACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Brasileiro de Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conbracis/2016"
    "edicao_logo" => "5e4a005a0a41f_16022020235418.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1844e6a6a1a_22072020105342.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-15 00:00:00"
    "publicacao_id" => 29
    "publicacao_nome" => "Anais Conbracis"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 19481
    "edicao_id" => 43
    "trabalho_id" => 801
    "inscrito_id" => 1216
    "titulo" => "RISCO PARA DIABETES MELLITUS TIPO 2 EM DOCENTES DE ENFERMAGEM"
    "resumo" => "O Diabetes Mellitus é uma das principais doenças crônicas que afetam o homem, acometendo populações de países em todos os estágios de desenvolvimento econômico-social. O objetivo deste estudo foi avaliar a prevalência do risco para DMT2 em docentes de Enfermagem em uma instituição Pública da Cidade do Recife e as características dos docentes que apresentam maior prevalência desta doença. Este é um estudo de natureza transversal com o objetivo descritivo e analítico. Foram aplicados dois questionários sendo o primeiro relacionado ao perfil sócio-demográfico e hábitos dos docentes. O segundo questionário foi utilizado para avaliar o risco para DMT2 o qual é preconizado pela Finnish Diabetes Association (FDA, 2014). Foi verificado que 58,9% dos docentes apresentam risco moderado/muito alto. Varias características foram relacionadas  às altas prevalências da doença, sendo a principais: menos de 5 refeições diárias, consumo de bebida alcoólica, sedentarismo e horas excessivas de sono. Foi observado que a prevalência do risco moderado/muito alto para DMT2 é elevada no grupo de docentes avaliados. Ainda, verificou-se alta prevalência de sedentarismo e de poucas horas de sono diário dos professores."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "AT-04: ENFERMAGEM"
    "palavra_chave" => "DIABETES MELLITUS TIPO 2, FATORES DE RISCO, DOCENTES, ENFERMAGEM"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV055_MD4_SA4_ID1216_31052016202900.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:05"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:28:11"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "MONIQUE DE LIMA SANTANA"
    "autor_nome_curto" => "MONIQUE LIMA"
    "autor_email" => "monique.net@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conbracis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONBRACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Brasileiro de Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conbracis/2016"
    "edicao_logo" => "5e4a005a0a41f_16022020235418.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1844e6a6a1a_22072020105342.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-15 00:00:00"
    "publicacao_id" => 29
    "publicacao_nome" => "Anais Conbracis"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 15 de junho de 2016

Resumo

O Diabetes Mellitus é uma das principais doenças crônicas que afetam o homem, acometendo populações de países em todos os estágios de desenvolvimento econômico-social. O objetivo deste estudo foi avaliar a prevalência do risco para DMT2 em docentes de Enfermagem em uma instituição Pública da Cidade do Recife e as características dos docentes que apresentam maior prevalência desta doença. Este é um estudo de natureza transversal com o objetivo descritivo e analítico. Foram aplicados dois questionários sendo o primeiro relacionado ao perfil sócio-demográfico e hábitos dos docentes. O segundo questionário foi utilizado para avaliar o risco para DMT2 o qual é preconizado pela Finnish Diabetes Association (FDA, 2014). Foi verificado que 58,9% dos docentes apresentam risco moderado/muito alto. Varias características foram relacionadas às altas prevalências da doença, sendo a principais: menos de 5 refeições diárias, consumo de bebida alcoólica, sedentarismo e horas excessivas de sono. Foi observado que a prevalência do risco moderado/muito alto para DMT2 é elevada no grupo de docentes avaliados. Ainda, verificou-se alta prevalência de sedentarismo e de poucas horas de sono diário dos professores.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.