Artigo Anais I CONBRACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

MEDIAÇÃO DE CONFLITOS JUNTO A ADOLESCENTES COM ADOECIMENTO PSÍQUICO PELA DEPENDÊNCIA DE INTERNET NA ATENÇÃO BÁSICA

Palavra-chaves: DEPENDÊNCIA TECNOLÓGICA, SOFRIMENTO PSÍQUICO, ADOLESCENTES, MEDIAÇÃO DE CONFLITOS Comunicação Oral (CO) AT-05: SAÚDE MENTAL Publicado em 15 de junho de 2016

Resumo

Trata-se de um estudo bibliográfico que tem como objetivo problematizar como o uso inadequado da internet vem gerando dependência em um grupo específico de pessoas, adolescentes e jovens, acarretando adoecimento psíquico. Objetiva-se também discutir a técnica de mediação de conflitos como um instrumento de prevenção, proteção e recuperação da saúde psíquica do adolescente e jovem. O uso da mediação de conflitos visa mostrar as pessoas dependentes dessa tecnologia, que a mesma pode fazer parte do seu cotidiano sem prejudicá-lo; e para isso é preciso fazer com que esses busquem entender a extensão dos danos que causam a si mesmo, trazendo um adoecimento não só psíquico, mas também social e biológico. Essa etapa do desenvolvimento humano requer uma atenção minuciosa, pois esses jovens estão em busca de suas identidades e autonomia, tais processos se constroem a todo o momento na vida do sujeito. No entanto, perpassa muitas vezes por uma construção geradora de conflitos e nesse caso, atrelado ao sofrimento causado pela dependência da internet, que se constitui em um mecanismo utilizado por eles para efetivar suas identidades e conquistas de autonomia. Os estudos apontam que os adolescentes e jovens com parentalidade permissiva e indiferente tendem á passar mais tempo na internet utilizando-a como fuga da realidade. Esses buscam então nas tecnologias um lugar que ofereça refúgio e atenção, e na grande maioria das vezes esses refúgios perpassam o uso descontrolado e excessivo das redes sociais que se interconectam com outra realidade, o mundo virtual.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.