Artigo Anais XII CONAGES

ANAIS de Evento

ISSN: 2177-4781

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DE MULHERES: UMA VISÃO PSICANALÍTICA DA EDUCAÇÃO ESCOLAR COMO AÇÃO TRANSFORMADORA

Palavra-chaves: MULHER, EDUCAÇÃO ESCOLAR, REPRESENTAÇÃO SOCIAL, AÇÃO TRANSFORMADORA, AÇÃO TRANSFORMADORA Comunicação Oral (CO) Gênero, Sexualidades e Educação
"2016-06-08 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 18688
    "edicao_id" => 42
    "trabalho_id" => 383
    "inscrito_id" => 1770
    "titulo" => "REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DE MULHERES: UMA VISÃO PSICANALÍTICA DA EDUCAÇÃO ESCOLAR COMO AÇÃO TRANSFORMADORA"
    "resumo" => "É bastante peculiar a noção de mundo de uma mulher que retorna aos estudos depois de adulta, após anos afastada do espaço escolar, ou mesmo daquela que inicia sua trajetória escolar nessa fase da vi-da. Quem são essas mulheres que escrevem sobre si? Como são representadas essas mulheres? Nesta perspectiva, este trabalho objetivou-se em compreender a importância das representações sociais, a educação escolar em uma visão Psicanalítica, sua ação transformadora e reparadora na vida das mulheres como forma de suprir traumas inconscientes gerados durante o período longe do ambiente sapiencial, demonstrados nos relatos escritos. Este trabalho foi realizado na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Antônio Guedes de Andrade, com treze alunas, e teve um caráter qualitativo, onde se utilizou como instrumentos para a obtenção dos dados a elaboração de um memorial e relatos orais. Os resultados obtidos pontuaram fatores para uma aluna poder abandonar os estudos: mudanças na área escolar, envelhecimento da população, mudanças nas estruturas familiares, deslocamento dentro de uma região, aumento da pobreza, sexo e gravidez, entre outros, evidenciaram a necessidade de recuperar a estima dessas senhoras, emancipá-las educacionalmente."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "Gênero, Sexualidades e Educação"
    "palavra_chave" => "MULHER, EDUCAÇÃO ESCOLAR, REPRESENTAÇÃO SOCIAL, AÇÃO TRANSFORMADORA, AÇÃO TRANSFORMADORA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV053_MD1_SA2_ID1770_23052016232828.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:04"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:15:15"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "HÉRGITON TEODOMIRO LINHARES MAIA"
    "autor_nome_curto" => "HÉRGITON MAIA"
    "autor_email" => "hergitonm@yahoo.com.br"
    "autor_ies" => "ABEPE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-xii-conages"
    "edicao_nome" => "Anais XII CONAGES"
    "edicao_evento" => "XII Colóquio Nacional Representações de Gênero e de Sexualidades"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conages/2016"
    "edicao_logo" => "5e4d91ff53faf_19022020165231.png"
    "edicao_capa" => "5f1840b2f13c7_22072020103546.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-08 00:00:00"
    "publicacao_id" => 16
    "publicacao_nome" => "Revista CONAGES"
    "publicacao_codigo" => "2177-4781"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 18688
    "edicao_id" => 42
    "trabalho_id" => 383
    "inscrito_id" => 1770
    "titulo" => "REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DE MULHERES: UMA VISÃO PSICANALÍTICA DA EDUCAÇÃO ESCOLAR COMO AÇÃO TRANSFORMADORA"
    "resumo" => "É bastante peculiar a noção de mundo de uma mulher que retorna aos estudos depois de adulta, após anos afastada do espaço escolar, ou mesmo daquela que inicia sua trajetória escolar nessa fase da vi-da. Quem são essas mulheres que escrevem sobre si? Como são representadas essas mulheres? Nesta perspectiva, este trabalho objetivou-se em compreender a importância das representações sociais, a educação escolar em uma visão Psicanalítica, sua ação transformadora e reparadora na vida das mulheres como forma de suprir traumas inconscientes gerados durante o período longe do ambiente sapiencial, demonstrados nos relatos escritos. Este trabalho foi realizado na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Antônio Guedes de Andrade, com treze alunas, e teve um caráter qualitativo, onde se utilizou como instrumentos para a obtenção dos dados a elaboração de um memorial e relatos orais. Os resultados obtidos pontuaram fatores para uma aluna poder abandonar os estudos: mudanças na área escolar, envelhecimento da população, mudanças nas estruturas familiares, deslocamento dentro de uma região, aumento da pobreza, sexo e gravidez, entre outros, evidenciaram a necessidade de recuperar a estima dessas senhoras, emancipá-las educacionalmente."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "Gênero, Sexualidades e Educação"
    "palavra_chave" => "MULHER, EDUCAÇÃO ESCOLAR, REPRESENTAÇÃO SOCIAL, AÇÃO TRANSFORMADORA, AÇÃO TRANSFORMADORA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV053_MD1_SA2_ID1770_23052016232828.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:04"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:15:15"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "HÉRGITON TEODOMIRO LINHARES MAIA"
    "autor_nome_curto" => "HÉRGITON MAIA"
    "autor_email" => "hergitonm@yahoo.com.br"
    "autor_ies" => "ABEPE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-xii-conages"
    "edicao_nome" => "Anais XII CONAGES"
    "edicao_evento" => "XII Colóquio Nacional Representações de Gênero e de Sexualidades"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conages/2016"
    "edicao_logo" => "5e4d91ff53faf_19022020165231.png"
    "edicao_capa" => "5f1840b2f13c7_22072020103546.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-08 00:00:00"
    "publicacao_id" => 16
    "publicacao_nome" => "Revista CONAGES"
    "publicacao_codigo" => "2177-4781"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 08 de junho de 2016

Resumo

É bastante peculiar a noção de mundo de uma mulher que retorna aos estudos depois de adulta, após anos afastada do espaço escolar, ou mesmo daquela que inicia sua trajetória escolar nessa fase da vi-da. Quem são essas mulheres que escrevem sobre si? Como são representadas essas mulheres? Nesta perspectiva, este trabalho objetivou-se em compreender a importância das representações sociais, a educação escolar em uma visão Psicanalítica, sua ação transformadora e reparadora na vida das mulheres como forma de suprir traumas inconscientes gerados durante o período longe do ambiente sapiencial, demonstrados nos relatos escritos. Este trabalho foi realizado na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Antônio Guedes de Andrade, com treze alunas, e teve um caráter qualitativo, onde se utilizou como instrumentos para a obtenção dos dados a elaboração de um memorial e relatos orais. Os resultados obtidos pontuaram fatores para uma aluna poder abandonar os estudos: mudanças na área escolar, envelhecimento da população, mudanças nas estruturas familiares, deslocamento dentro de uma região, aumento da pobreza, sexo e gravidez, entre outros, evidenciaram a necessidade de recuperar a estima dessas senhoras, emancipá-las educacionalmente.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.