Artigo Anais VII FIPED

ANAIS de Evento

ISSN: 2316-1086

AS CRIANÇAS E SUAS CULTURAS: A PERCEPÇÃO DE GÊNEROS, SIGNIFICADOS CONSTRUÍDOS A PARTIR DOS DESENHOS ANIMADOS

Palavra-chaves: INFÂNCIA, CRIANÇAS, DESENHO ANIMADO, INTERAÇÃO Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission Educação, Mídias e Tecnologias
"2015-11-10 23:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 17502
    "edicao_id" => 40
    "trabalho_id" => 237
    "inscrito_id" => 1067
    "titulo" => "AS CRIANÇAS E SUAS CULTURAS: A PERCEPÇÃO DE GÊNEROS, SIGNIFICADOS CONSTRUÍDOS A PARTIR DOS DESENHOS ANIMADOS"
    "resumo" => "O presente trabalho objetiva compreender as influências da mídia nas significações simbólicas das crianças a partir dos desenhos animados. A temática parte da inquietação em saber como se apresentavam estas manifestações nas suas relações com seus pares e com os adultos no contexto escolar. Tal inquietação surgiu durante as atividades práticas desenvolvidas na disciplina Estágio com Pesquisa em 2014. Como suporte teórico, utilizou-se os estudos de Àries (1981), Buckinghan (2006), Corsaro (2011), Sarmento (2011), Odinino (2009), Louro (1997), Kellner (2001), Geertz (2008) Kramer (2002), Graue&Walsh (2003), entre outros que serviram como base para nosso diálogo e discussões. A pesquisa foi realizada na Escola Estadual Ministro Waldemar Pedrosa, com uma turma do 2º ano do Ensino Fundamental composta por 30 (trinta) crianças que, no entanto, somente 22 (vinte e duas) participaram diretamente deste processo, assim como a parceria da docente titular da turma. O estudo foi desenvolvido metodologicamente na pesquisa de natureza qualitativa, como método de abordagem Fenomenológico e o de procedimento do tipo etnográfico, onde fez-se uso de instrumentos que captassem as múltiplas linguagens infantis, como o gravador, máquina e da fotografia. Quanto aos resultados construídos nesta pesquisa emergiram das vozes das crianças, permitindo compreendê-las como atores sociais, ativos, não são passivos diante das mídias, que nas suas interações com seus pares adotam elementos dos super heróis e heroínas que fazem parte de seu cotidiano. Neste trabalho se apresentam fronteiras entre meninos e meninas, que de espectadoras se tornam consumidoras, numa dimensão rica que também se aprende brincando."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission"
    "area_tematica" => "Educação, Mídias e Tecnologias"
    "palavra_chave" => "INFÂNCIA, CRIANÇAS, DESENHO ANIMADO, INTERAÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV050_MD1_SA23_ID1067_23102015215435.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:03"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:46:45"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ELZIANE DO SOCORRO MARQUES DOS SANTOS"
    "autor_nome_curto" => "ELZIANE MARQUES"
    "autor_email" => "elzimorena@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS - UEA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vii-fiped"
    "edicao_nome" => "Anais VII FIPED"
    "edicao_evento" => "VII Fórum Internacional de Pedagogia"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/fiped/2015"
    "edicao_logo" => "5e49ad3cdd9e5_16022020175940.jpg"
    "edicao_capa" => "5f186e1b6894a_22072020134931.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-11-10 23:00:00"
    "publicacao_id" => 1
    "publicacao_nome" => "Revista FIPED"
    "publicacao_codigo" => "2316-1086"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 17502
    "edicao_id" => 40
    "trabalho_id" => 237
    "inscrito_id" => 1067
    "titulo" => "AS CRIANÇAS E SUAS CULTURAS: A PERCEPÇÃO DE GÊNEROS, SIGNIFICADOS CONSTRUÍDOS A PARTIR DOS DESENHOS ANIMADOS"
    "resumo" => "O presente trabalho objetiva compreender as influências da mídia nas significações simbólicas das crianças a partir dos desenhos animados. A temática parte da inquietação em saber como se apresentavam estas manifestações nas suas relações com seus pares e com os adultos no contexto escolar. Tal inquietação surgiu durante as atividades práticas desenvolvidas na disciplina Estágio com Pesquisa em 2014. Como suporte teórico, utilizou-se os estudos de Àries (1981), Buckinghan (2006), Corsaro (2011), Sarmento (2011), Odinino (2009), Louro (1997), Kellner (2001), Geertz (2008) Kramer (2002), Graue&Walsh (2003), entre outros que serviram como base para nosso diálogo e discussões. A pesquisa foi realizada na Escola Estadual Ministro Waldemar Pedrosa, com uma turma do 2º ano do Ensino Fundamental composta por 30 (trinta) crianças que, no entanto, somente 22 (vinte e duas) participaram diretamente deste processo, assim como a parceria da docente titular da turma. O estudo foi desenvolvido metodologicamente na pesquisa de natureza qualitativa, como método de abordagem Fenomenológico e o de procedimento do tipo etnográfico, onde fez-se uso de instrumentos que captassem as múltiplas linguagens infantis, como o gravador, máquina e da fotografia. Quanto aos resultados construídos nesta pesquisa emergiram das vozes das crianças, permitindo compreendê-las como atores sociais, ativos, não são passivos diante das mídias, que nas suas interações com seus pares adotam elementos dos super heróis e heroínas que fazem parte de seu cotidiano. Neste trabalho se apresentam fronteiras entre meninos e meninas, que de espectadoras se tornam consumidoras, numa dimensão rica que também se aprende brincando."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission"
    "area_tematica" => "Educação, Mídias e Tecnologias"
    "palavra_chave" => "INFÂNCIA, CRIANÇAS, DESENHO ANIMADO, INTERAÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV050_MD1_SA23_ID1067_23102015215435.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:03"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:46:45"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ELZIANE DO SOCORRO MARQUES DOS SANTOS"
    "autor_nome_curto" => "ELZIANE MARQUES"
    "autor_email" => "elzimorena@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS - UEA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vii-fiped"
    "edicao_nome" => "Anais VII FIPED"
    "edicao_evento" => "VII Fórum Internacional de Pedagogia"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/fiped/2015"
    "edicao_logo" => "5e49ad3cdd9e5_16022020175940.jpg"
    "edicao_capa" => "5f186e1b6894a_22072020134931.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-11-10 23:00:00"
    "publicacao_id" => 1
    "publicacao_nome" => "Revista FIPED"
    "publicacao_codigo" => "2316-1086"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 10 de novembro de 2015

Resumo

O presente trabalho objetiva compreender as influências da mídia nas significações simbólicas das crianças a partir dos desenhos animados. A temática parte da inquietação em saber como se apresentavam estas manifestações nas suas relações com seus pares e com os adultos no contexto escolar. Tal inquietação surgiu durante as atividades práticas desenvolvidas na disciplina Estágio com Pesquisa em 2014. Como suporte teórico, utilizou-se os estudos de Àries (1981), Buckinghan (2006), Corsaro (2011), Sarmento (2011), Odinino (2009), Louro (1997), Kellner (2001), Geertz (2008) Kramer (2002), Graue&Walsh (2003), entre outros que serviram como base para nosso diálogo e discussões. A pesquisa foi realizada na Escola Estadual Ministro Waldemar Pedrosa, com uma turma do 2º ano do Ensino Fundamental composta por 30 (trinta) crianças que, no entanto, somente 22 (vinte e duas) participaram diretamente deste processo, assim como a parceria da docente titular da turma. O estudo foi desenvolvido metodologicamente na pesquisa de natureza qualitativa, como método de abordagem Fenomenológico e o de procedimento do tipo etnográfico, onde fez-se uso de instrumentos que captassem as múltiplas linguagens infantis, como o gravador, máquina e da fotografia. Quanto aos resultados construídos nesta pesquisa emergiram das vozes das crianças, permitindo compreendê-las como atores sociais, ativos, não são passivos diante das mídias, que nas suas interações com seus pares adotam elementos dos super heróis e heroínas que fazem parte de seu cotidiano. Neste trabalho se apresentam fronteiras entre meninos e meninas, que de espectadoras se tornam consumidoras, numa dimensão rica que também se aprende brincando.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.