Artigo Anais VII FIPED

ANAIS de Evento

ISSN: 2316-1086

Visualizações: 191
A INSTITUIÇÃO GRUPO ESCOLAR E O IDEÁRIO EDUCACIONAL DO RIO GRANDE DO NORTE (1908- 1916)

Palavra-chaves: EDUCAÇÃO PRIMÁRIA, GRUPO ESCOLAR, IDEÁRIO EDUCACIONAL Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission História da Educação

Resumo

O presente texto apresenta uma discussão breve em torno do surgimento dos Grupos Escolares no contexto brasileiro e no estado do Rio Grande do Norte-RN com o intento de analisar o ideário educacional renovador da época. Tal estudo é um recorte de uma pesquisa monográfica de especialização (2010) sobre práticas educativas no Grupo Escolar de Assú/RN. Para desenvolvermos a pesquisa, recorremos a autores como Faria Filho (2002), Pinheiro (1997), Araújo (1982) dentre outros, por discutirem sobre os grupos escolares e práticas educativas nesse modelo de instituição. A investigação documental se concentrou em arquivos em arquivos públicos e privados. A análise evidenciou que os grupos escolares começaram a ser implantados no Brasil a partir do advento do governo republicano que objetivava civilizar o povo seguindo o modelo europeu por meio da educação escolar. As mudanças no ensino ocorreram aos poucos, através de Leis e Decretos que foram acrescentando ao currículo novas perspectivas educacionais, assim os grupos escolares começam a ser construídos trazendo novidades educativas, dentre elas, a implantação das escolas seriadas, novo método de ensino, práticas educativas modernas, materiais didáticos pedagógicos inovadores e abolição de castigos físicos. No RN o primeiro grupo escolar foi fundado em 1908 em Natal, o Grupo Escolar Augusto Severo, e foi considerado símbolo inovador de educação. Portanto, consideramos que o modelo de Grupo Escolar no Brasil e no RN se apresentava enquanto espaço diferenciado da igreja, das escolas de primeiras letras, da família e do ócio das ruas, constituindo-se como uma forma escolar eficiente e inovador.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.