Artigo Anais XI CONAGES

ANAIS de Evento

ISSN: 2177-4781

VIOLÊNCIA SEXUAL: O PERFIL DAS MULHERES ATENDIDAS NO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO

Palavra-chaves: VIOLÊNCIA SEXUAL., SAÚDE DA MULHER., GÊNERO. Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission Direitos Humanos, Feminismo e Políticas Públicas de Gênero
"2015-06-03 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 10898
    "edicao_id" => 31
    "trabalho_id" => 225
    "inscrito_id" => 937
    "titulo" => "VIOLÊNCIA SEXUAL: O PERFIL DAS MULHERES ATENDIDAS NO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO"
    "resumo" => "Este artigo discute os resultados de uma pesquisa documental de abordagem de análise qualitativa, realizada em abril de 2015. O objetivo deste trabalho é identificar as circunstâncias e o perfil das mulheres vítimas de violência sexual atendidas em 2014 num serviço de referência de alta complexidade nesse atendimento. A consulta documental foi realizada nas fichas de registro do setor de Serviço Social de um Hospital Universitário do Sul do Brasil. Os resultados apontaram: 16 atendimentos, composto por adolescentes e mulheres jovens, residentes em Florianópolis e regiões próximas da capital, tendo um caso de outro estado do Brasil. Identificou-se que na maioria dos casos abordagem foi realizada em espaços públicos, por único agressor desconhecido em período noturno, com abordagem por intimidação e uso de arma de fogo. A maioria  das mulheres buscou atendimento de saúde nas primeiras 72 horas após a agressão. Algumas buscaram atendimento ao descobrirem que estavam grávidas em decorrência da violência sexual e foram encaminhadas para realizar o protocolo de interrupção legal da gestação. Todas receberam atendimento multiprofissional e encaminhamentos para serviços de proteção social no município. \tOs resultados encontrados auxiliam na ampliação do conhecimento sobre o tema da violência sexual perpetrada contra a mulher, proporcionando visibilidade a violência de gênero no contexto da saúde pública."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission"
    "area_tematica" => "Direitos Humanos, Feminismo e Políticas Públicas de Gênero"
    "palavra_chave" => "VIOLÊNCIA SEXUAL., SAÚDE DA MULHER., GÊNERO."
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV046_MD1_SA8_ID937_24042015140644.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:57"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:14:41"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "CARLA KLITZKE"
    "autor_nome_curto" => "CARLA"
    "autor_email" => "carla.klitzke@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-xi-conages"
    "edicao_nome" => "Anais XI CONAGES"
    "edicao_evento" => "XI Colóquio Nacional Representações de Gênero e de Sexualidades"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/conages/2015"
    "edicao_logo" => "5e4d926732858_19022020165415.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1840e819853_22072020103640.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-06-03 00:00:00"
    "publicacao_id" => 16
    "publicacao_nome" => "Revista CONAGES"
    "publicacao_codigo" => "2177-4781"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 10898
    "edicao_id" => 31
    "trabalho_id" => 225
    "inscrito_id" => 937
    "titulo" => "VIOLÊNCIA SEXUAL: O PERFIL DAS MULHERES ATENDIDAS NO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO"
    "resumo" => "Este artigo discute os resultados de uma pesquisa documental de abordagem de análise qualitativa, realizada em abril de 2015. O objetivo deste trabalho é identificar as circunstâncias e o perfil das mulheres vítimas de violência sexual atendidas em 2014 num serviço de referência de alta complexidade nesse atendimento. A consulta documental foi realizada nas fichas de registro do setor de Serviço Social de um Hospital Universitário do Sul do Brasil. Os resultados apontaram: 16 atendimentos, composto por adolescentes e mulheres jovens, residentes em Florianópolis e regiões próximas da capital, tendo um caso de outro estado do Brasil. Identificou-se que na maioria dos casos abordagem foi realizada em espaços públicos, por único agressor desconhecido em período noturno, com abordagem por intimidação e uso de arma de fogo. A maioria  das mulheres buscou atendimento de saúde nas primeiras 72 horas após a agressão. Algumas buscaram atendimento ao descobrirem que estavam grávidas em decorrência da violência sexual e foram encaminhadas para realizar o protocolo de interrupção legal da gestação. Todas receberam atendimento multiprofissional e encaminhamentos para serviços de proteção social no município. \tOs resultados encontrados auxiliam na ampliação do conhecimento sobre o tema da violência sexual perpetrada contra a mulher, proporcionando visibilidade a violência de gênero no contexto da saúde pública."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission"
    "area_tematica" => "Direitos Humanos, Feminismo e Políticas Públicas de Gênero"
    "palavra_chave" => "VIOLÊNCIA SEXUAL., SAÚDE DA MULHER., GÊNERO."
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV046_MD1_SA8_ID937_24042015140644.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:57"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:14:41"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "CARLA KLITZKE"
    "autor_nome_curto" => "CARLA"
    "autor_email" => "carla.klitzke@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-xi-conages"
    "edicao_nome" => "Anais XI CONAGES"
    "edicao_evento" => "XI Colóquio Nacional Representações de Gênero e de Sexualidades"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/conages/2015"
    "edicao_logo" => "5e4d926732858_19022020165415.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1840e819853_22072020103640.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-06-03 00:00:00"
    "publicacao_id" => 16
    "publicacao_nome" => "Revista CONAGES"
    "publicacao_codigo" => "2177-4781"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 03 de junho de 2015

Resumo

Este artigo discute os resultados de uma pesquisa documental de abordagem de análise qualitativa, realizada em abril de 2015. O objetivo deste trabalho é identificar as circunstâncias e o perfil das mulheres vítimas de violência sexual atendidas em 2014 num serviço de referência de alta complexidade nesse atendimento. A consulta documental foi realizada nas fichas de registro do setor de Serviço Social de um Hospital Universitário do Sul do Brasil. Os resultados apontaram: 16 atendimentos, composto por adolescentes e mulheres jovens, residentes em Florianópolis e regiões próximas da capital, tendo um caso de outro estado do Brasil. Identificou-se que na maioria dos casos abordagem foi realizada em espaços públicos, por único agressor desconhecido em período noturno, com abordagem por intimidação e uso de arma de fogo. A maioria das mulheres buscou atendimento de saúde nas primeiras 72 horas após a agressão. Algumas buscaram atendimento ao descobrirem que estavam grávidas em decorrência da violência sexual e foram encaminhadas para realizar o protocolo de interrupção legal da gestação. Todas receberam atendimento multiprofissional e encaminhamentos para serviços de proteção social no município. Os resultados encontrados auxiliam na ampliação do conhecimento sobre o tema da violência sexual perpetrada contra a mulher, proporcionando visibilidade a violência de gênero no contexto da saúde pública.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.