Artigo Anais XI CONAGES

ANAIS de Evento

ISSN: 2177-4781

Visualizações: 160
A VALORIZAçãO DO FEMININO, à LUZ DO IMAGINáRIO, EM A MULHER E A CASA DE JOãO CABRAL DE MELO NETO

Palavra-chaves: JOÃO CABRAL DE MELO NETO, , POEMA “A MULHER E A CASA”, REGIME NOTURNO DO IMAGINÁRIO Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission Imaginário e Gênero na Literatura

Resumo

RESUMO O presente trabalho tem como propósito desenvolver algumas considerações e sugerir uma leitura do poema “A Mulher e a Casa”, de João Cabral de Melo Neto, publicado em Quaderna. Para tal, foram utilizados referenciais teóricos dos estudos do imaginário, propostos por Gilbert Durand, inspirados na linha de pensamento do filósofo Gaston Bachelard e do psicanalista Carl Gustav Jung. Busca-se, a partir dessa leitura, enfatizar a importância atribuída ao feminino no poema por meio da erotização feita por Cabral, além de grifar o adensamento poético criado pelo autor por meio da analogia que dá título ao texto. ABSTRACT This study aims to develop some considerations and suggest a reading of the poem "The Woman and the House" by João Cabral de Melo Neto, published in Quaderna. To this end, we used theoretical frameworks of imagery studies, proposed by Gilbert Durand, inspired by the philosopher Gaston Bachelard line of thought and psychoanalyst Carl Gustav Jung. Search up from that reading, emphasize the importance attached to women in the poem through eroticism made by Cabral, and accentuate the poetic density created by the author through the analogy that gives title to the text.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.