Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 229
POR UMA PEDAGOGIA DO ORAL EM TEMPOS DE REDE: A SEQUÊNCIA DIDÁTICA COMO INSTRUMENTO DE RESSIGNIFICAÇÃO DA PRÁTICA

Palavra-chaves: PROPOSTA METODOLÓGICA, ENSINO DE LÍNGUA, NOVAS TECNOLOGIAS Comunicação Oral (CO) ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

Considerando que o homem é um ser interativo e que se desenvolve através das relações que estabelece com seus interlocutores, é importante que se desenvolva um trabalho pautado nas reais práticas sociais dos indivíduos, sem que para isso seja necessário ignorar as novas demandas do mundo globalizado. Não é difícil perceber que as práticas pedagógicas predominantes nas aulas de língua materna parecem dar ênfase ao ensino estruturalista da língua, furtando do aluno a oportunidade de se desenvolver como sujeito interativo, usuário da palavra dita nos diferentes contextos de sua cotidianidade. Neste sentido, pretende-se, com este estudo, discutir a importância da oralidade nas aulas de língua materna, aliada aos usos das novas tecnologias tão presentes na vida dos novos sujeitos que circundam o espaço social da escola, além de apresentar uma proposta metodológica com o gênero oral debate, desenvolvido também no ambiente virtual, como forma de se fornecer subsídios que deem primazia às habilidades comunicativas do aluno. A pesquisa se subinscreve na perspectiva qualitativa e foi realizada numa turma do 9º Ano do Ensino Fundamental, escola pública do município de Pombal-PB. Fundamenta-se nas concepções teóricas da Linguística Textual e do Sociointeracionismo, ressaltando a importância das práticas interativas e o trabalho com a oralidade em prol da aprendizagem escolar.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.