Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

PERCEPÇÃO DE MULHERES SOBRE VIOLÊNCIA DE GÊNERO: UM ESTUDO EM AREIA - PARAÍBA (PROEXT/MEC/2013)

Palavra-chaves: RELAÇÕES DE GÊNERO, VIOLÊNCIA DOMÉSTICA, VIOLÊNCIA SIMBÓLICA Comunicação Oral (CO) GÊNERO, SEXUALIDADE E EDUCAÇÃO
"2014-09-18 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 7747
    "edicao_id" => 23
    "trabalho_id" => 1751
    "inscrito_id" => 2304
    "titulo" => "PERCEPÇÃO DE MULHERES SOBRE VIOLÊNCIA DE GÊNERO: UM ESTUDO EM AREIA - PARAÍBA (PROEXT/MEC/2013)"
    "resumo" => "As relações de gênero são baseadas em um sistema de relações de poder constituindo um conjunto de papéis, identidades e comportamentos opostos atribuídos a mulheres e homens. Esses papeis sociais são regidos por um conjunto de relações que promovem a assimetria de poder, beneficiando o homem e a masculinidade em detrimento dos elementos femininos e das mulheres. Este trabalho tem como objetivo discutir as percepções de mulheres envolvidas no Programa de Extensão Quem disse que as mulheres não podem? Educação em Direitos, Esportes e Saúde, (PROEXT/MEC/2013), executado no município de Areia – PB, acerca das violências de gênero, doméstica e simbólica. Essa temática foi levantada por algumas das oficinas do Programa de Extensão que tinha o intuito de provocar um processo de esclarecimento e conscientização para que essas mulheres possam compreender a construção histórica da submissão feminina e da conquista dos direitos para a mudança da posição social da mulher. A análise desse estudo é feita sob o aporte teórico de Bourdieu, com os conceitos de androcentrismo, habitus e violência simbólica, como também dos estudos de gênero. A amostra foi composta por 30 voluntárias, mães com idades entre 17 e 60 anos. Os dados foram coletados por entrevistas de grupo através de oficinas realizadas no Centro Social Urbano – CSU e na Comunidade Chã de Jardim, no período de junho a julho de 2013, e os resultados apontaram para a importância de se fazer um trabalho de reflexão deste público feminino para que elas possam reconstruir conceitos e assumir a luta pelos seus direitos que ainda estão sendo negligenciados."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GÊNERO, SEXUALIDADE E EDUCAÇÃO"
    "palavra_chave" => "RELAÇÕES DE GÊNERO, VIOLÊNCIA DOMÉSTICA, VIOLÊNCIA SIMBÓLICA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_1datahora_14_08_2014_15_01_37_idinscrito_2304_8aa4bb23da82e9f6f1c8cc0cfe2d8e62.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:54"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:12:27"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "RODRIGO CIRINO MENDES"
    "autor_nome_curto" => "RODRIGO MENDES"
    "autor_email" => "rodrigomendesbio@hotmail."
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais I CONEDU"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2014"
    "edicao_logo" => "5e4a0671b0a63_17022020002017.png"
    "edicao_capa" => "5f1848d9ed142_22072020111033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-09-18 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 7747
    "edicao_id" => 23
    "trabalho_id" => 1751
    "inscrito_id" => 2304
    "titulo" => "PERCEPÇÃO DE MULHERES SOBRE VIOLÊNCIA DE GÊNERO: UM ESTUDO EM AREIA - PARAÍBA (PROEXT/MEC/2013)"
    "resumo" => "As relações de gênero são baseadas em um sistema de relações de poder constituindo um conjunto de papéis, identidades e comportamentos opostos atribuídos a mulheres e homens. Esses papeis sociais são regidos por um conjunto de relações que promovem a assimetria de poder, beneficiando o homem e a masculinidade em detrimento dos elementos femininos e das mulheres. Este trabalho tem como objetivo discutir as percepções de mulheres envolvidas no Programa de Extensão Quem disse que as mulheres não podem? Educação em Direitos, Esportes e Saúde, (PROEXT/MEC/2013), executado no município de Areia – PB, acerca das violências de gênero, doméstica e simbólica. Essa temática foi levantada por algumas das oficinas do Programa de Extensão que tinha o intuito de provocar um processo de esclarecimento e conscientização para que essas mulheres possam compreender a construção histórica da submissão feminina e da conquista dos direitos para a mudança da posição social da mulher. A análise desse estudo é feita sob o aporte teórico de Bourdieu, com os conceitos de androcentrismo, habitus e violência simbólica, como também dos estudos de gênero. A amostra foi composta por 30 voluntárias, mães com idades entre 17 e 60 anos. Os dados foram coletados por entrevistas de grupo através de oficinas realizadas no Centro Social Urbano – CSU e na Comunidade Chã de Jardim, no período de junho a julho de 2013, e os resultados apontaram para a importância de se fazer um trabalho de reflexão deste público feminino para que elas possam reconstruir conceitos e assumir a luta pelos seus direitos que ainda estão sendo negligenciados."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GÊNERO, SEXUALIDADE E EDUCAÇÃO"
    "palavra_chave" => "RELAÇÕES DE GÊNERO, VIOLÊNCIA DOMÉSTICA, VIOLÊNCIA SIMBÓLICA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_1datahora_14_08_2014_15_01_37_idinscrito_2304_8aa4bb23da82e9f6f1c8cc0cfe2d8e62.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:54"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:12:27"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "RODRIGO CIRINO MENDES"
    "autor_nome_curto" => "RODRIGO MENDES"
    "autor_email" => "rodrigomendesbio@hotmail."
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais I CONEDU"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2014"
    "edicao_logo" => "5e4a0671b0a63_17022020002017.png"
    "edicao_capa" => "5f1848d9ed142_22072020111033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-09-18 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

As relações de gênero são baseadas em um sistema de relações de poder constituindo um conjunto de papéis, identidades e comportamentos opostos atribuídos a mulheres e homens. Esses papeis sociais são regidos por um conjunto de relações que promovem a assimetria de poder, beneficiando o homem e a masculinidade em detrimento dos elementos femininos e das mulheres. Este trabalho tem como objetivo discutir as percepções de mulheres envolvidas no Programa de Extensão Quem disse que as mulheres não podem? Educação em Direitos, Esportes e Saúde, (PROEXT/MEC/2013), executado no município de Areia – PB, acerca das violências de gênero, doméstica e simbólica. Essa temática foi levantada por algumas das oficinas do Programa de Extensão que tinha o intuito de provocar um processo de esclarecimento e conscientização para que essas mulheres possam compreender a construção histórica da submissão feminina e da conquista dos direitos para a mudança da posição social da mulher. A análise desse estudo é feita sob o aporte teórico de Bourdieu, com os conceitos de androcentrismo, habitus e violência simbólica, como também dos estudos de gênero. A amostra foi composta por 30 voluntárias, mães com idades entre 17 e 60 anos. Os dados foram coletados por entrevistas de grupo através de oficinas realizadas no Centro Social Urbano – CSU e na Comunidade Chã de Jardim, no período de junho a julho de 2013, e os resultados apontaram para a importância de se fazer um trabalho de reflexão deste público feminino para que elas possam reconstruir conceitos e assumir a luta pelos seus direitos que ainda estão sendo negligenciados.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.