Artigo Anais VI FIPED

ANAIS de Evento

ISSN: 2316-1086

REFLEXÕES SOBRE JUVENTUDE(S): OLHARES DE JOVENS ADULTOS PORTUGUESES

Palavra-chaves: JUVENTUDES, JOVENS ADULTOS, EJA Comunicação Oral (CO) JUVENTUDE E EDUCAÇÃO POPULAR
"2014-07-30 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 6546
    "edicao_id" => 20
    "trabalho_id" => 436
    "inscrito_id" => 1416
    "titulo" => "REFLEXÕES SOBRE JUVENTUDE(S): OLHARES DE JOVENS ADULTOS PORTUGUESES"
    "resumo" => "Este trabalho apresenta uma discussão acerca do conceito de Juventude(s), a partir da visão de Jovens Adultos inseridos em Programas de EJA, em Portugal. Nessa perspectiva, esta reflexão faz parte dos resultados de uma investigação em nível de mestrado, que procurou compreender os caminhos percorridos por jovens adultos desde o seu abandono escolar até o seu retorno. Especificamente, buscamos compreender quais as representações dos jovens adultos sobre a pertença em ser ou não jovem. Na discussão teórica é elaborada uma reflexão em torno de algumas questões norteadoras envolvendo a categoria social Juventude. Assim, no trabalho empírico problematiza-se as diferentes significações captadas no discurso dos sujeitos, sobre a representação atribuída à condição juvenil. Captamos um confronto das representações sobre “ser jovem” e “ser adulto”, tendo como parâmetro a realidade escolar destes. De igual modo, questionamos a existência dos contributos da visibilidade das identidades juvenis na EJA apresentados como possibilidades de superar o fracasso escolar dos mesmos"
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "JUVENTUDE E EDUCAÇÃO POPULAR"
    "palavra_chave" => "JUVENTUDES, JOVENS ADULTOS, EJA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_2datahora_10_06_2014_19_09_41_idinscrito_1416_0498e4a00fb6f1b80580c61a35e12855.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:53"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:46:21"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "EDMARA DE CASTRO PINTO"
    "autor_nome_curto" => "EDMARA CASTRO"
    "autor_email" => "edmaracastro@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UFPI"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vi-fiped"
    "edicao_nome" => "Anais VI FIPED"
    "edicao_evento" => "VI Fórum Internacional de Pedagogia"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/fiped/2014"
    "edicao_logo" => "5e49aec952f7c_16022020180617.png"
    "edicao_capa" => "5f186e2e282dd_22072020134950.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-07-30 00:00:00"
    "publicacao_id" => 1
    "publicacao_nome" => "Revista FIPED"
    "publicacao_codigo" => "2316-1086"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 6546
    "edicao_id" => 20
    "trabalho_id" => 436
    "inscrito_id" => 1416
    "titulo" => "REFLEXÕES SOBRE JUVENTUDE(S): OLHARES DE JOVENS ADULTOS PORTUGUESES"
    "resumo" => "Este trabalho apresenta uma discussão acerca do conceito de Juventude(s), a partir da visão de Jovens Adultos inseridos em Programas de EJA, em Portugal. Nessa perspectiva, esta reflexão faz parte dos resultados de uma investigação em nível de mestrado, que procurou compreender os caminhos percorridos por jovens adultos desde o seu abandono escolar até o seu retorno. Especificamente, buscamos compreender quais as representações dos jovens adultos sobre a pertença em ser ou não jovem. Na discussão teórica é elaborada uma reflexão em torno de algumas questões norteadoras envolvendo a categoria social Juventude. Assim, no trabalho empírico problematiza-se as diferentes significações captadas no discurso dos sujeitos, sobre a representação atribuída à condição juvenil. Captamos um confronto das representações sobre “ser jovem” e “ser adulto”, tendo como parâmetro a realidade escolar destes. De igual modo, questionamos a existência dos contributos da visibilidade das identidades juvenis na EJA apresentados como possibilidades de superar o fracasso escolar dos mesmos"
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "JUVENTUDE E EDUCAÇÃO POPULAR"
    "palavra_chave" => "JUVENTUDES, JOVENS ADULTOS, EJA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_2datahora_10_06_2014_19_09_41_idinscrito_1416_0498e4a00fb6f1b80580c61a35e12855.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:53"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:46:21"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "EDMARA DE CASTRO PINTO"
    "autor_nome_curto" => "EDMARA CASTRO"
    "autor_email" => "edmaracastro@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UFPI"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vi-fiped"
    "edicao_nome" => "Anais VI FIPED"
    "edicao_evento" => "VI Fórum Internacional de Pedagogia"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/fiped/2014"
    "edicao_logo" => "5e49aec952f7c_16022020180617.png"
    "edicao_capa" => "5f186e2e282dd_22072020134950.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-07-30 00:00:00"
    "publicacao_id" => 1
    "publicacao_nome" => "Revista FIPED"
    "publicacao_codigo" => "2316-1086"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 30 de julho de 2014

Resumo

Este trabalho apresenta uma discussão acerca do conceito de Juventude(s), a partir da visão de Jovens Adultos inseridos em Programas de EJA, em Portugal. Nessa perspectiva, esta reflexão faz parte dos resultados de uma investigação em nível de mestrado, que procurou compreender os caminhos percorridos por jovens adultos desde o seu abandono escolar até o seu retorno. Especificamente, buscamos compreender quais as representações dos jovens adultos sobre a pertença em ser ou não jovem. Na discussão teórica é elaborada uma reflexão em torno de algumas questões norteadoras envolvendo a categoria social Juventude. Assim, no trabalho empírico problematiza-se as diferentes significações captadas no discurso dos sujeitos, sobre a representação atribuída à condição juvenil. Captamos um confronto das representações sobre “ser jovem” e “ser adulto”, tendo como parâmetro a realidade escolar destes. De igual modo, questionamos a existência dos contributos da visibilidade das identidades juvenis na EJA apresentados como possibilidades de superar o fracasso escolar dos mesmos

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.