Artigo Anais VI CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

Visualizações: 196
SÍNDROME DO IMOBILISMO: CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS NA POPULAÇÃO IDOSA

Palavra-chaves: IDOSO, SÍNDROME DO IMOBILISMO, ENVELHECIMENTO Comunicação Oral (CO) AT 02: Doenças Biopsicossociais no Processo de Envelhecimento Publicado em 26 de junho de 2019

Resumo

O ENVELHECIMENTO TEM ATINGIDO GRANDE PARTE DA POPULAÇÃO MUNDIAL, ESSE PROCESSO TRAZ ALTERAÇÕES NO APARELHO LOCOMOTOR, CAUSANDO LIMITAÇÕES NAS ATIVIDADES DE VIDA DIÁRIA E PERDA DE MASSA MUSCULAR, LIMITANDO ASSIM, A MOBILIDADE COMO UM TODO. A SÍNDROME DO IMOBILISMO É DEFINIDA COMO UMA CONDIÇÃO EM QUE O INDIVIDUO TEM SUA MOBILIDADE SIGNIFICATIVAMENTE DIMINUÍDA. SEU SISTEMA LOCOMOTOR ESTÁ EM DÉFICIT, DEIXANDO O SUJEITO COM RISCO DE INCAPACIDADE, VISTO QUE SUAS FUNÇÕES MOTORAS ESTÃO EM DEGENERAÇÃO, PODENDO ACARRETAR PATOLOGIAS MUSCULOESQUELÉTICAS. FORAM UTILIZADAS AS BASES DE DADOS MEDLINE (PUBMED) E LILACS, PARA ESSA REVISÃO INTEGRATIVA, COM A SEGUINTE QUESTÃO: O QUE É A SÍNDROME DO IMOBILISMO E COMO SE RELACIONA COM O ENVELHECIMENTO? OS DESCRITORES EMPREGADOS FORAM: IDOSO; SÍNDROME DO IMOBILISMO; ENVELHECIMENTO; SÍNDROME LOCOMOTORA; SÍNDROME DA FRAGILIDADE. PARA UMA BOA MOBILIDADE É NECESSÁRIO UM BOM DESEMPENHO FÍSICO, COMPOSTO POR FORÇA MUSCULAR, RESISTÊNCIA, FLEXIBILIDADE, EQUILÍBRIO, VELOCIDADE, TEMPO DE REAÇÃO E POTÊNCIA. É DE SUMA IMPORTÂNCIA QUE A POPULAÇÃO ENTENDA SOBRE A SÍNDROME DO IMOBILISMO, DESSA FORMA OS OBJETIVOS DE PREVENÇÃO SERÃO ALCANÇADOS, POIS OS IDOSOS NECESSITAM DE EXERCÍCIOS PARA MANTER / MELHORAR O EQUILÍBRIO E FORTALECER OS MÚSCULOS. A SÍNDROME DO IMOBILISMO GERA DIVERSOS DANOS PARA A SAÚDE, SOBRETUDO DOS IDOSOS, EXISTEM FATORES PREDISPONENTES COMO A RENDA MENSAL, A FALTA DE ACOMPANHANTE, A DESNUTRIÇÃO, DEPRESSÃO, MEDO DE CAIR, FRAQUEZA MUSCULAR, DIFICULDADE NA DEAMBULAÇÃO, LEVANTAR E SENTAR, ENTRE OUTROS. DIANTE DO COMPILADO E EXPOSTO, CONCLUI-SE QUE A ATENÇÃO REAL, OS EXERCÍCIOS E A NUTRIÇÃO SÃO CAPAZES DE MELHORAR E ATÉ REVERTER ESSE QUADRO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.