Artigo Anais VI CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

Visualizações: 245
O PERFIL ETÁRIO DA FORÇA DE TRABALHO DOS ENFERMEIROS NAS CINCO REGIÕES BRASILEIRAS: UM ESTUDO DESCRITIVO

Palavra-chaves: ENVELHECIMENTO, FORÇA DE TRABALHO, ENFERMAGEM Comunicação Oral (CO) AT 10: Mercado de Trabalho; Universidades; Aposentadoria; ILPs Publicado em 26 de junho de 2019

Resumo

O BRASIL VIVE UM PROCESSO DE TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA QUE IMPLICA EM NOVAS DEMANDAS POR SAÚDE PELA POPULAÇÃO. ESSA MUDANÇA AFETA A FORÇA DE TRABALHO EM SAÚDE, PRINCIPALMENTE A DOS ENFERMEIROS. OS ENFERMEIROS FAZEM PARTE DA POPULAÇÃO, CONSEQUENTEMENTE TAMBÉM PASSAM PELO PROCESSO DE TRANSIÇÃO ETÁRIA, O QUE LEVA A NECESSIDADE DE REFLETIR ACERCA DO PERFIL ETÁRIO DOS PROFISSIONAIS NO BRASIL. PARA ISSO, FOI REALIZADO UM ESTUDO DESCRITIVO, TRANSVERSAL E DE ABORDAGEM QUANTITATIVA, UTILIZANDO DADOS REGISTRADOS EM UMA BASE DE DADOS PÚBLICA, DURANTE O PERÍODO DE 2003 A 2017, UTILIZANDO UM FLUXO DE BUSCA PARA A EXTRAÇÃO DOS DADOS, COM A CONSEQUENTE ANÁLISE EXPLORATÓRIA. COMO RESULTADO, OBTIVEMOS QUE A FORÇA DE TRABALHO DOS PROFISSIONAIS ENFERMEIROS É RELATIVAMENTE JOVEM, PORÉM, O CRESCIMENTO PERCENTUAL DE ENFERMEIROS NA FAIXA ETÁRIA DE 65 ANOS OU MAIS DESTACOU-SE. ISSO PODE MOSTRAR UMA NOVA TENDÊNCIA DA FORÇA DE TRABALHO EM DIREÇÃO AO ENVELHECIMENTO. ISSO PODE TRAZ NOVAS IMPLICAÇÕES, VISTO QUE A FAIXA ETÁRIA TEM CONDIÇÕES ESPECÍFICAS, QUE POR VEZES PODEM SER AGRAVADAS DEVIDO AO DESGASTE PRESENTE NA PROFISSÃO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.