Artigo Anais VI CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

INFLUÊNCIA DO AMBIENTE NA AUTONOMIA E NA QUALIDADE DE VIDA DE IDOSOS INSTITUCIONALIZADOS

Palavra-chaves: AUTONOMIA PESSOAL, IDOSO, INSTITUCIONALIZAÇÃO, QUALIDADE DE VIDA Pôster (PO) AT 04: Envelhecimento Ativo e Bem Sucedido
"2019-06-26 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 53731
    "edicao_id" => 109
    "trabalho_id" => 710
    "inscrito_id" => 2878
    "titulo" => "INFLUÊNCIA DO AMBIENTE NA AUTONOMIA E NA QUALIDADE DE VIDA DE IDOSOS INSTITUCIONALIZADOS"
    "resumo" => "INTRODUÇÃO: PARA QUE O PROCESSO DE ENVELHECIMENTO SEJA O MAIS SAUDÁVEL POSSÍVEL, É NECESSÁRIO QUE O IDOSO PRESERVE SUA CAPACIDADE FUNCIONAL E DE DECISÃO ATRAVÉS DE UMA ROTINA ATIVA. A INSTITUCIONALIZAÇÃO, NO ENTANTO, PODE INSERI-LO EM UM AMBIENTE POUCO ESTIMULANTE, TANTO FÍSICO COMO PSICOLOGICAMENTE, AFETANDO SUA AUTONOMIA E, CONSEQUENTEMENTE, SUA QUALIDADE VIDA. OBJETIVO: ANALISAR OS EFEITOS QUE A MANUTENÇÃO DE UM AMBIENTE PASSIVO E POUCO INTERATIVO NAS INSTITUIÇÕES DE LONGA PERMANÊNCIA CAUSAM NA SAÚDE, NO BEM-ESTAR E NA PERCEPÇÃO DE IDENTIDADE DOS IDOSOS RESIDENTES. METODOLOGIA: TRATA-SE DE UMA REVISÃO EM QUE FORAM SELECIONADOS 11 ARTIGOS NAS SEGUINTES BASES DE DADOS: SCIELO® E BVS®. AS PALAVRAS-CHAVES UTILIZADAS FORAM: AUTONOMIA; IDOSO; INSTITUCIONALIZAÇÃO; QUALIDADE DE VIDA. RESULTADOS: INSTITUIÇÕES DE LONGA PERMANÊNCIA APRESENTAM-SE COMO LOCAIS QUE MINIMIZAM A OFERTA DE SENSAÇÃO DE CONTROLE AOS RESIDENTES, JÁ QUE ESSES SÃO PRIVADOS DE ESCOLHAS ACERCA DA ADMINISTRAÇÃO DE SEU TEMPO, DE SUAS RELAÇÕES E DE BOA PARTE DE SUAS ROTINAS. ALÉM DISSO, A PASSIVIDADE E FALTA DE VARIEDADE NAS ATIVIDADES DISPONÍVEIS TAMBÉM PODEM INFLUIR NAS SUAS QUALIDADES DE VIDA. CONCLUSÃO: O DECRÉSCIMO NA AUTONOMIA GERADO OU AGRAVADO PELO AMBIENTE INSTITUCIONALIZADO AFETA NEGATIVAMENTE A SAÚDE E O BEM-ESTAR DOS IDOSOS RESIDENTES, PODENDO ACARRETAR DIVERSOS EFEITOS COMO PERDA DE IDENTIDADE, APATIA E DEPRESSÃO."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "AT 04: Envelhecimento Ativo e Bem Sucedido"
    "palavra_chave" => "AUTONOMIA PESSOAL, IDOSO, INSTITUCIONALIZAÇÃO, QUALIDADE DE VIDA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV125_MD4_SA4_ID2878_27052019213459.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:51"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:53:29"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "RENATA OLIVEIRA VALE"
    "autor_nome_curto" => "RENATA V"
    "autor_email" => "rennatavale@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UFCG"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vi-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais VI CIEH"
    "edicao_evento" => "VI Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2019"
    "edicao_logo" => "5e49e780eec9b_16022020220816.png"
    "edicao_capa" => "5ee370c6dba9e_12062020091046.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-06-26 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 53731
    "edicao_id" => 109
    "trabalho_id" => 710
    "inscrito_id" => 2878
    "titulo" => "INFLUÊNCIA DO AMBIENTE NA AUTONOMIA E NA QUALIDADE DE VIDA DE IDOSOS INSTITUCIONALIZADOS"
    "resumo" => "INTRODUÇÃO: PARA QUE O PROCESSO DE ENVELHECIMENTO SEJA O MAIS SAUDÁVEL POSSÍVEL, É NECESSÁRIO QUE O IDOSO PRESERVE SUA CAPACIDADE FUNCIONAL E DE DECISÃO ATRAVÉS DE UMA ROTINA ATIVA. A INSTITUCIONALIZAÇÃO, NO ENTANTO, PODE INSERI-LO EM UM AMBIENTE POUCO ESTIMULANTE, TANTO FÍSICO COMO PSICOLOGICAMENTE, AFETANDO SUA AUTONOMIA E, CONSEQUENTEMENTE, SUA QUALIDADE VIDA. OBJETIVO: ANALISAR OS EFEITOS QUE A MANUTENÇÃO DE UM AMBIENTE PASSIVO E POUCO INTERATIVO NAS INSTITUIÇÕES DE LONGA PERMANÊNCIA CAUSAM NA SAÚDE, NO BEM-ESTAR E NA PERCEPÇÃO DE IDENTIDADE DOS IDOSOS RESIDENTES. METODOLOGIA: TRATA-SE DE UMA REVISÃO EM QUE FORAM SELECIONADOS 11 ARTIGOS NAS SEGUINTES BASES DE DADOS: SCIELO® E BVS®. AS PALAVRAS-CHAVES UTILIZADAS FORAM: AUTONOMIA; IDOSO; INSTITUCIONALIZAÇÃO; QUALIDADE DE VIDA. RESULTADOS: INSTITUIÇÕES DE LONGA PERMANÊNCIA APRESENTAM-SE COMO LOCAIS QUE MINIMIZAM A OFERTA DE SENSAÇÃO DE CONTROLE AOS RESIDENTES, JÁ QUE ESSES SÃO PRIVADOS DE ESCOLHAS ACERCA DA ADMINISTRAÇÃO DE SEU TEMPO, DE SUAS RELAÇÕES E DE BOA PARTE DE SUAS ROTINAS. ALÉM DISSO, A PASSIVIDADE E FALTA DE VARIEDADE NAS ATIVIDADES DISPONÍVEIS TAMBÉM PODEM INFLUIR NAS SUAS QUALIDADES DE VIDA. CONCLUSÃO: O DECRÉSCIMO NA AUTONOMIA GERADO OU AGRAVADO PELO AMBIENTE INSTITUCIONALIZADO AFETA NEGATIVAMENTE A SAÚDE E O BEM-ESTAR DOS IDOSOS RESIDENTES, PODENDO ACARRETAR DIVERSOS EFEITOS COMO PERDA DE IDENTIDADE, APATIA E DEPRESSÃO."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "AT 04: Envelhecimento Ativo e Bem Sucedido"
    "palavra_chave" => "AUTONOMIA PESSOAL, IDOSO, INSTITUCIONALIZAÇÃO, QUALIDADE DE VIDA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV125_MD4_SA4_ID2878_27052019213459.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:51"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:53:29"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "RENATA OLIVEIRA VALE"
    "autor_nome_curto" => "RENATA V"
    "autor_email" => "rennatavale@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UFCG"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vi-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais VI CIEH"
    "edicao_evento" => "VI Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2019"
    "edicao_logo" => "5e49e780eec9b_16022020220816.png"
    "edicao_capa" => "5ee370c6dba9e_12062020091046.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-06-26 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 26 de junho de 2019

Resumo

INTRODUÇÃO: PARA QUE O PROCESSO DE ENVELHECIMENTO SEJA O MAIS SAUDÁVEL POSSÍVEL, É NECESSÁRIO QUE O IDOSO PRESERVE SUA CAPACIDADE FUNCIONAL E DE DECISÃO ATRAVÉS DE UMA ROTINA ATIVA. A INSTITUCIONALIZAÇÃO, NO ENTANTO, PODE INSERI-LO EM UM AMBIENTE POUCO ESTIMULANTE, TANTO FÍSICO COMO PSICOLOGICAMENTE, AFETANDO SUA AUTONOMIA E, CONSEQUENTEMENTE, SUA QUALIDADE VIDA. OBJETIVO: ANALISAR OS EFEITOS QUE A MANUTENÇÃO DE UM AMBIENTE PASSIVO E POUCO INTERATIVO NAS INSTITUIÇÕES DE LONGA PERMANÊNCIA CAUSAM NA SAÚDE, NO BEM-ESTAR E NA PERCEPÇÃO DE IDENTIDADE DOS IDOSOS RESIDENTES. METODOLOGIA: TRATA-SE DE UMA REVISÃO EM QUE FORAM SELECIONADOS 11 ARTIGOS NAS SEGUINTES BASES DE DADOS: SCIELO® E BVS®. AS PALAVRAS-CHAVES UTILIZADAS FORAM: AUTONOMIA; IDOSO; INSTITUCIONALIZAÇÃO; QUALIDADE DE VIDA. RESULTADOS: INSTITUIÇÕES DE LONGA PERMANÊNCIA APRESENTAM-SE COMO LOCAIS QUE MINIMIZAM A OFERTA DE SENSAÇÃO DE CONTROLE AOS RESIDENTES, JÁ QUE ESSES SÃO PRIVADOS DE ESCOLHAS ACERCA DA ADMINISTRAÇÃO DE SEU TEMPO, DE SUAS RELAÇÕES E DE BOA PARTE DE SUAS ROTINAS. ALÉM DISSO, A PASSIVIDADE E FALTA DE VARIEDADE NAS ATIVIDADES DISPONÍVEIS TAMBÉM PODEM INFLUIR NAS SUAS QUALIDADES DE VIDA. CONCLUSÃO: O DECRÉSCIMO NA AUTONOMIA GERADO OU AGRAVADO PELO AMBIENTE INSTITUCIONALIZADO AFETA NEGATIVAMENTE A SAÚDE E O BEM-ESTAR DOS IDOSOS RESIDENTES, PODENDO ACARRETAR DIVERSOS EFEITOS COMO PERDA DE IDENTIDADE, APATIA E DEPRESSÃO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.