Artigo Anais VI CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

Visualizações: 216
ANÁLISE DOS VÍNCULOS DE PROFISSIONAIS IDOSOS QUEATUAM NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA DO NORDESTE

Palavra-chaves: ENVELHECIMENTO, MERCADO DE TRABALHO, ATENÇÃO BÁSICA Comunicação Oral (CO) AT 10: Mercado de Trabalho; Universidades; Aposentadoria; ILPs Publicado em 26 de junho de 2019

Resumo

A ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA (ESF) É UMA DAS ESTRATEGIAS DO NÍVEL DE ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE QUE MUITO CONTRIBUI PARA A SAÚDE DA POPULAÇÃO, DEVIDO A SEUS ATRIBUTOS GERENCIADORES. OBJETIVOU-SE DESCREVER O NÚMERO DE VÍNCULOS DE IDOSOS DOS PROFISSIONAIS DE ENSINO SUPERIOR QUE COMPÕE UMA EQUIPE DE ESF, TAIS COMO ENFERMEIROS, MÉDICOS E DENTISTAS, DE 2003 A 2017, NO NORDESTE BRASILEIRO. TRATA-SE DE UMA ANÁLISE DOS VÍNCULOS SEGUNDO A BASE DE DADOS DA RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS (RAIS), QUE ESTÃO EMPREGADOS NA ÁREA DE ENFERMAGEM, MEDICINA E ODONTOLOGIA, E POSSUEM IDADE AVANÇADA, EM COMPARAÇÃO COM OUTRAS FAIXAS ETÁRIAS. PERCEBE-SE QUE DURANTE OS ANOS DE 2003 A 2017, HOUVE AUMENTO CRESCENTE DO NÚMERO DE IDOSOS EMPREGADOS NESTAS TRÊS ÁREAS, ENQUANTO QUE AUMENTOU-SE O NÚMERO DE VÍNCULOS DE OUTRAS FAIXAS. CONCLUI-SE QUE O AUMENTO DO NÚMERO DESTES TRABALHADORES DE SAÚDE, IMPLICAM EM PERMANÊNCIA PROGRESSIVA EM SEUS POSTOS DE TRABALHO, DEVIDO ÀS DIFICULDADES DE MELHORES EMPREGOS E DE APOSENTADORIA, OU MESMO, DEVIDO À SATISFAÇÃO PESSOAL NO AMBIENTE DE TRABALHO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.