Artigo Anais VI CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

A INFLUÊNCIA DE P53 NO CÂNCER E ENVELHECIMENTO

Palavra-chaves: ENVELHECIMENTO, P53, CÂNCER, CARCINOGÊNESE Comunicação Oral (CO) AT 01: Gerontologia Social
"2019-06-26 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 53048
    "edicao_id" => 109
    "trabalho_id" => 1250
    "inscrito_id" => 2426
    "titulo" => "A INFLUÊNCIA DE P53 NO CÂNCER E ENVELHECIMENTO"
    "resumo" => "O ENVELHECIMENTO POPULACIONAL É UM FENÔMENO NATURAL QUE COM SUA PROGRESSÃO ATENUA-SE OS CASOS DE VULNERABILIDADE À DOENÇAS, COMO EXEMPLO O CÂNCER. A P53 É UMA PROTEÍNA SUPRESSORA DE TUMOR QUE ESTÁ RELACIONADA INTRISICAMENTE COM A CARCINOGÊNESE NO PROCESSO DE ENVELHECIMENTO, PARTICIPANDO NOS MECANISMOS DE INDUÇÃO DA PARADA DO CICLO CELULAR, VIAS SINALIZADORAS, APOPTOSE, REGULAÇÃO DE GENES ALVO E REPARO DE DNA. O PRESENTE TRABALHO APRESENTA UMA REVISÃO SISTEMÁTICA INTEGRATIVA SOBRE OS MECANISMOS E ATIVIDADE DA P53 NA SAÚDE DO IDOSO, COM BASE EM UM COMPILAMENTO DE INFORMAÇÕES PRESENTE EM 21 ARTIGOS, NO QUAL OBJETIVA APRIMORAR OS CONHECIMENTOS DA PROTEÍNA E A SUA RELAÇÃO À MULTIFATORES DO CÂNCER. DESTARTE, A PRIMÓRDIO O ALVO CHAVE TRANSCRICIONAL DE P53 É O INIBIDOR DE QUINASES DEPENDENTE DE CICLINAS P21CIP1/WAF1, O QUAL SILENCIA A QUINASE CDK2/CICLINA E QUE PROMOVE A TRANSIÇÃO G1/S, INCAPACITANDO A SÍNTESE DO DNA. A DISFUNÇÃO DA PROTEÍNA E DEFICIÊNCIA NO PONTO DE CHECAGEM PROMOVE O ESCURTAMENTO DOS TELÔMEROS, FATOR ATRELADO AO DESENVOLVIMENTO DO CÂNCER. AINDA MAIS, SUA RELAÇÃO COM A VITAMINA 1,25-DIHIDROXIVITAMINA D3 ATRAVÉS DAS VIAS DE SINALIZAÇÃO P53-P21 E P16-RB CONTRIBUEM NO RETARDO DO ENVELHECIMENTO E SUA ATIVIDADE EM MÉTODOS FARMACOLÓGICOS, COMO NO TRATAMENTO COM O CLORIDRATO DE METFORMINA PARA PROLONGAMENTO DA LONGEVIDADE. PORTANTO, A SUPRESSORA DE TUMOR P53 É IMPRESCINDÍVEL NO TRATAMENTO ANTICÂNCER, PRINCIPALMENTE NA SAÚDE DOS IDOSOS."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT 01: Gerontologia Social"
    "palavra_chave" => "ENVELHECIMENTO, P53, CÂNCER, CARCINOGÊNESE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV125_MD1_SA1_ID2426_10062019195637.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:50"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:53:27"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "SABRINA PEREIRA GERMANO"
    "autor_nome_curto" => "SABRINA PEREIRA"
    "autor_email" => "scanzenza@gmail.com"
    "autor_ies" => "UFCG"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vi-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais VI CIEH"
    "edicao_evento" => "VI Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2019"
    "edicao_logo" => "5e49e780eec9b_16022020220816.png"
    "edicao_capa" => "5ee370c6dba9e_12062020091046.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-06-26 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 53048
    "edicao_id" => 109
    "trabalho_id" => 1250
    "inscrito_id" => 2426
    "titulo" => "A INFLUÊNCIA DE P53 NO CÂNCER E ENVELHECIMENTO"
    "resumo" => "O ENVELHECIMENTO POPULACIONAL É UM FENÔMENO NATURAL QUE COM SUA PROGRESSÃO ATENUA-SE OS CASOS DE VULNERABILIDADE À DOENÇAS, COMO EXEMPLO O CÂNCER. A P53 É UMA PROTEÍNA SUPRESSORA DE TUMOR QUE ESTÁ RELACIONADA INTRISICAMENTE COM A CARCINOGÊNESE NO PROCESSO DE ENVELHECIMENTO, PARTICIPANDO NOS MECANISMOS DE INDUÇÃO DA PARADA DO CICLO CELULAR, VIAS SINALIZADORAS, APOPTOSE, REGULAÇÃO DE GENES ALVO E REPARO DE DNA. O PRESENTE TRABALHO APRESENTA UMA REVISÃO SISTEMÁTICA INTEGRATIVA SOBRE OS MECANISMOS E ATIVIDADE DA P53 NA SAÚDE DO IDOSO, COM BASE EM UM COMPILAMENTO DE INFORMAÇÕES PRESENTE EM 21 ARTIGOS, NO QUAL OBJETIVA APRIMORAR OS CONHECIMENTOS DA PROTEÍNA E A SUA RELAÇÃO À MULTIFATORES DO CÂNCER. DESTARTE, A PRIMÓRDIO O ALVO CHAVE TRANSCRICIONAL DE P53 É O INIBIDOR DE QUINASES DEPENDENTE DE CICLINAS P21CIP1/WAF1, O QUAL SILENCIA A QUINASE CDK2/CICLINA E QUE PROMOVE A TRANSIÇÃO G1/S, INCAPACITANDO A SÍNTESE DO DNA. A DISFUNÇÃO DA PROTEÍNA E DEFICIÊNCIA NO PONTO DE CHECAGEM PROMOVE O ESCURTAMENTO DOS TELÔMEROS, FATOR ATRELADO AO DESENVOLVIMENTO DO CÂNCER. AINDA MAIS, SUA RELAÇÃO COM A VITAMINA 1,25-DIHIDROXIVITAMINA D3 ATRAVÉS DAS VIAS DE SINALIZAÇÃO P53-P21 E P16-RB CONTRIBUEM NO RETARDO DO ENVELHECIMENTO E SUA ATIVIDADE EM MÉTODOS FARMACOLÓGICOS, COMO NO TRATAMENTO COM O CLORIDRATO DE METFORMINA PARA PROLONGAMENTO DA LONGEVIDADE. PORTANTO, A SUPRESSORA DE TUMOR P53 É IMPRESCINDÍVEL NO TRATAMENTO ANTICÂNCER, PRINCIPALMENTE NA SAÚDE DOS IDOSOS."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT 01: Gerontologia Social"
    "palavra_chave" => "ENVELHECIMENTO, P53, CÂNCER, CARCINOGÊNESE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV125_MD1_SA1_ID2426_10062019195637.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:50"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:53:27"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "SABRINA PEREIRA GERMANO"
    "autor_nome_curto" => "SABRINA PEREIRA"
    "autor_email" => "scanzenza@gmail.com"
    "autor_ies" => "UFCG"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-vi-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais VI CIEH"
    "edicao_evento" => "VI Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2019"
    "edicao_logo" => "5e49e780eec9b_16022020220816.png"
    "edicao_capa" => "5ee370c6dba9e_12062020091046.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-06-26 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 26 de junho de 2019

Resumo

O ENVELHECIMENTO POPULACIONAL É UM FENÔMENO NATURAL QUE COM SUA PROGRESSÃO ATENUA-SE OS CASOS DE VULNERABILIDADE À DOENÇAS, COMO EXEMPLO O CÂNCER. A P53 É UMA PROTEÍNA SUPRESSORA DE TUMOR QUE ESTÁ RELACIONADA INTRISICAMENTE COM A CARCINOGÊNESE NO PROCESSO DE ENVELHECIMENTO, PARTICIPANDO NOS MECANISMOS DE INDUÇÃO DA PARADA DO CICLO CELULAR, VIAS SINALIZADORAS, APOPTOSE, REGULAÇÃO DE GENES ALVO E REPARO DE DNA. O PRESENTE TRABALHO APRESENTA UMA REVISÃO SISTEMÁTICA INTEGRATIVA SOBRE OS MECANISMOS E ATIVIDADE DA P53 NA SAÚDE DO IDOSO, COM BASE EM UM COMPILAMENTO DE INFORMAÇÕES PRESENTE EM 21 ARTIGOS, NO QUAL OBJETIVA APRIMORAR OS CONHECIMENTOS DA PROTEÍNA E A SUA RELAÇÃO À MULTIFATORES DO CÂNCER. DESTARTE, A PRIMÓRDIO O ALVO CHAVE TRANSCRICIONAL DE P53 É O INIBIDOR DE QUINASES DEPENDENTE DE CICLINAS P21CIP1/WAF1, O QUAL SILENCIA A QUINASE CDK2/CICLINA E QUE PROMOVE A TRANSIÇÃO G1/S, INCAPACITANDO A SÍNTESE DO DNA. A DISFUNÇÃO DA PROTEÍNA E DEFICIÊNCIA NO PONTO DE CHECAGEM PROMOVE O ESCURTAMENTO DOS TELÔMEROS, FATOR ATRELADO AO DESENVOLVIMENTO DO CÂNCER. AINDA MAIS, SUA RELAÇÃO COM A VITAMINA 1,25-DIHIDROXIVITAMINA D3 ATRAVÉS DAS VIAS DE SINALIZAÇÃO P53-P21 E P16-RB CONTRIBUEM NO RETARDO DO ENVELHECIMENTO E SUA ATIVIDADE EM MÉTODOS FARMACOLÓGICOS, COMO NO TRATAMENTO COM O CLORIDRATO DE METFORMINA PARA PROLONGAMENTO DA LONGEVIDADE. PORTANTO, A SUPRESSORA DE TUMOR P53 É IMPRESCINDÍVEL NO TRATAMENTO ANTICÂNCER, PRINCIPALMENTE NA SAÚDE DOS IDOSOS.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.