Artigo Anais II CNEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2526-1908

O ÍNDICE DE MASSA CORPORAL PODE PREDISPOR AO AUMENTO DE QUEDAS EM IDOSOS COMUNITÁRIOS?

Palavra-chaves: ENVELHECIMENTO, ÍNDICE DE MASSA CORPORAL, QUEDAS Pôster (PO) AT 07: Atividade física, estilo de vida e longevidade
"2018-11-21 23:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 50385
    "edicao_id" => 102
    "trabalho_id" => 165
    "inscrito_id" => 858
    "titulo" => "O ÍNDICE DE MASSA CORPORAL PODE PREDISPOR AO AUMENTO DE QUEDAS EM IDOSOS COMUNITÁRIOS?"
    "resumo" => "O envelhecimento humano é definido como o período de declínio da função da maioria dos sistemas do corpo. Um fator importante que pode influenciar a capacidade funcional do indivíduo idoso é o estado nutricional, e sua análise, em idosos, pode ser realizada pela antropometria, que é um método de simples de utilização e facilidade de interpretação. O excesso de peso aliado ao processo de envelhecimento pode trazer alterações prejudiciais à saúde, acarretando declínio na aptidão funcional, reduzir o grau de independência e tornar suscetível a ocorrência de quedas. Portanto, verificar a composição corporal, no que se refere ao baixo e/ou excesso de peso, é de grande importância para estabelecer estratégias preventivas aos futuros episódios de quedas na população idosa. Diante deste contexto, realizou-se este estudo com o objetivo de verificar a associação entre o IMC e a ocorrência de quedas em idosos comunitários. A amostra do presente estudo foi constituída por 133 idosos voluntários, assim distribuídos por faixa etária: entre 60 a 69 anos (n= 73), 70 a 79 anos (n= 48) e 80 anos e mais (n=12), sendo que do total, 73% (n=98) eram do sexo feminino. Evidenciou-se que o excesso de peso esteve associado significativamente ao autorrelato de quedas pelos idosos entrevistados, tanto na faixa etária de 60-69 anos, quanto na de 70-79 anos. Já os idosos com idade acima de 80 anos tiveram, em sua maioria, peso adequado, sendo que esta associação não foi significativa com a ocorrência de quedas."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "AT 07: Atividade física, estilo de vida e longevidade"
    "palavra_chave" => "ENVELHECIMENTO, ÍNDICE DE MASSA CORPORAL, QUEDAS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV114_MD4_SA7_ID858_27102018190906.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:37"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:07:05"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "SARAH ALBINO"
    "autor_nome_curto" => "SARAH ALBINO"
    "autor_email" => "sarahalbinof@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-ii-cneh"
    "edicao_nome" => "Anais II CNEH"
    "edicao_evento" => "II Congresso Nacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2018
    "edicao_pasta" => "anais/cneh/2018"
    "edicao_logo" => "5e49f6503c6b5_16022020231128.png"
    "edicao_capa" => "5f183e545df20_22072020102540.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2018-11-21 23:00:00"
    "publicacao_id" => 34
    "publicacao_nome" => "Anais CNEH"
    "publicacao_codigo" => "2526-1908"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 50385
    "edicao_id" => 102
    "trabalho_id" => 165
    "inscrito_id" => 858
    "titulo" => "O ÍNDICE DE MASSA CORPORAL PODE PREDISPOR AO AUMENTO DE QUEDAS EM IDOSOS COMUNITÁRIOS?"
    "resumo" => "O envelhecimento humano é definido como o período de declínio da função da maioria dos sistemas do corpo. Um fator importante que pode influenciar a capacidade funcional do indivíduo idoso é o estado nutricional, e sua análise, em idosos, pode ser realizada pela antropometria, que é um método de simples de utilização e facilidade de interpretação. O excesso de peso aliado ao processo de envelhecimento pode trazer alterações prejudiciais à saúde, acarretando declínio na aptidão funcional, reduzir o grau de independência e tornar suscetível a ocorrência de quedas. Portanto, verificar a composição corporal, no que se refere ao baixo e/ou excesso de peso, é de grande importância para estabelecer estratégias preventivas aos futuros episódios de quedas na população idosa. Diante deste contexto, realizou-se este estudo com o objetivo de verificar a associação entre o IMC e a ocorrência de quedas em idosos comunitários. A amostra do presente estudo foi constituída por 133 idosos voluntários, assim distribuídos por faixa etária: entre 60 a 69 anos (n= 73), 70 a 79 anos (n= 48) e 80 anos e mais (n=12), sendo que do total, 73% (n=98) eram do sexo feminino. Evidenciou-se que o excesso de peso esteve associado significativamente ao autorrelato de quedas pelos idosos entrevistados, tanto na faixa etária de 60-69 anos, quanto na de 70-79 anos. Já os idosos com idade acima de 80 anos tiveram, em sua maioria, peso adequado, sendo que esta associação não foi significativa com a ocorrência de quedas."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "AT 07: Atividade física, estilo de vida e longevidade"
    "palavra_chave" => "ENVELHECIMENTO, ÍNDICE DE MASSA CORPORAL, QUEDAS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV114_MD4_SA7_ID858_27102018190906.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:37"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:07:05"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "SARAH ALBINO"
    "autor_nome_curto" => "SARAH ALBINO"
    "autor_email" => "sarahalbinof@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-ii-cneh"
    "edicao_nome" => "Anais II CNEH"
    "edicao_evento" => "II Congresso Nacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2018
    "edicao_pasta" => "anais/cneh/2018"
    "edicao_logo" => "5e49f6503c6b5_16022020231128.png"
    "edicao_capa" => "5f183e545df20_22072020102540.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2018-11-21 23:00:00"
    "publicacao_id" => 34
    "publicacao_nome" => "Anais CNEH"
    "publicacao_codigo" => "2526-1908"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 21 de novembro de 2018

Resumo

O envelhecimento humano é definido como o período de declínio da função da maioria dos sistemas do corpo. Um fator importante que pode influenciar a capacidade funcional do indivíduo idoso é o estado nutricional, e sua análise, em idosos, pode ser realizada pela antropometria, que é um método de simples de utilização e facilidade de interpretação. O excesso de peso aliado ao processo de envelhecimento pode trazer alterações prejudiciais à saúde, acarretando declínio na aptidão funcional, reduzir o grau de independência e tornar suscetível a ocorrência de quedas. Portanto, verificar a composição corporal, no que se refere ao baixo e/ou excesso de peso, é de grande importância para estabelecer estratégias preventivas aos futuros episódios de quedas na população idosa. Diante deste contexto, realizou-se este estudo com o objetivo de verificar a associação entre o IMC e a ocorrência de quedas em idosos comunitários. A amostra do presente estudo foi constituída por 133 idosos voluntários, assim distribuídos por faixa etária: entre 60 a 69 anos (n= 73), 70 a 79 anos (n= 48) e 80 anos e mais (n=12), sendo que do total, 73% (n=98) eram do sexo feminino. Evidenciou-se que o excesso de peso esteve associado significativamente ao autorrelato de quedas pelos idosos entrevistados, tanto na faixa etária de 60-69 anos, quanto na de 70-79 anos. Já os idosos com idade acima de 80 anos tiveram, em sua maioria, peso adequado, sendo que esta associação não foi significativa com a ocorrência de quedas.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.