Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

EXPERIÊNCIAS DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO: OBSERVAÇÕES SOBRE O ENSINO DE LEITURA, ORALIDADE E PRODUÇÃO TEXTUAL

Palavra-chaves: LÍNGUA PORTUGUESA, ENSINO, LEITURA, ORALIDADE, ORALIDADE Comunicação Oral (CO) GT 15 – Ensino de línguas
"2017-12-19 23:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 36930
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 5005
    "inscrito_id" => 3079
    "titulo" => "EXPERIÊNCIAS DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO: OBSERVAÇÕES SOBRE O ENSINO DE LEITURA, ORALIDADE E PRODUÇÃO TEXTUAL"
    "resumo" => "Nosso objetivo principal é fornecer um panorama geral da prática de ensino de leitura, oralidade e produção escrita em duas escolas da Região Metropolitana do Recife, a partir da experiência de estágio supervisionado. Para isso, abordaremos o que os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) recomendam para o ensino de leitura, oralidade e produção escrita no componente curricular Língua Portuguesa; apontaremos as observações de duas graduandas sobre esse ensino em aulas de Língua Portuguesa em duas escolas da Região Metropolitana do Recife; e discutiremos tais observações a partir da comparação entre as práticas e o que é proposto pelos PCN de Língua Portuguesa. A discussão justifica-se pela possibilidade de reflexão sobre o que é recomendado nos Parâmetros e a prática de ensino na realidade escolar. A principal contribuição deste estudo é um indicativo de como duas escolas de uma região específica se adéquam a algumas exigências dos parâmetros e não a outras, como, por exemplo, o ensino de leitura. A ausência, nas duas escolas, da leitura programada e da de escolha pessoal, nos alerta a respeito dos problemas de leitura e, consequentemente, de escrita enfrentados pelos alunos nas escolas em todo o território nacional. A escassez de trabalho com a modalidade oral da língua pode indicar deficiências no ensino de língua no que diz respeito às necessidades dos alunos para se comunicarem oralmente. Os problemas no ensino da leitura e da produção escrita verificados na escola B podem se dever ao fato de o ensino de redação dar lugar hoje ao ensino de produção textual, por exemplo."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 15 – Ensino de línguas"
    "palavra_chave" => "LÍNGUA PORTUGUESA, ENSINO, LEITURA, ORALIDADE, ORALIDADE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA15_ID3079_17102017155713.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:21"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:07"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "LETÍCIA KARLA BELMIRO DA SILVA"
    "autor_nome_curto" => "LETÍCIA BELMIRO"
    "autor_email" => "leticiakbelmiro@hotmail.c"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO (UFRPE)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-19 23:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 36930
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 5005
    "inscrito_id" => 3079
    "titulo" => "EXPERIÊNCIAS DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO: OBSERVAÇÕES SOBRE O ENSINO DE LEITURA, ORALIDADE E PRODUÇÃO TEXTUAL"
    "resumo" => "Nosso objetivo principal é fornecer um panorama geral da prática de ensino de leitura, oralidade e produção escrita em duas escolas da Região Metropolitana do Recife, a partir da experiência de estágio supervisionado. Para isso, abordaremos o que os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) recomendam para o ensino de leitura, oralidade e produção escrita no componente curricular Língua Portuguesa; apontaremos as observações de duas graduandas sobre esse ensino em aulas de Língua Portuguesa em duas escolas da Região Metropolitana do Recife; e discutiremos tais observações a partir da comparação entre as práticas e o que é proposto pelos PCN de Língua Portuguesa. A discussão justifica-se pela possibilidade de reflexão sobre o que é recomendado nos Parâmetros e a prática de ensino na realidade escolar. A principal contribuição deste estudo é um indicativo de como duas escolas de uma região específica se adéquam a algumas exigências dos parâmetros e não a outras, como, por exemplo, o ensino de leitura. A ausência, nas duas escolas, da leitura programada e da de escolha pessoal, nos alerta a respeito dos problemas de leitura e, consequentemente, de escrita enfrentados pelos alunos nas escolas em todo o território nacional. A escassez de trabalho com a modalidade oral da língua pode indicar deficiências no ensino de língua no que diz respeito às necessidades dos alunos para se comunicarem oralmente. Os problemas no ensino da leitura e da produção escrita verificados na escola B podem se dever ao fato de o ensino de redação dar lugar hoje ao ensino de produção textual, por exemplo."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 15 – Ensino de línguas"
    "palavra_chave" => "LÍNGUA PORTUGUESA, ENSINO, LEITURA, ORALIDADE, ORALIDADE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA15_ID3079_17102017155713.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:21"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:07"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "LETÍCIA KARLA BELMIRO DA SILVA"
    "autor_nome_curto" => "LETÍCIA BELMIRO"
    "autor_email" => "leticiakbelmiro@hotmail.c"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO (UFRPE)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-19 23:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 19 de dezembro de 2017

Resumo

Nosso objetivo principal é fornecer um panorama geral da prática de ensino de leitura, oralidade e produção escrita em duas escolas da Região Metropolitana do Recife, a partir da experiência de estágio supervisionado. Para isso, abordaremos o que os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) recomendam para o ensino de leitura, oralidade e produção escrita no componente curricular Língua Portuguesa; apontaremos as observações de duas graduandas sobre esse ensino em aulas de Língua Portuguesa em duas escolas da Região Metropolitana do Recife; e discutiremos tais observações a partir da comparação entre as práticas e o que é proposto pelos PCN de Língua Portuguesa. A discussão justifica-se pela possibilidade de reflexão sobre o que é recomendado nos Parâmetros e a prática de ensino na realidade escolar. A principal contribuição deste estudo é um indicativo de como duas escolas de uma região específica se adéquam a algumas exigências dos parâmetros e não a outras, como, por exemplo, o ensino de leitura. A ausência, nas duas escolas, da leitura programada e da de escolha pessoal, nos alerta a respeito dos problemas de leitura e, consequentemente, de escrita enfrentados pelos alunos nas escolas em todo o território nacional. A escassez de trabalho com a modalidade oral da língua pode indicar deficiências no ensino de língua no que diz respeito às necessidades dos alunos para se comunicarem oralmente. Os problemas no ensino da leitura e da produção escrita verificados na escola B podem se dever ao fato de o ensino de redação dar lugar hoje ao ensino de produção textual, por exemplo.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.