Artigo Anais V CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

PREVALÊNCIA DE CANDIDÍASE ORAL EM IDOSOS PORTADORES DE AIDS: UM ESTUDO EPIDEMIOLÓGICO

Palavra-chaves: AIDS, IDOSOS, CANDIDÍASE ORAL, HIV, HIV Tema Livre (TL) AT-15: Envelhecimento e Interdisciplinaridade
"2017-12-20 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 34743
    "edicao_id" => 76
    "trabalho_id" => 936
    "inscrito_id" => 1951
    "titulo" => "PREVALÊNCIA DE CANDIDÍASE ORAL EM IDOSOS PORTADORES DE AIDS: UM ESTUDO EPIDEMIOLÓGICO"
    "resumo" => "A candidíase oral pode representar um dos primeiros sinais clínicos da infecção pelo HIV, sendo indicador do sistema imune e tempo de evolução da doença. O número de idosos infectados tem crescido e em virtude desta população constituir um grupo social vulnerável, torna-se importante investigar manifestações que sinalizem a doença. Este trabalho verificou a prevalência de candidíase oral notificada em portadores de AIDS no Estado da Paraíba de acordo com o Sistema de Informação de Agravos de Notificação no período de 2000 a 2010. Desenvolveu-se um estudo epidemiológico transversal e quantitativo utilizando dados secundários coletados do SINAN W e Net do programa DST/AIDS da Paraíba em participantes com 50 anos ou mais que apresentassem registro completo da evolução do caso. Utilizaram-se os testes de Qui-Quadrado de Pearson e a razão de prevalência com p significativo a 5% e IC de 95%. Foram notificados 310 casos de AIDS dos quais 227 pertenciam a faixa etária de 50-59 anos e 83 casos a faixa etária 60 anos ou mais. A prevalência de candidíase oral foi maior na população com 60 anos ou mais quando comparada a 50-59 anos (35,5% versus 29,5%) sem associação significativa entre a ocorrência da lesão e a faixa etária (p=0,326).  As manifestações bucais relacionadas à infecção pelo HIV têm sido mundialmente estudadas como indicadores importantes para a vigilância epidemiológica dessa doença. Haja vista a escassez de trabalhos na literatura com pacientes nessa faixa etária, espera-se que estes resultados possam subsidiar ações de avaliação, prevenção e controle da AIDS."
    "modalidade" => "Tema Livre (TL)"
    "area_tematica" => "AT-15: Envelhecimento e Interdisciplinaridade"
    "palavra_chave" => "AIDS, IDOSOS, CANDIDÍASE ORAL, HIV, HIV"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV075_MD2_SA15_ID1951_19102017233309.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:19"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:49:35"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "CARMEM GABRIELA GOMES DE FIGUEIREDO"
    "autor_nome_curto" => "GABRIELA GOMES"
    "autor_email" => "gabrielagfigueiredo@gmail"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA (UFPB)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-v-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais V CIEH"
    "edicao_evento" => "V Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2017"
    "edicao_logo" => "5e49e719ef6ea_16022020220633.jpg"
    "edicao_capa" => "5f182cfe0d414_22072020091142.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-20 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 34743
    "edicao_id" => 76
    "trabalho_id" => 936
    "inscrito_id" => 1951
    "titulo" => "PREVALÊNCIA DE CANDIDÍASE ORAL EM IDOSOS PORTADORES DE AIDS: UM ESTUDO EPIDEMIOLÓGICO"
    "resumo" => "A candidíase oral pode representar um dos primeiros sinais clínicos da infecção pelo HIV, sendo indicador do sistema imune e tempo de evolução da doença. O número de idosos infectados tem crescido e em virtude desta população constituir um grupo social vulnerável, torna-se importante investigar manifestações que sinalizem a doença. Este trabalho verificou a prevalência de candidíase oral notificada em portadores de AIDS no Estado da Paraíba de acordo com o Sistema de Informação de Agravos de Notificação no período de 2000 a 2010. Desenvolveu-se um estudo epidemiológico transversal e quantitativo utilizando dados secundários coletados do SINAN W e Net do programa DST/AIDS da Paraíba em participantes com 50 anos ou mais que apresentassem registro completo da evolução do caso. Utilizaram-se os testes de Qui-Quadrado de Pearson e a razão de prevalência com p significativo a 5% e IC de 95%. Foram notificados 310 casos de AIDS dos quais 227 pertenciam a faixa etária de 50-59 anos e 83 casos a faixa etária 60 anos ou mais. A prevalência de candidíase oral foi maior na população com 60 anos ou mais quando comparada a 50-59 anos (35,5% versus 29,5%) sem associação significativa entre a ocorrência da lesão e a faixa etária (p=0,326).  As manifestações bucais relacionadas à infecção pelo HIV têm sido mundialmente estudadas como indicadores importantes para a vigilância epidemiológica dessa doença. Haja vista a escassez de trabalhos na literatura com pacientes nessa faixa etária, espera-se que estes resultados possam subsidiar ações de avaliação, prevenção e controle da AIDS."
    "modalidade" => "Tema Livre (TL)"
    "area_tematica" => "AT-15: Envelhecimento e Interdisciplinaridade"
    "palavra_chave" => "AIDS, IDOSOS, CANDIDÍASE ORAL, HIV, HIV"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV075_MD2_SA15_ID1951_19102017233309.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:19"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:49:35"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "CARMEM GABRIELA GOMES DE FIGUEIREDO"
    "autor_nome_curto" => "GABRIELA GOMES"
    "autor_email" => "gabrielagfigueiredo@gmail"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA (UFPB)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-v-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais V CIEH"
    "edicao_evento" => "V Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2017"
    "edicao_logo" => "5e49e719ef6ea_16022020220633.jpg"
    "edicao_capa" => "5f182cfe0d414_22072020091142.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-20 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

A candidíase oral pode representar um dos primeiros sinais clínicos da infecção pelo HIV, sendo indicador do sistema imune e tempo de evolução da doença. O número de idosos infectados tem crescido e em virtude desta população constituir um grupo social vulnerável, torna-se importante investigar manifestações que sinalizem a doença. Este trabalho verificou a prevalência de candidíase oral notificada em portadores de AIDS no Estado da Paraíba de acordo com o Sistema de Informação de Agravos de Notificação no período de 2000 a 2010. Desenvolveu-se um estudo epidemiológico transversal e quantitativo utilizando dados secundários coletados do SINAN W e Net do programa DST/AIDS da Paraíba em participantes com 50 anos ou mais que apresentassem registro completo da evolução do caso. Utilizaram-se os testes de Qui-Quadrado de Pearson e a razão de prevalência com p significativo a 5% e IC de 95%. Foram notificados 310 casos de AIDS dos quais 227 pertenciam a faixa etária de 50-59 anos e 83 casos a faixa etária 60 anos ou mais. A prevalência de candidíase oral foi maior na população com 60 anos ou mais quando comparada a 50-59 anos (35,5% versus 29,5%) sem associação significativa entre a ocorrência da lesão e a faixa etária (p=0,326). As manifestações bucais relacionadas à infecção pelo HIV têm sido mundialmente estudadas como indicadores importantes para a vigilância epidemiológica dessa doença. Haja vista a escassez de trabalhos na literatura com pacientes nessa faixa etária, espera-se que estes resultados possam subsidiar ações de avaliação, prevenção e controle da AIDS.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.