Artigo Anais I CONBRACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

OCORRÊNCIA DE ENTEROPARASITOS EM MANIPULADORES DE ALIMENTOS DAS CANTINAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA/CAMPUS I

Palavra-chaves: ENTEROPARASITOS, MANIPULADORES DE ALIMENTOS, ORIENTAÇÃO Comunicação Oral (CO) AT-03: FARMÁCIA
"2016-06-15 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1638
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 19339
    "edicao_id" => 43
    "trabalho_id" => 828
    "inscrito_id" => 3645
    "titulo" => "OCORRÊNCIA DE ENTEROPARASITOS EM MANIPULADORES DE ALIMENTOS DAS CANTINAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA/CAMPUS I"
    "resumo" => "As doenças parasitárias e seus danos à saúde representam um grave problema de saúde pública, haja vista o grande número de indivíduos infectados. Dessa forma, tem sido cada vez mais objeto de estudo por serem responsáveis por quadros clínicos com expressivos índices de morbimortalidade. Além disso, constitui um dos melhores indicadores do status socioeconômico de uma população e está associada a diversos determinantes, como instalações sanitárias inadequadas, poluição fecal da água e de alimentos consumidos, fatores socioculturais, contato com animais e ausência de saneamento básico. os objetivos do presente trabalho foi investigar a ocorrência de enteroparasitos em manipuladores de alimentos atuantes nas cantinas da Universidade Federal da Paraíba, bem como identificar o gênero mais acometido e delinear o perfil enteroparasitológico, correlacionando as condições de saneamento básico e higiene, através de questionários epidemiológicos. A pesquisa foi realizada no Laboratório de Parasitologia do Departamento de Ciências Farmacêuticas (DCF) pertencente ao Centro de Ciências da Saúde (CCS) com manipuladores de alimentos, atuantes nas cantinas de alimentação do Campus Universitário I da UFPB em João Pessoa-PB. Analisou-se os resultados de 58 exames coproparasitológicos, provenientes dos manipuladores de alimentos atuantes nas cantinas universitárias; destes 70,69% (41) apresentaram positividade para pelo menos uma espécie de parasitos e comensais intestinais, entretanto, em 29,31% (19) não foram observadas estruturas parasitárias. Conclui-se que a frequência de comensais intestinais, foi responsável por representar o maior número de positividade nas amostras. A presença destes em manipuladores merece destaque, pois se trata de grupos de alto risco de transmissão de espécies patogênicas."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT-03: FARMÁCIA"
    "palavra_chave" => "ENTEROPARASITOS, MANIPULADORES DE ALIMENTOS, ORIENTAÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV055_MD1_SA3_ID3645_31052016214118.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:05"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:28:11"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ANA CAROLINA DA SILVA MONTEIRO "
    "autor_nome_curto" => "CAROL MONTEIRO"
    "autor_email" => "anacarolinasbio@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA "
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conbracis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONBRACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Brasileiro de Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conbracis/2016"
    "edicao_logo" => "5e4a005a0a41f_16022020235418.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1844e6a6a1a_22072020105342.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-15 00:00:00"
    "publicacao_id" => 29
    "publicacao_nome" => "Anais Conbracis"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 19339
    "edicao_id" => 43
    "trabalho_id" => 828
    "inscrito_id" => 3645
    "titulo" => "OCORRÊNCIA DE ENTEROPARASITOS EM MANIPULADORES DE ALIMENTOS DAS CANTINAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA/CAMPUS I"
    "resumo" => "As doenças parasitárias e seus danos à saúde representam um grave problema de saúde pública, haja vista o grande número de indivíduos infectados. Dessa forma, tem sido cada vez mais objeto de estudo por serem responsáveis por quadros clínicos com expressivos índices de morbimortalidade. Além disso, constitui um dos melhores indicadores do status socioeconômico de uma população e está associada a diversos determinantes, como instalações sanitárias inadequadas, poluição fecal da água e de alimentos consumidos, fatores socioculturais, contato com animais e ausência de saneamento básico. os objetivos do presente trabalho foi investigar a ocorrência de enteroparasitos em manipuladores de alimentos atuantes nas cantinas da Universidade Federal da Paraíba, bem como identificar o gênero mais acometido e delinear o perfil enteroparasitológico, correlacionando as condições de saneamento básico e higiene, através de questionários epidemiológicos. A pesquisa foi realizada no Laboratório de Parasitologia do Departamento de Ciências Farmacêuticas (DCF) pertencente ao Centro de Ciências da Saúde (CCS) com manipuladores de alimentos, atuantes nas cantinas de alimentação do Campus Universitário I da UFPB em João Pessoa-PB. Analisou-se os resultados de 58 exames coproparasitológicos, provenientes dos manipuladores de alimentos atuantes nas cantinas universitárias; destes 70,69% (41) apresentaram positividade para pelo menos uma espécie de parasitos e comensais intestinais, entretanto, em 29,31% (19) não foram observadas estruturas parasitárias. Conclui-se que a frequência de comensais intestinais, foi responsável por representar o maior número de positividade nas amostras. A presença destes em manipuladores merece destaque, pois se trata de grupos de alto risco de transmissão de espécies patogênicas."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT-03: FARMÁCIA"
    "palavra_chave" => "ENTEROPARASITOS, MANIPULADORES DE ALIMENTOS, ORIENTAÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV055_MD1_SA3_ID3645_31052016214118.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:05"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:28:11"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ANA CAROLINA DA SILVA MONTEIRO "
    "autor_nome_curto" => "CAROL MONTEIRO"
    "autor_email" => "anacarolinasbio@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA "
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conbracis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONBRACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Brasileiro de Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conbracis/2016"
    "edicao_logo" => "5e4a005a0a41f_16022020235418.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1844e6a6a1a_22072020105342.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-15 00:00:00"
    "publicacao_id" => 29
    "publicacao_nome" => "Anais Conbracis"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 15 de junho de 2016

Resumo

As doenças parasitárias e seus danos à saúde representam um grave problema de saúde pública, haja vista o grande número de indivíduos infectados. Dessa forma, tem sido cada vez mais objeto de estudo por serem responsáveis por quadros clínicos com expressivos índices de morbimortalidade. Além disso, constitui um dos melhores indicadores do status socioeconômico de uma população e está associada a diversos determinantes, como instalações sanitárias inadequadas, poluição fecal da água e de alimentos consumidos, fatores socioculturais, contato com animais e ausência de saneamento básico. os objetivos do presente trabalho foi investigar a ocorrência de enteroparasitos em manipuladores de alimentos atuantes nas cantinas da Universidade Federal da Paraíba, bem como identificar o gênero mais acometido e delinear o perfil enteroparasitológico, correlacionando as condições de saneamento básico e higiene, através de questionários epidemiológicos. A pesquisa foi realizada no Laboratório de Parasitologia do Departamento de Ciências Farmacêuticas (DCF) pertencente ao Centro de Ciências da Saúde (CCS) com manipuladores de alimentos, atuantes nas cantinas de alimentação do Campus Universitário I da UFPB em João Pessoa-PB. Analisou-se os resultados de 58 exames coproparasitológicos, provenientes dos manipuladores de alimentos atuantes nas cantinas universitárias; destes 70,69% (41) apresentaram positividade para pelo menos uma espécie de parasitos e comensais intestinais, entretanto, em 29,31% (19) não foram observadas estruturas parasitárias. Conclui-se que a frequência de comensais intestinais, foi responsável por representar o maior número de positividade nas amostras. A presença destes em manipuladores merece destaque, pois se trata de grupos de alto risco de transmissão de espécies patogênicas.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.