Artigo Anais I CONBRACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

Visualizações: 317
A IMPORTÂNCIA DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA SALA DE RECUPERAÇÃO PÓS-ANESTÉSICA: UM RELATO DE UMA EXPERIÊNCIA

Palavra-chaves: ENFERMAGEM, CENTRO CIRÚRGICO, SRPA Comunicação Oral (CO) AT-04: ENFERMAGEM Publicado em 15 de junho de 2016

Resumo

Este estudo justifica-se diante da necessidade de uma assistência de enfermagem cada vez mais qualificada no pós-operatório, tornando relevante o uso da SAE no processo de enfermagem, bem como a presença e importância do enfermeiro na realização desses procedimentos, os quais possibilitam um aumento significativo no conforto, segurança e recuperação dos pacientes. Tem por objetivo evidenciar a importância desse profissional dentro da sala de recuperação pós-anestésica através da aplicação do processo de enfermagem e do uso da escala de Aldrete Kroulik. Utiliza o método descritivo, narrativo, do tipo relato de experiência, acerca da vivência de acadêmicos de enfermagem no centro cirúrgico de um hospital escola no interior do estado da Paraíba. A experiência relatada ocorreu no mês de abril de 2016, distribuída em 04 turnos de 04 horas, totalizando 16 horas para um grupo de quatro alunos. Após admissão na Sala de Recuperação Pós-anestésica foi feita a avaliação dos pacientes com foco na respiração, na saturação de oxigênio, na circulação, no nível de consciência e na atividade motora. Em seguida foi feito um levantamento dos diagnósticos de enfermagem mais frequentes como dor aguda, integridade da pele prejudicada, mobilidade física prejudicada, risco para infecção. Dessa forma, foi observado um bom prognóstico dos pacientes na recuperação da cirurgia, e pôde-se evidenciar o quanto a realização da assistência de enfermagem de forma efetiva contribui para uma boa recuperação do paciente, evitando as complicações pós-operatórias imediatas e diminuindo consideravelmente o risco das complicações mediatas e tardias.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.