Artigo Anais XII CONAGES

ANAIS de Evento

ISSN: 2177-4781

Visualizações: 185
“EDUCANDO PARA O LAR? ” AS RELAçõES DE GêNERO E A PROFISSIONALIZAçãO NO COLéGIO DIOCESANO PIO XI, EM CAMPINA GRANDE- PB, NA DéCADA DE 1970.

Palavra-chaves: GÊNERO, PROFISSIONALIZAÇÃO, MEMÓRIA Comunicação Oral (CO) Gênero, Sexualidades e Educação

Resumo

O presente artigo propõe analisar a profissionalização implementada no Colégio Diocesano PIO XI, na cidade de Campina Grande-PB, a partir de 1974, ano em que a instituição passa a adequar-se à Lei n. 5.692/71, que institui mudanças salutares para a educação nacional, dentre elas, a implementação de uma educação voltada para a profissionalização de jovens estudantes. Nesse sentido, buscamos conciliar a documentação oficial da escola com as narrativas de ex-alunas e ex-alunos que estudaram nesta instituição no período aqui recortado para estudo, compreendendo a relação entre as falas, os registros nos documentos e as práticas escolares dos sujeitos pesquisados. Desse modo, analisamos como se deu a sondagem vocacional das/os alunas/os para os cursos profissionalizantes, desvelando, assim, as relações de gênero tecidas nesses meandros do cotidiano escolar, apontando também as dificuldades e os desafios enfrentados no decorrer da pesquisa.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.