Artigo Anais IV CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

VULNERABILIDADES NO ENVELHECIMENTO E PRÁTICAS INTERDISCIPLINARES NA GESTÃO DO CUIDADO INTERSETORIAL NA PERSPECTIVA DA CLÍNICA AMPLIADA E DA FERRAMENTA ESTUDO DE CASO.

Palavra-chaves: CLINICA AMPLIADA, CUIDADO, ESTUDO DE CASO, INTERDISCIPLINARIDADE, INTERDISCIPLINARIDADE Tema Livre (TL) Envelhecimento e Interdisciplinaridade
"2015-09-24 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 12886
    "edicao_id" => 36
    "trabalho_id" => 938
    "inscrito_id" => 1521
    "titulo" => "VULNERABILIDADES NO ENVELHECIMENTO E PRÁTICAS INTERDISCIPLINARES NA GESTÃO DO CUIDADO INTERSETORIAL NA PERSPECTIVA DA CLÍNICA AMPLIADA E DA FERRAMENTA ESTUDO DE CASO."
    "resumo" => "O presente artigo tem como objetivo apresentar a intervenção na gestão compartilhada e a consequente criação da ferramenta Estudo de Caso na perspectiva da clínica ampliada para a consecução da intersetorialidade no cuidado à pessoa idosa em situação de vulnerabilidade do Instituto de Assistência Social e Cidadania - IASC na Cidade do Recife. Neste sentido, a equipe interdisciplinar ao longo do processo de intervenção foi necessitando rever conceitos fundamentais como Cuidado, Pessoa Idosa, Interdisciplinaridade, Clínica Ampliada e o estudo sobre a prática instituída interdisciplinar do Estudo de Caso, abrindo as portas para a consecução da intersetorialidade e a interdisciplinaridade que compomos na atuação conjunta no território. Considerando a contradição inerente à sociedade de classes, o debate acerca de práticas para a intersetorialidade é também permeado por ela. Nas políticas sociais, espaços e formas diversas de construção de práticas profissionais precisa abrir-se para ser, ao contrário de meras reprodutoras das relações de dominação, um espaço privilegiado para a transformação social, e a instituição de práticas de cuidado compartilhado. O termo política pode ser tratado de diferentes ângulos que se complementam entre si, primeiro o esfera da política propriamente dita, diferenciando-se de outras esferas da vida social, o segundo como atividade política, aquilo quando nos posicionamos e o terceiro, como a orientação para decisão/ação/orientação, ou seja; a instituição junto com o/a idoso/a de uma ação pública intencional. Escolhemos o terceiro angulo por referir-se ao sentido empregado para definir, compreender e atuar no âmbito da responsabilização das políticas públicas no território."
    "modalidade" => "Tema Livre (TL)"
    "area_tematica" => "Envelhecimento e Interdisciplinaridade"
    "palavra_chave" => "CLINICA AMPLIADA, CUIDADO, ESTUDO DE CASO, INTERDISCIPLINARIDADE, INTERDISCIPLINARIDADE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV040_MD2_SA15_ID1521_27082015220413.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:00"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:43:17"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "JOSELIA BATISTA DA SILVA LAGES"
    "autor_nome_curto" => "JOSELIA BATISTA"
    "autor_email" => "joseliabslages@yahoo.com."
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais IV CIEH"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2015"
    "edicao_logo" => "5e49e629f3441_16022020220233.png"
    "edicao_capa" => "5f182cb905404_22072020091033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-09-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 12886
    "edicao_id" => 36
    "trabalho_id" => 938
    "inscrito_id" => 1521
    "titulo" => "VULNERABILIDADES NO ENVELHECIMENTO E PRÁTICAS INTERDISCIPLINARES NA GESTÃO DO CUIDADO INTERSETORIAL NA PERSPECTIVA DA CLÍNICA AMPLIADA E DA FERRAMENTA ESTUDO DE CASO."
    "resumo" => "O presente artigo tem como objetivo apresentar a intervenção na gestão compartilhada e a consequente criação da ferramenta Estudo de Caso na perspectiva da clínica ampliada para a consecução da intersetorialidade no cuidado à pessoa idosa em situação de vulnerabilidade do Instituto de Assistência Social e Cidadania - IASC na Cidade do Recife. Neste sentido, a equipe interdisciplinar ao longo do processo de intervenção foi necessitando rever conceitos fundamentais como Cuidado, Pessoa Idosa, Interdisciplinaridade, Clínica Ampliada e o estudo sobre a prática instituída interdisciplinar do Estudo de Caso, abrindo as portas para a consecução da intersetorialidade e a interdisciplinaridade que compomos na atuação conjunta no território. Considerando a contradição inerente à sociedade de classes, o debate acerca de práticas para a intersetorialidade é também permeado por ela. Nas políticas sociais, espaços e formas diversas de construção de práticas profissionais precisa abrir-se para ser, ao contrário de meras reprodutoras das relações de dominação, um espaço privilegiado para a transformação social, e a instituição de práticas de cuidado compartilhado. O termo política pode ser tratado de diferentes ângulos que se complementam entre si, primeiro o esfera da política propriamente dita, diferenciando-se de outras esferas da vida social, o segundo como atividade política, aquilo quando nos posicionamos e o terceiro, como a orientação para decisão/ação/orientação, ou seja; a instituição junto com o/a idoso/a de uma ação pública intencional. Escolhemos o terceiro angulo por referir-se ao sentido empregado para definir, compreender e atuar no âmbito da responsabilização das políticas públicas no território."
    "modalidade" => "Tema Livre (TL)"
    "area_tematica" => "Envelhecimento e Interdisciplinaridade"
    "palavra_chave" => "CLINICA AMPLIADA, CUIDADO, ESTUDO DE CASO, INTERDISCIPLINARIDADE, INTERDISCIPLINARIDADE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV040_MD2_SA15_ID1521_27082015220413.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:00"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:43:17"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "JOSELIA BATISTA DA SILVA LAGES"
    "autor_nome_curto" => "JOSELIA BATISTA"
    "autor_email" => "joseliabslages@yahoo.com."
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais IV CIEH"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2015"
    "edicao_logo" => "5e49e629f3441_16022020220233.png"
    "edicao_capa" => "5f182cb905404_22072020091033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-09-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 24 de setembro de 2015

Resumo

O presente artigo tem como objetivo apresentar a intervenção na gestão compartilhada e a consequente criação da ferramenta Estudo de Caso na perspectiva da clínica ampliada para a consecução da intersetorialidade no cuidado à pessoa idosa em situação de vulnerabilidade do Instituto de Assistência Social e Cidadania - IASC na Cidade do Recife. Neste sentido, a equipe interdisciplinar ao longo do processo de intervenção foi necessitando rever conceitos fundamentais como Cuidado, Pessoa Idosa, Interdisciplinaridade, Clínica Ampliada e o estudo sobre a prática instituída interdisciplinar do Estudo de Caso, abrindo as portas para a consecução da intersetorialidade e a interdisciplinaridade que compomos na atuação conjunta no território. Considerando a contradição inerente à sociedade de classes, o debate acerca de práticas para a intersetorialidade é também permeado por ela. Nas políticas sociais, espaços e formas diversas de construção de práticas profissionais precisa abrir-se para ser, ao contrário de meras reprodutoras das relações de dominação, um espaço privilegiado para a transformação social, e a instituição de práticas de cuidado compartilhado. O termo política pode ser tratado de diferentes ângulos que se complementam entre si, primeiro o esfera da política propriamente dita, diferenciando-se de outras esferas da vida social, o segundo como atividade política, aquilo quando nos posicionamos e o terceiro, como a orientação para decisão/ação/orientação, ou seja; a instituição junto com o/a idoso/a de uma ação pública intencional. Escolhemos o terceiro angulo por referir-se ao sentido empregado para definir, compreender e atuar no âmbito da responsabilização das políticas públicas no território.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.