Artigo Anais IV CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

A IMPORTÂNCIA DA AFETIVIDADE PARA A QUALIDADE DE VIDA DO IDOSO EM INSTITUIÇÕES DE LONGA PERMANÊNCIA

Palavra-chaves: AFETIVIDADE, IDOSO, ABANDONO Tema Livre (TL) Afetividade, Sexualidade e Envelhecimento
"2015-09-24 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 11938
    "edicao_id" => 36
    "trabalho_id" => 551
    "inscrito_id" => 1816
    "titulo" => "A IMPORTÂNCIA DA AFETIVIDADE PARA A QUALIDADE DE VIDA DO IDOSO EM INSTITUIÇÕES DE LONGA PERMANÊNCIA"
    "resumo" => "O avanço da tecnologia aumenta os meios para que haja uma maior longevidade. Com o envelhecimento, um importante problema que se apresenta é a transferência de idosos para os asilos, onde são deixados distantes da família e da afetividade que esta poderia lhe proporcionar. Justifica-se, portanto, esta pesquisa pelo aumento significativo de idosos na população. Davim et al, (2004, p. 518), o envelhecimento populacional acelerado no Brasil certamente aumentará o número de idosos institucionalizados. O objetivo desse estudo foi identificar a opinião de idosos asilados a respeito da afetividade. Abordagem qualitativa. A coleta em Instituição de Longa Permanência para Idosos, filantrópica. Aprovado pelo Comitê de Ética da UFRN, parecer nº: 122.181 - CAAE 05866412.1.0000.5537. Os resultados revelam pessoas que se sentem excluídas, abandonadas. Há nas falas riqueza emocional e necessidade desses idosos de se expressarem e serem ouvidos. A afetividade foi exposta em palavras e expressões positivas, como: “Boa amizade de uns com os outros”. É o amor, o carinho”. “É o saber se aproximar do idoso com carinho”. Garstka et al., (2004) colocam que: “A discriminação por idade e os estereótipos são problemas que a sociedade, se seus membros estão buscando uma igualdade universal, deve tratar de eliminar através de conscientização e da educação”. Conhecer a realidade da vivência de idosos asilados oportunizou mostrou a importância da afetividade na qualidade de vida. Infelizmente pôde-se inferir nas falas desses idosos, muitas vezes, descontentamento e tristeza, motivados pelo abandono e falta de toda a afetividade que pessoas nessa faixa etária necessitam."
    "modalidade" => "Tema Livre (TL)"
    "area_tematica" => "Afetividade, Sexualidade e Envelhecimento"
    "palavra_chave" => "AFETIVIDADE, IDOSO, ABANDONO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV040_MD2_SA9_ID1816_05082015085627.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:59"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:43:14"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "LUCILA CORSINO DE PAVIA"
    "autor_nome_curto" => "LUCILA PAIVA"
    "autor_email" => "lucilacorsinodepaiva@gmai"
    "autor_ies" => "UFRN"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais IV CIEH"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2015"
    "edicao_logo" => "5e49e629f3441_16022020220233.png"
    "edicao_capa" => "5f182cb905404_22072020091033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-09-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 11938
    "edicao_id" => 36
    "trabalho_id" => 551
    "inscrito_id" => 1816
    "titulo" => "A IMPORTÂNCIA DA AFETIVIDADE PARA A QUALIDADE DE VIDA DO IDOSO EM INSTITUIÇÕES DE LONGA PERMANÊNCIA"
    "resumo" => "O avanço da tecnologia aumenta os meios para que haja uma maior longevidade. Com o envelhecimento, um importante problema que se apresenta é a transferência de idosos para os asilos, onde são deixados distantes da família e da afetividade que esta poderia lhe proporcionar. Justifica-se, portanto, esta pesquisa pelo aumento significativo de idosos na população. Davim et al, (2004, p. 518), o envelhecimento populacional acelerado no Brasil certamente aumentará o número de idosos institucionalizados. O objetivo desse estudo foi identificar a opinião de idosos asilados a respeito da afetividade. Abordagem qualitativa. A coleta em Instituição de Longa Permanência para Idosos, filantrópica. Aprovado pelo Comitê de Ética da UFRN, parecer nº: 122.181 - CAAE 05866412.1.0000.5537. Os resultados revelam pessoas que se sentem excluídas, abandonadas. Há nas falas riqueza emocional e necessidade desses idosos de se expressarem e serem ouvidos. A afetividade foi exposta em palavras e expressões positivas, como: “Boa amizade de uns com os outros”. É o amor, o carinho”. “É o saber se aproximar do idoso com carinho”. Garstka et al., (2004) colocam que: “A discriminação por idade e os estereótipos são problemas que a sociedade, se seus membros estão buscando uma igualdade universal, deve tratar de eliminar através de conscientização e da educação”. Conhecer a realidade da vivência de idosos asilados oportunizou mostrou a importância da afetividade na qualidade de vida. Infelizmente pôde-se inferir nas falas desses idosos, muitas vezes, descontentamento e tristeza, motivados pelo abandono e falta de toda a afetividade que pessoas nessa faixa etária necessitam."
    "modalidade" => "Tema Livre (TL)"
    "area_tematica" => "Afetividade, Sexualidade e Envelhecimento"
    "palavra_chave" => "AFETIVIDADE, IDOSO, ABANDONO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV040_MD2_SA9_ID1816_05082015085627.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:59"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:43:14"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "LUCILA CORSINO DE PAVIA"
    "autor_nome_curto" => "LUCILA PAIVA"
    "autor_email" => "lucilacorsinodepaiva@gmai"
    "autor_ies" => "UFRN"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais IV CIEH"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2015"
    "edicao_logo" => "5e49e629f3441_16022020220233.png"
    "edicao_capa" => "5f182cb905404_22072020091033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-09-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 24 de setembro de 2015

Resumo

O avanço da tecnologia aumenta os meios para que haja uma maior longevidade. Com o envelhecimento, um importante problema que se apresenta é a transferência de idosos para os asilos, onde são deixados distantes da família e da afetividade que esta poderia lhe proporcionar. Justifica-se, portanto, esta pesquisa pelo aumento significativo de idosos na população. Davim et al, (2004, p. 518), o envelhecimento populacional acelerado no Brasil certamente aumentará o número de idosos institucionalizados. O objetivo desse estudo foi identificar a opinião de idosos asilados a respeito da afetividade. Abordagem qualitativa. A coleta em Instituição de Longa Permanência para Idosos, filantrópica. Aprovado pelo Comitê de Ética da UFRN, parecer nº: 122.181 - CAAE 05866412.1.0000.5537. Os resultados revelam pessoas que se sentem excluídas, abandonadas. Há nas falas riqueza emocional e necessidade desses idosos de se expressarem e serem ouvidos. A afetividade foi exposta em palavras e expressões positivas, como: “Boa amizade de uns com os outros”. É o amor, o carinho”. “É o saber se aproximar do idoso com carinho”. Garstka et al., (2004) colocam que: “A discriminação por idade e os estereótipos são problemas que a sociedade, se seus membros estão buscando uma igualdade universal, deve tratar de eliminar através de conscientização e da educação”. Conhecer a realidade da vivência de idosos asilados oportunizou mostrou a importância da afetividade na qualidade de vida. Infelizmente pôde-se inferir nas falas desses idosos, muitas vezes, descontentamento e tristeza, motivados pelo abandono e falta de toda a afetividade que pessoas nessa faixa etária necessitam.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.