Artigo Anais XI CONAGES

ANAIS de Evento

ISSN: 2177-4781

Visualizações: 195
DIVERSIDADE SEXUAL NO AMBIENTE ESCOLAR: A INTERFERÊNCIA DO RECREADOR NAS BRINCADEIRAS FEMININAS E MASCULINAS

Palavra-chaves: AMBIENTE ESCOLAR, GENERO SEXUAL, PRECONCEITO Pôster (PO) / Poster Submission Gênero, Sexualidades e Educação

Resumo

Este artigo põe em pauta um assunto de extrema relevância no contexto educacional atual, as mais variadas formas de manifestação da diversidade sexual no ambiente escolar. Segundo o Parâmetro Curricular Nacional – PCN volume 10.2 - Ao tratar do tema Orientação Sexual, busca-se considerar a sexualidade como algo inerente à vida e à saúde, que se expressa desde cedo no ser humano. Engloba o papel social do homem e da mulher, o respeito por si e pelo outro, as discriminações e os estereótipos atribuídos e vivenciados em seus relacionamentos. O Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA – em seu artigo 16 inciso IV, toda criança tem direito a brincar, praticar esportes e divertir-se. Por tanto, o brincar deve ser visto como algo natural e inerente, nunca, jamais como algo imposto. Nesse sentido, o presente trabalho tem como finalidade verificar como a diversidade é tratada no ambiente escolar em específico no horário do recreio. Este trabalho está sendo desenvolvido através de pesquisas e estudos bibliográfico buscando fundamentação teórica relacionada ao tema.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.