Resumo Trabalho

A RECONFIGURAÇÃO DAS ARTES MARCIAIS JAPONESAS: BUJUTSU, BUDÔ, ESPORTES DE LUTA

Autor(es): CARLOS JOSÉ MARTINS, CRISTIANO ISRAEL CAETANO, JOSÉ FRANCISO LÓPEZ-GIL, FERNANDO RENATO CAVICHIOLLI

Tendo em vista que a cultura das Artes Marciais Japonesas É objeto de um profundo interesse em todo o mundo, bem como sua difusÃo e inserÇÃo em diferentes esferas vem sendo crescente, este trabalho procura traÇar uma investigaÇÃo histÓrica, cultural e filosÓfica da reconfiguraÇÃo das suas formas tradicionais durante a modernizaÇÃo do paÍs. Neste sentido, entendemos que tal reconfiguraÇÃo enquanto BudÔ, seja nos formatos de esportes, prÁticas de educaÇÃo fÍsica, bem como prÁticas de ascese corporal e espiritual merece abordagem analÍtica e hermenÊutica mais aprofundada, tanto no sentido de sua gÊnese como de suas variadas formas de expressÃo, razÃo do seu destacado impacto internacional de acordo com nossa hipÓtese. Ademais, considerando a prÓxima ediÇÃo dos Jogos OlÍmpicos em TÓquio 2020, procuraremos retraÇar, no interior deste processo, a inserÇÃo do JudÔ como modalidade olÍmpica nos primeiros Jogos OlÍmpicos de TÓquio em 1964, assim como a inserÇÃo do KaratedÔ na prÓxima ediÇÃo dos Jogos acima mencionada. Tais momentos histÓricos serÃo explorados como episÓdios emblemÁticos deste processo dentro de um arco temporal entre passado, atualidade e futuro prÓximo. A relevÂncia da pesquisa desdobra-se em dois aspectos: recognitivo e diagnÓstico. Quanto ao aspecto recognitivo, trata-se de retraÇar a genealogia das prÁticas relacionadas ao Bujutsu, de suas origens relacionadas ao universo marcial da casta guerreira Samurai À sua reconfiguraÇÃo enquanto BudÔ no contexto da modernizaÇÃo do JapÃo. Quanto ao seu aspecto diagnÓstico, trata-se de circunscrever as diferentes formas de expressÃo do BudÔ na contemporaneidade. Sua forma educacional, mais voltada para os fins didÁticos e pedagÓgicos, assim como sua inserÇÃo nas instituiÇÕes de ensino. Sua forma esportivizada, mais voltada para busca da performance atlÉtica. Por fim, sua configuraÇÃo como ascese corporal e espiritual, mais voltada para a constituiÇÃo de um estilo e/ou filosofia de vida. Do ponto de vista metodolÓgico utilizaremos a sociologia configuracional de Norbert Elias, uma vez que esta nos fornece instrumentos analÍticos valiosos para trabalhar o processo de modernizaÇÃo de determinadas prÁticas corporais tradicionais nas quais a questÃo do limite do emprego da forÇa e da violÊncia corporal estÁ notadamente implicada. Tal É o caso emblemÁtico da sociogÊnese do esporte moderno a partir dos jogos tradicionais nos quais o grau de violÊncia presente, bem como a dinÂmica dos confrontos se aproximavam dos confrontos marciais e guerreiros. Neste particular, a reconfiguraÇÃo das artes marciais tradicionais japonesas, enquanto BudÔ, seja como esportes, bem como prÁticas de ascese corporal e espiritual no contexto de modernizaÇÃo do JapÃo podem encontrar uma riqueza analÍtica e hermenÊutica muito expressivas e dÃo conta da razÃo do seu destacado interesse em todo o mundo.

Veja o artigo completo: PDF